Robert Kirkman, aclamado criador de The Walking Dead, tem nova série lançada no Brasil, Oblivion Song, com desenhos de Lorenzo de Felici e cores de Annalisa Leoni, dois nomes da nova cena italiana de quadrinhos que estão despontando na cena americana. O primeiro volume acaba de chegar pela Intrínseca.

Oblivion Song: Canção do Silêncio narra o luto, os traumas e os limites impensáveis que ultrapassamos para consertar os erros do passado. Já familiar no trabalho de Kirkman, a complexa construção de personagens e de relacionamentos disfuncionais em realidades distópicas surpreende mais do que qualquer ameaça externa, como monstros ou zumbis.

Anos atrás, 300 mil habitantes da Filadélfia foram lançados em Oblivion, uma nova dimensão aterrorizante que surgiu de forma inexplicável. Os desaparecidos tentam sobreviver enfrentando seres monstruosos em um ambiente inóspito e atordoante, marcado por raros momentos de calmaria num lugar aparentemente esquecido por todos. Por algum tempo o governo realizou incursões para resgatar as vítimas, mas depois de dez anos as buscas foram encerradas.

Mesmo lamentando a perda de entes queridos, a vida seguiu seu curso para grande parte da cidade, e monumentos, memoriais e museus foram erguidos em homenagem aos que se foram. No entanto, se depender do cientista Nathan Cole, nenhuma daquelas pessoas jamais será deixada para trás. Nathan desenvolveu uma tecnologia extremamente instável que lhe permite ir e voltar de Oblivion. Arriscando a própria vida em viagens solitárias, perigosas e muitas vezes infrutíferas na tentativa de resgatar sobreviventes, cada vez que retorna ele se mostra mais determinado. Mas o que Nathan realmente procura e os motivos que fazem dele tão obstinado podem não ser exatamente heroicos.

O primeiro volume da série tem 144 páginas e custa R$ 44,90. Faremos em breve uma resenha completa desse gibi. Compre aqui com desconto.

Sem mais artigos