Com mais de dois mil shows previstos e 45 polos oficiais, o Carnaval do é meio que um de música gigante e gratuito durante os quatro dias de folia. Além da programação oficial da prefeitura, a cidade ainda conta com diversas outras produções que vão desde eventos menores até festas temáticas (não consideramos aqui as casas-camarote, fechadas ao público). E tem o Rec-Beat, que conta com uma curadoria muito bem pensada e que é conhecido por antecipar tendências e ser musicalmente diverso.

Este ano há destaques de todos os calibres dentro do atual cenário musical local e nacional. No Rec-Beat teremos a Pabllo Vittar fazendo um show que promete ser a catarse dessa onda conservadora que varreu o país. Além disso o palco ainda celebra a cultura do brega-funk legitimamente recifense com o Shevchenko & Elloco.

No Marco Zero a programação novamente se mostrou pouco inventiva com muitas repetições de atrações. Ainda assim, há boas surpresas, como Alcione e Cordel do Fogo Encantado. Há ainda outros polos descentralizados com atrações bem interessantes. É o caso da BaianaSystem, que lança seu novo trabalho no palco da Lagoa do Araçá, Zona Sul do Recife.

se apresenta este ano no Rec-Beat. (Foto: Lana Pinho).

Galo da Madrugada e muitos, muitos polos

Romero Ferro leva seu Frevália para o Galo da Madrugada. O projeto celebra o frevo com uma roupagem diferente, utilizando uma pegada pop e moderna para cantar o ritmo genuinamente pernambucano. O desfile do maior bloco de rua do mundo ainda tem nomes como Gaby Amarantos, Fafá de Belem e Margareth Menezes.

O palco principal da festa, o Marco Zero, vai trazer nomes como Lula Queiroga (com participação especial de Marcelo Jeneci), Maestro Spok, Gaby Amarantos, Paralamas do Sucesso e Gerlane Lopes.

O polo terá shows de Devotos, Otto, Natiruts, Zé Brown e Maestro Forró. Também promove o show de Mombojó ao lado de Tibério Azul.

Na Zona Norte do Recife os polos de Campo Grande e Casa Amarela também trazem shows interessantes. É o caso de Almério no primeiro e Bonsucesso Samba Clube no segundo.

Na Zona Sul a Lagoa do Aracá traz shows de Silvério Pessoa, Alceu Valença, Belo Xis e BaianaSystem. Na Várzea os destaques são N’Zambi, Cordel do Fogo Encantado e Café Preto (projeto de Cannibal do Devotos).

fará a catarse LGBTQ no Cais da Alfândega no Rec-Beat! (Divulgação).

A programação completa pode ser acessada no site oficial. E os demais shows, festas e blocos pode ser vista no PE no Carnaval.

Sem mais artigos