jair

O cantor e compositor brasiliense Jair Naves lança novo EP, Atirado ao Mar. Trata-se de um disco nublado, um dos mais melancólicos da carreira do músico.

O novo título reúne quatro canções gravadas durante as sessões que deram origem ao disco lançado pelo músico em fevereiro, Trovões A Me Atingir. Três temas são inéditos: “Gélido, Invernal”, “A Recusa, A Renúncia” e “Converta em Algo Belo a Minha Dor”. Abertura do EP, a faixa-título é conhecida do público mais atento: está “escondida” em Trovões a Me Atingir, como um bônus.

Leia Mais
Jair Naves sedimenta estilo próprio no segundo disco

A capa é assinada pelo designer gráfico Jaime Silveira, de Curitiba, também responsável pelo projeto gráfico do disco completo. “Desde o início das gravações, a ideia era separarmos o material registrado entre um LP e um EP, uma vez que o repertório todo era exageradamente longo. Essas quatro canções, por terem similaridades em termos de sonoridade e temática, acabaram sendo as escolhidas para compor esse registro. Os dois trabalhos são complementares e poderiam perfeitamente formar um álbum duplo, caso fosse essa a intenção”, explica Jair.

Foto: Divulgação.

Foto: Divulgação.

Líder do Ludovic, cultuada banda da cena alternativa de São Paulo, Jair deu início à carreira solo em 2010 com o EP Araguari, inspirado pelo trágico caso dos irmãos Naves, um dos maiores erros judiciais cometidos no Brasil. Em 2012, lançou o álbum de estreia, E Você Se Sente Numa Cela Escura, Planejando a Sua Fuga, Cavando o Chão com as Próprias Unhas.

O novo trabalho está disponível nos serviços de streaming como Deezer e também no iTunes.

Sem mais artigos