Sting durante o festival Montreaux em julho do ano passado (Divulgação)

Recife pode vir a sediar, ainda em 2012, uma versão itinerante do Festival de Montreux, na Suíça. A informação é da própria Prefeitura do Recife. Uma comitiva do festival esteve por aqui entre os dias 10 e 12 de fevereiro para conhecer a estrutura da cidade para o Carnaval. O intuito era saber a capacidade de receber um evento de grande porte.

Os diretores da Fondation Montreux Jazz 2, Stephanie-Aloysia Moretti e Pierre Landolt, responsáveis pelo intercâmbio cultural do festival, estiveram no Recife a convite da presidente da Fundação de Cultura Cidade do Recife, Luciana Félix. Os diretores do festival visitaram no Recife o Teatro Santa Isabel, a Torre Malakoff, e o Ocupação Moda Cultural, no Paço Alfândega. Ainda participaram da abertura da Central do Carnaval, no Terminal Marítimo (Bairro do Recife), na última sexta-feira (10), e conheceram o Baile Municipal, no sábado (11).

Em julho do ano passado, a executiva da Fondation Montreux Jazz 2 manifestou o desejo de incluir o Brasil no projeto itinerante do festival, mas a princípio pensava no Rio de Janeiro. A ideia é convencer a trazer o evento para Recife. Sting, Janelle Monaé, e até Elis Regina já tocaram no festival.

Sem mais artigos