A cantora Linn da Quebrada invade a Europa em fevereiro. Ela também participa da estreia do filme Bixa Travesty, selecionado para a mostra Panorama do Festival de Berlim. Ela tem oito shows marcados da sua turnê “Trava Tour”.

Leia Mais
Papo com Linn da Quebrada: hora de celebrar o corpo preto e periférico

O filme Bixa Travesty (2018), de Claudia Priscilla e Kiko Goifman, apresenta sua trajetória e propõe ainda um mergulho na cena musical produzida por artistas trans em São Paulo (SP), trazendo uma atmosfera singular da junção entre ficção e documentário.

Com ida marcada para este mês de Fevereiro, a cantora aproveita o giro e estica a viagem para outras cidades europeias, em sua Trava Tour, com o show de Pajubá (2017), seu álbum mais recente.

Entre os dias 17 e 23 de Fevereiro, Linn permanece em Berlim divulgando “Bixa Travesty” e na sequência cai na estrada com sua gig – Jup do Bairro (backing vocal) e DJ Pininga (pick ups) – para se apresentar nas seguintes cidades:

23 de Fevereiro – Berlim
24 de Fevereiro – Amsterdã
28 de Fevereiro – Paris
2 de Março – Lisboa
3 de Março – Madrid
13 de Março – Colônia
15 de Março – Munique
17 de Março – Berlim

“Nossa bixarya está derrubando fronteiras e idiomas”, comenta Linn sobre a excursão, via e-mail. “Vamos invadir a Europa com tudo, chegando com nossa linguagem e nossas histórias. Do cinema à música, vamos abertas para descobrir outras possibilidades e jeitos de produção, artística e de resistência. Vai ser uma delícia”, reflete a artista.

Veja o clipe de “Necomancia”:

Sem mais artigos