Neil Gaiman, escritor, gótico e criador do Sandman
Neil Gaiman, escritor, gótico e criador do Sandman

O escritor, roteirista e gente boa 4ever britânico Neil Gaiman participou na tarde desta sexta-feira da abertura da CCXP Worlds, maior evento de cultura pop, nerd e otras cositas más do Brasil. Em pouco mais de meia hora de entrevista por vídeo na Thunder Arena, Gaiman falou do legado de sua mais celebrada série em quadrinhos, “Sandman”, além da produção da versão para o streaming, que será lançada pela Netflix.

O autor inglês lembrou ainda da apresentação, na década passada, de um projeto para a Warner Bros. – e que foi rejeitado – de uma trilogia estrelada por Morpheus para o cinema, e o quanto a experiência nas produções de “American Gods” e “Good Omens” ajudou quando precisou lidar com as questões de orçamento nos episódios já gravados – e ainda por vir – de “Sandman”.

Sandman, o mestre dos sonhos – personagem icônico de Gaiman

Ainda houve tempo de falar sobre o Brasil e suas passagens por aqui. Logo no início da entrevista, Neil Gaiman lamentou não poder estar pessoalmente para bater papo e provar uma caipirinha, e mais para o final lembrou suas duas primeiras passagens por aqui, no final dos anos 90 e em 2002, quando encarou mais de dois mil fãs numa sessão de autógrafos em São Paulo e depois foi para a cidade de Paraty (RJ), onde participou da Flip.

Comentários