Revista O Grito!

Papo de Quadrinho — O Grito! Blogs – Quadrinhos

Tag: Jack Kirby

2021: O que vem por aí pela Conrad

Em junho do ano passado, a Conrad deu início ao desafio de se reconstruir e recuperar o prestígio junto a uma nova geração de leitores.

Com novo gerenciamento editorial de Cassius Medauar (que retorna à editora depois de 17 anos) e consultoria de Guilherme Kroll (editor da Balão Editorial), a editora definiu alguns parâmetros para alcançar este objetivo: diversidade de gêneros, investimento em autores estrangeiros e brasileiros, publicação em formato online e impresso.

Com muita coisa já feita em apenas seis meses, a prévia de lançamentos da Conrad para 2021 é uma prova da seriedade com que a estratégia está em andamento. Confira:

Jack Kirby (de Tom Scioli)

Criador de alguns dos super-heróis e supervilões mais marcantes de todos os tempos, Jack Kirby foi muito mais do que rascunhos a lápis, designs bombásticos de personagens e ideias inovadoras.

Esta graphic novel biográfica inédita narra a vida do Rei dos Quadrinhos desde as ruas perigosas de Nova York na época da Depressão, passando pelos sangrentos campos de batalha da Segunda Guerra Mundial, até chegar ao escritório da Marvel, no qual a parceria criativa com Stan Lee produziu alguns dos quadrinhos mais influentes e memoráveis já vistos.

Fosse lutando contra os nazistas, assim como o Capitão América, ou lutando pelos direitos da imensa quantidade de trabalhos produzida por ele, Jack Kirby viveu uma vida tão extraordinária quanto a de seus personagens.

Lançamento em formato impresso e digital

Tangencias (de Miguelanxo Prado)

São oito histórias que mostram variações de relações sentimentais, tangenciais, imperfeitas e limitadas que chegam ao fim.

Eles são artistas, funcionários, profissionais, políticos… pessoas pertencentes a camadas mais ou menos abastadas da sociedade, para quem essas relações acabam em conflito com os seus próprios interesses e que, no final, não sabem, ou não querem, mantê-las.

Lançamento em formato impresso.

Digital e impresso

Mayara & Annabelle (de Pablo Casado e Talles Rodrigues)

Enquanto continuam com suas aventuras publicadas em capítulos semanais online, a dupla Mayara e Annabelle deve ganhar versão impressa em 2021, com formato e número de volumes a serem anunciados em breve.

Na trama, Mayara foi transferida da Secretaria de Atividades Fora do Comum de São Paulo para a Secretaria do Ceará, pois investigou algo que não devia. Annabelle, funcionária da SECAFC/CE, não se animou com essa novidade, e o atrito que surge quando ambas se conhecem é inevitável.

Porém, elas precisam deixar isso de lado e enfrentar uma ameaça não vista há quase vinte anos em Fortaleza. O trabalho destas duas jovens servidoras públicas é mandar de volta ao inferno demônios que estão perturbando a ordem pública ou coisa pior.

Sonhonauta (de Shun Izumi)

Da mesma forma, Sonhonauta segue com os capítulos semanais online e ganha volume único impresso em 2021.

Sinopse: Mendel é um homem que tem uma intensa relação com os seus sonhos, a ponto de ter suas próprias crenças sobre eles. Em um momento de sua vida, ele se aprofunda demais nessa relação.

Agora, se pergunta o que é sonho e o que é realidade. Mas uma dúvida ainda mais cruel o assola: qual deles é o mais importante?

O Último Detetive (de Geraldo Borges e Claudio Alvarez)

Após 20 anos, o detetive Joe Santos precisa voltar a investigar uma série de crimes que estão acontecendo na “Nova Amazônia”.

O que é esta estranha droga que proporciona incrível beleza física, prazer e uma morte dolorosa? Tudo indica que somente Santos poderá resolver o mistério.

Conseguirá o detetive solucionar de vez o caso que acabou com sua carreira, destruiu seu corpo e provocou a morte de seu parceiro?

Depois da publicação dos dois capítulos digitais, O Último Detetive vai virar encadernado impresso.

Em Ti Me Vejo (de Marília Marz e Regiane Braz)

Também lançada primeiro em capítulos mensais online, a HQ terá edição encadernada impressa em 2021.

Uma história sobre cabelo, mas, também uma de dor, encorajamento e busca, que traz em suas entranhas os reflexos e mazelas que o racismo e o processo de embranquecimento podem causar na saúde emocional, na formação da auto estima e na construção da identidade de uma mulher.

Edição única, exclusiva no formato digital

Primo (de Eduardo Medeiros)

Sinopse: Um controle de videogame, dois primos que não se falam e duas concunhadas com o papo para pôr em dia em um domingo de inverno em Porto Alegre.

Séries exclusivas no formato digital, em capítulos mensais

Maria Lua (de Ju Loyola)

A trama mostra a bruxinha Maria Lua e seus amigos Anna e Julio partindo em uma jornada pelas estrelas em busca de conhecimento e muitas aventuras.

Echoes parte 2 (de Eliana Oda)

Esta sequência tem ação, aventura, confrontos, encontros inesperados e muito mais ao lado de Machi, a herderia de Ikhael, e o jovem zanaki Veda.

Makai Mail parte 2 (Jayson Santos)

Makai é um lugar hostil dividido em reinos fechados após uma grande guerra. Para prover a comunicação entre estes reinos, uma empresa de correio chamada Makai Mail foi instituída.

Devi é o melhor entregador dessa empresa, e depois de uma complicada entrega, mais uma companheira se junta à empresa: a súcubo Lilly.

Guia dos Quadrinhos comemora os 100 anos de Jack Kirby

kirby_100anos

O Guia dos Quadrinhos – maior catálogo brasileiro de HQs e organizador do evento Festival Guia dos Quadrinhos – criou várias ações para comemorar o centenário de nascimento de Jack Kirby ao longo deste mês – o artista nasceu no dia 28.

A partir do hoje, o Guia publica no site e em sua redes sociais, uma capa por dia desenhada por Jack Kirby. Semanalmente, vai disponibilizar artigos no site do Festival Guia dos Quadrinhos com histórias e curiosidades do “Rei”.

No dia 5, das 15h às 19h, acontece na loja Pop Art’s (Av. Domingo de Morais, 348 – Loja 27, próximo ao metrô Ana Rosa) uma sessão de autógrafos do livro de arte Os Mundos de Jack Kirby, publicado pelo Guia, que traz ilustrações inéditas feitas por 100 desenhistas brasileiros em homenageiam às criações de Kirby.

E no dia 19, a partir de 15h, o Guia promove um debate no Instituto HQ (Avenida Pompeia, 2040) sobre a obra do lendário artista, com participação de especialistas, artistas e pesquisadores, e moderação de Mauricio Muniz.

A partir do dia 19 e até o dia 28, o Instituto HQ passa a abrigar uma exposição de algumas imagens que ilustram o livro O Mundo de Jack Kirby, com curadoria de Edson Diogo, do Guia dos Quadrinhos, e do artista Will.

Durante o período da exposição, o Instituto HQ vai dar 20% de desconto em seus cursos para quem apresentar uma HQ desenhada por Kirby com data de publicação anterior a 1980.

Jack Kirby ganha biografia nacional por ocasião do seu centenário

kirby_capa

Se estivesse vivo, Jack Kirby completaria 100 anos no próximo dia 28 de agosto. Dono de um traço marcante e personalidade idem, Kirby deixou uma marca insuperável na história das histórias em quadrinhos.

Seu centenário não passou em branco, mesmo aqui no Brasil. De um livro de luxo com ilustrações de brasileiros (editado por Edson Diogo, do site Guia dos Quadrinhos) até uma série de matérias especiais na publicação especializada Mundo dos Super-Heróis, Kirby vem sendo lembrado – como se algum dia tivesse sido esquecido – por artistas, leitores, jornalistas, pesquisadores.

Eis que chega mais uma obra para engrossar o coro de homenagens. Nas próximas semanas, será lançado, pela novíssima Editora Noir, O Criador de Deuses – Jack Kirby, escrito pelo pesquisador, roteirista e escritor Roberto Guedes.

Autor da primeira biografia brasileira de Stan Lee, em 2012, Guedes repete o feito e garante que, assim como o outro, também este livro traz informações inéditas para os leitores.

Nesta entrevista para o Papo de Quadrinho, ele conta como este projeto nasceu e algumas curiosidades.

Seu livro está sendo lançado numa data bem próxima ao aniversário de 100 anos de Jack Kirby. Esse era um projeto que você já vinha gestando ou foi produzido especialmente para a ocasião?

No final do segundo semestre de 2016, um editor da Noir entrou em contato comigo para saber se eu tinha vontade de escrever algum livro para a editora. Comentei que gostaria de escrever sobre a carreira de Kirby, cujo centenário seria no ano seguinte. Os editores adoraram a ideia, e fechamos o negócio.

Muito se tem falado sobre Kirby nas últimas décadas e em especial neste ano. Que tipo de informação inédita o leitor poderá encontrar nessa biografia?

A vida particular de Kirby é um objeto praticamente inexistente para o grande público, mas no livro há uma radiografia abrangente do cidadão Kirby. Desde seus dias no Lower East Side (o bairro pobre e barra-pesada onde cresceu), com seus pais, seu quase desconhecido irmão mais novo, seu namoro e casamento com Rosalind. Conta bastante também sobre sua amizade e parceria com Joe Simon. Enfim, o livro apresenta as várias facetas de Kirby, que antes de ser um artista genial, era também um ser humano, com suas falhas e qualidades. Alguém que transmutava sua fúria interior em obras de arte sequencial.

Além, claro, da participação imprescindível de Kirby na gênese do Universo Marvel nos anos 1960, que outros momentos da vida do “Rei” mereceram mais atenção em seu livro?

 Acredito que os anos que antecederam a criação do Universo Marvel, bem como sua carreira posterior em Hollywood também têm um bom destaque na obra. E não tenho dúvidas que muita gente vai se admirar com a quantidade de coisas que ele fez para a DC, além do Quarto Mundo.

Como você tratou um dos temas mais polêmicos da biografia de Kirby, a desavença com o parceiro Stan Lee?

Procurei registrar o maior número possível de depoimentos de outras pessoas que testemunharam aqueles momentos, e que acompanharam de perto a carreira daqueles dois incríveis autores. São pontos de vistas distintos de colegas de profissão, amigos e familiares que, quando entrecruzados com a visão particular de Stan e Jack para certos tópicos, oferecem uma nova e surpreendente perspectiva para o que realmente foi a Era Marvel. Nem teorias sobre a real utilidade do charuto do Kirby ficaram de fora.

Na sua visão, qual é a percepção que os jovens leitores de quadrinhos têm de Jack Kirby? Eles reconhecem sua importância?

Acho que a grande maioria ainda não soube mensurar a real importância de Kirby para os quadrinhos de super-heróis. Espero que a leitura do livro ajude a esclarecer isso.

O Criador de Deuses – Jack Kirby tem 220 páginas e preço de R$ 49,90. A Comix Book Shop vai vender uma edição limitada do livro com essa capa exclusiva abaixo, que retrata Night Fighter, personagem criado por Joe Simon e Jack Kirby nos anos 1950, e que jamais foi lançado.

kirby_capa_comix

Autor e editora ainda não definiram quando será o evento de lançamento seguido de sessão de autógrafos. Fiquem ligados nas redes sociais do Papo de Quadrinho para não perder a data!

Neste final de semana, tem Festival Guia dos Quadrinhos

Festival GdQ

Do press-release

Neste sábado e domingo, dias 8 e 9 de abril, acontece o encontro nerd mais aguardado do ano, o Festival Guia dos Quadrinhos. O evento será realizado no Clube Homs, na Av. Paulista, 735, próximo ao metrô Brigadeiro.

O site Guia dos Quadrinhos celebra seu 10º aniversário e é referência na listagem de revistas em quadrinhos publicadas no Brasil, dando origem ao evento, que nasceu da necessidade de sair do virtual para torna-se um grande encontro de colecionadores, editores, artistas e amantes da arte sequencial.

Os dois homenageados desta edição são Lilian Mitsunaga – uma das primeiras mulheres a desbravar o mercado com a profissão de “letrista”, ainda tímido – com grandes contribuições nos quadrinhos Disney e de super-heróis da Editora Abril e o desenvolvimento de 15 fontes diferentes para o álbum Asterios Polyp, criadas a partir da caligrafia do autor David Mazzucchelli.

O outro homenageado é o artista americano Jack Kirby, que completaria 100 anos de nascimento e ganhará uma exposição inédita com páginas do livro Os Mundos de Jack Kirby: Tributo ao Rei dos Quadrinhos, que traz 100 artes exclusivas de artistas brasileiros homenageando um dos nomes mais importantes dos quadrinhos, numa obra inédita e de tiragem limitada.

Além de mesas com raridades, novidades e souvenires do universo nerd, estão programadas palestras com profissionais renomados (veja programação completa aqui).

Crianças com até 10 anos não pagam e quem visitar o evento ganhará um brinde especial: uma coleção de cards colecionáveis com capas e informações de revistas em quadrinhos históricas serão distribuídos gratuitamente.

Os ingressos podem ser adquiridos na entrada por R$ 30 – quem for acompanhado, paga R$ 25 cada.

SERVIÇO

Festival Guia dos Quadrinhos

Dias  8 e 9 de abril

Horários:  das 10h às 21h (dia 8) e das 10h às 19h (dia 9)

Local: Clube Homs – Av. Paulista, 735 – Próximo ao Metrô Brigadeiro

Projeto no Catarse comemora centenário de Jack Kirby

osmundosdekirby

Se estivesse vivo, o legendário quadrinhista Jack Kirby completaria 100 anos no próximo dia 28 de agosto. Os amigos Edson Diogo, idealizador do site Guia dos Quadrinhos e do festival que leva o mesmo nome, e Will, um dos principais nomes dos quadrinhos brasileiros da atualidade, bolaram uma maneira incrível para celebrar a data.

Os Mundos de Jack Kirby – Um tributo ao Rei dos Quadrinhos reúne 100 artistas brasileiros que retrataram um personagem criado por Kirby. Com acabamento de luxo – capa dura, impressão em papel couchê fosco 150 g, formato 31 x 21 cm e 224 páginas –, o livro está captando financiamento no Catarse de hoje (15) até 16 de março.

catarse_Jack_Kirby_10

Cada arte, inédita, vem acompanhada de um texto sobre o personagem, imagem da capa de sua primeira aparição nos quadrinhos e uma biografia do artista convidado. Completa o conteúdo um índex dos trabalhos de Kirby publicados no Brasil.

O valor do apoio vai de R$ 20 (versão da obra em PDF) até R$ 170 (livro impresso mais sketch original em tamanho A4 de Flávio Luiz, Laudo Ferreira ou Omar Viñole – a escolher).

A opção mais barata para adquirir a versão impressa é R$ 70, com retirada no Festival Guia dos Quadrinhos, ou R$ 90, para envio pelo correio. Parte dessas artes será exposta no evento, nos dias 8 e 9 de abril, em São Paulo.

Para apoiar Os Mundos de Jack Kirby – Um tributo ao Rei dos Quadrinhos, visite o link: https://www.catarse.me/jackkirby_100anos.

Especial Stan Lee, O criador e suas maravilhas, na Mundo

EspecialStanLee001 capa

A revista Mundo dos Super-Heróis traz uma edição especial com a incrível carreira de Stan Lee, o grande criador do universo Marvel. Conheça os principais detalhes de sua longa carreira, inclusive as várias curiosidades e inúmeras polêmicas.

Essa edição especial de 68 páginas é dividida em:

> Primeiros tempos (1922-1960)
O início da carreira de Stan Lee na Timely (a antiga Marvel) aos 17 anos e as curiosidades sobre seu trabalho e vida pessoal.

> Um universo fantástico (1961-1970)
Como a parceria entre Stan Lee e outros artistas (Jack Kirby, Steve Ditko…) mudou os rumos da Marvel e rendeu a criação do Quarteto Fantástico, Homem-Aranha, Vingadores, Hulk e outros tantos super-heróis que encantam gerações.

> Diferenciais de sucesso (1965-1967)
Os outros fatores que alavancaram a Marvel: suas primeiras animações e o tratamento vip dado aos leitores.

> De olho nos negócios (1970-2015)
Como Stan Lee deixou os roteiros para se tornar o publisher responsável por abrir novas oportunidades para a Marvel. Listamos os principais projetos em que o artista esteve envolvido até os dias de hoje.

> Guerra de egos
Os detalhes das lendárias brigas e desentendimentos entre Stan Lee e seus parceiros Jack Kirby e Steve Ditko em meio ao sucesso da Marvel nos anos 1960 e 1970.

> Participações especiais
Seja em filmes, séries e desenhos animados, Stan Lee virou ícone pop. Listamos seus momentos mais divertidos no cinema e na TV.

> Leitura obrigatória
Uma seleção de 21 gibis marcantes criados por Stan Lee e seus parceiros, além da indicação de onde essas histórias saíram no Brasil.

> Palavras do mestre
Em duas entrevistas, Stan Lee comenta sua carreira e como criou seu mais famoso personagem – um certo herói aracnídeo.

> Artigo final
O escritor e jornalista Roberto Guedes fala do estilo carismático do publisher Stan Lee e a importância dele para os quadrinhos.

EspecialStanLee020

SERVIÇO:
O Especial Mundo dos Super-Heróis Grandes Artistas 1: Stan Lee custa R$ 12,50 e já está nas bancas em São Paulo capital e Rio de Janeiro capital. No restante do país, a revista será lançada no começo de setembro. Para receber a revista em casa, basta ligar para (11) 3038-5050 ou 0800 8888 508 ou acessar www.europanet.com.br/superheroi (na aba “edições especiais”)VERSÃO DIGITAL

Todo o conteúdo da Revista Mundo dos Super-Heróis está a venda também no site da editora: www.europadigital.com.br.

Tênis dos Vingadores para adultos e crianças

MM0036_42

A estreia de Vingadores – Era de Ultron nos cinemas brasileiros está logo ali, dia 23 de abril, mas a máquina de licenciamento da Disney e seus parceiros vêm trabalhando há tempos no desenvolvimento de produtos relacionados à franquia.

Um dos mais bacanas que chegaram ao nosso conhecimento é a linha de tênis da Sugar Shoes, fabricante brasileira da cidade de Picada Café, no Rio Grande do Sul.

Tem opção para as idades. Os modelos adultos vão do 33 ao 44, com superfície em preto e branco e detalhes coloridos, confeccionados em lona e sola de borracha.

Para as crianças, os modelos são vulcanizados ou jogging, com cores e imagens que remetem aos personagens, e numeração do 23 ao 35. O tênis vem com um relógio de brinde.

O mais legal é que para os adultos a Sugar Shoes optou pela linha retrô da Marvel. Os heróis aparecem no traço de Jack Kirby, impressos em preto e branco, o que reforça ainda mais a lembrança daquelas primeiras HQs da equipe.

Já no caso da linha infantil, as imagens remetem o desenho animado Vingadores Unidos, exibida pelo canal Disney XD.

Para informações sobre preço e postos de venda, o melhor é entrar em contato com o SAC da marca: 0800 6422600.

Linha adulta

Linha infantil

Marvel homenageia Jack Kirby com livro de 800 páginas

King-Size-Kirby-Hardcover

Na rabeira das muitas edições especiais que a editora lançou neste ano por conta do seu 75º aniversário, a Marvel anuncia para julho de 2015 a King-Size Jack Kirby Hardcover.

O encadernado de capa dura, com mais de 800 páginas e “tamanho adamantium” – medida inventada pela Marvel que representa 50 cm de altura por 30 cm de largura -, vai reunir quase 30 histórias (veja lista abaixo) de diferentes épocas e gêneros: romance, western, ficção científica e, claro, aquele que o consagrou, super-heróis.

Entre os roteiristas destas histórias estão o próprio Kirby, Stan Lee, Joe Simon e Martin Burstein. O preço ainda não foi divulgado.

Em fevereiro deste ano, completaram-se 20 anos da morte de Jack Kirby, então com 76 anos de idade. Ele foi um dos pioneiros e dos mais emblemáticos e inspiradores artistas da nona arte. Com justiça, foi apelidado de “Rei”.

Apesar de tardia, a homenagem é muito bem-vinda.

King-Size Jack Kirby Hardcover:

Red Raven 1

Marvel Mystery Comics 13

Captain America Comics (1941) 1e 7

Tales to Astonish 5

Rawhide Kid 17

Amazing Adventures (1961) 1e Strange Tales 89, 94 e 114

Teen-Age Romance 84

Fantastic Four 1, 48-51, 57-60 e Annual 5

Incredible Hulk 3

Two-Gun Kid 60

Love Romances 103

Amazing Spider-Man 8

Fury 6 e 13

Avengers 4

Tales of Suspense 59

X-Men 9

Thor 134-136 e 155-157

Not Brand Echh 1

Amazing Adventures (1970) 1-2

Captain America’s Bicentennial Battles

Captain America (1968) 200

Eternals 7

Devil Dinosaur 1

What if? 11

Papo de Quadrinho é um blog da Revista O Grito!. Todos os direitos reservados. © 2013–2021