Tresor, estrela pop africana, relembra sua infância no novo disco Nostalgia
NOTA8

A estrela pop africana Tresor está de volta com seu terceiro álbum de estúdio, Nostalgia. O músico foi às redes sociais para avisar: as letras falam sobre sua infância e revelam um imaginário muito particular de seu país, a República Democrática do Congo, mas também dos lugares onde passou, sobretudo a África do Sul, onde iniciou a carreira fazendo parte da efervescente cena de Durban.

Nostalgia se conecta com as sonoridades tradicionais africanas, mas também com um pop bem contemporâneo. O disco traz participações de diversos músicos do continente, como AKA (no hit “Electric Night”), Kwesta, The Soil, Msaki, Lokua Kanza, entre outros, o que torna o registro bem diversificado.

É de se lamentar que a instigante cena africana não tenha tanto destaque por aqui, mas depois de ouvir Nostalgia vale a pena ir atrás de The Beautiful Madness, o segundo disco de Tresor, um dos seus melhores trabalhos até aqui.

TRESOR
Nostalgia
[VII Recordings/Universal, 2019]
Sem mais artigos