Resenha: A leveza e a melancolia do , duo formado por Geanine Marques e Rodrigo Bellotto
NOTA7.5

G T’Aime é o nome do novo trabalho da cantora e compositora Geanine Marques ao lado do artista multimídia Rodrigo Bellotto. A proposta do é trazer o clima das canções românticas dos anos 1980 e do charme do pop francês. O tema é o amor e as desilusões do cotidiano. A produção é de , do Hurtmold.

As dez faixas do disco trazem o piano e o violão como base, o que revelou uma sonoridade folk, que chega a ser nostálgica em diversos momentos. É difícil não ouvir o disco e reconhecer ali influências do Everything But The Girl, um pouco de Smiths, trip hop, um balaio de referências dedicado a embalar noites melancólicas.

Geanine Marques foi musa do estilista Alexandre Herchcovitch, atuou como atriz e foi parte do duo Stop Play Moon. Seu vocal traz leveza, mas também consegue ser contundente (pra não dizer amarga) em alguns momentos. Dá pra emocionar. É um disco bem discreto e talvez tenha passado despercebido em meio a lançamentos bem explosivos no cenário independente este ano.

Sem mais artigos