Revista O Grito!

Papo de Quadrinho — O Grito! Blogs – Quadrinhos

Tag: Justiça Jovem

Produtor confirma cancelamento de Lanterna Verde

GL_Ep20_04

Na semana passada, os principais sites internacionais de cultura pop noticiaram o cancelamento das atuais animações do bloco DC Nation do canal Cartoon Network: Lanterna Verde: A série animada e Justiça Jovem.

Isto porque no anúncio da grade do canal para a temporada 2013-2014 constam outros dois desenhos em seu lugar: o aguardado Beware the Batman (primeira animação do Homem-Morcego em computação gráfica) e Teen Titans Go, em estilo anime e voltada ao público infantil.

Em resposta a um e-mail do Papo de Quadrinho, o produtor de Lanterna Verde, Giancarlo Volpe, confirmou a informação:

Infelizmente, é verdade. Lanterna Verde e Justiça Jovem ainda não foram renovadas, o que significa que serão substituídas neste ano por Batman e Teen Titans Go.

De todo modo, obrigado pelo apoio. Significa muito para mim que as pessoas reajam de forma tão apaixonada às nossas séries.

Os episódios inéditos de Lanterna Verde e Justiça Jovem voltaram a ser exibidos no início de janeiro depois de vários problemas de continuidade e um longo hiato.

É uma pena. Justiça Jovem de fato não conseguiu empolgar na segunda temporada. A decisão de adiantar a trama em cinco anos tirou o principal charme da animação: o desenvolvimento emocional do núcleo principal de heróis.

O mesmo não se pode dizer de Lanterna Verde. Depois do impactante final da primeira temporada, a segunda começou muito bem com a participação especial de Guy Gardner, e a ameaça dos Caçadores Cósmicos e do Antimonitor.

Bloco de animação DC Nation volta em janeiro nos EUA

A programação de desenhos animados da DC, exibidos no canal americano Cartoon Network, é uma zona!

A primeira temporada de Young Justice foi interrompida em novembro do ano passado e só retornou em março deste ano; meia dúzia de episódios depois, em abril, começou a ser exibida a segunda temporada – ambientada cinco anos depois – sem nenhum intervalo ou aviso.

Mais algumas semanas e nova interrupção em junho, com somente dois episódios inéditos, em setembro e outubro.

Green Lanternet: The Animated Series teve mais sorte. Depois da premiere em novembro de 2011, a série emplacou em março e teve os 13 episódios exibidos sem interrupção.

O desenho voltou à grade do Cartoon em setembro no que parecia uma nova temporada (apesar de ainda ser considerada a primeira pelos produtores) e teve apenas mais um episódio em outubro.

As animações são o carro chefe do bloco de programação DC Nation; o Cartoon Network anunciou que ambas voltam dia 5 de janeiro com episódios inéditos: Young Justice – Before the Dawn e Green Lantern – Steam Lantern – ambos disponibilizados no iTunes dia 14 de outubro e depois tirados do ar.

Vamos ver se agora vai…

Segunda temporada de Justiça Jovem estreia nos EUA

Justiça Jovem é um dos desenhos de super-heróis mais bacanas da atualidade. Muita ação, diálogos inteligentes, bom humor e muitas referências aos quadrinhos – literais ou adaptadas.

A animação, porém, foi vítima de algum erro estratégico dos produtores. Depois do 9º episódio, amargou o primeiro hiato de seis meses e retornou em setembro; novo hiato de fim de ano em novembro, após o episódio 18.

O retorno se deu em março, quando Justiça Jovem reestreou, ainda na primeira temporada, como uma das principais atrações (ao lado de Green Lantern: The Animated Series) do novo bloco de programação DC Nation, do Cartoon Network  (todas datas referem-se à exibição nos Estados Unidos).

No último sábado (28), sem maior alarde, foi exibido o primeiro episódio da segunda temporada (veja o trailer acima). Pelos anteriores, já dava para perceber que a série encaminhava-se para algum tipo de final: os segredos dos jovens heróis foram revelados, os laços entre eles se tornaram mais fortes, o principal núcleo de vilões veio à tona e, num episódio antológico, os ex-sidekicks livram a cara dos figurões da Liga da Justiça.

A considerar por este novo início, a temporada deu uma guinada brusca na trama, ambientada cinco anos depois da primeira. A equipe cresceu, com ingresso de muitos outros jovens heróis: Abelha, Lacustre, Mutano, Besouro Azul, Moça-Maravilha, Batgirl… e o novo Robin, Tim Drake.

Isto mesmo. Dick Grayson, agora com 18 anos, assumiu a identidade de Asa Noturna e papel de mentor da Justiça Jovem. Superboy e Miss Marte continuam na equipe, porém não namoram mais. Zatana e Rocket foram promovidas para a Liga da Justiça. E Kid Flash, Artemis e Aqualad não deram as caras ainda para revelar o que se tornaram.

O episódio em si é bacana. Os heróis descobrem uma invasão alienígena e começam a investigar e desmantelar as bases hostis. Tem participação especial do Lobo, o maioral, e de Adam Strange, além de outros conhecidos super-heróis que agora fazem parte da Liga da Justiça.

É bem provável que a nova temporada apresente muitos flashbacks deste período de cinco anos. Pessoalmente, gostava das coisas como estavam. A equipe tinha um bom entrosamento e a juventude deles era um ingrediente adicional.

Por tudo de bom que os produtores já fizeram até agora, merecem um voto de confiança. Veremos.

Papo de Quadrinho é um blog da Revista O Grito!. Todos os direitos reservados. © 2013–2020