gene

O quadrinista foi nomeado pela Biblioteca do Congresso norte-americano “embaixador para a literatura jovem”. É a primeira vez que um autor de quadrinhos ganha essa honraria desde que o posto foi criado, em 2008.

A Biblioteca do Congresso dos EUA é uma das maiores instituições culturais do mundo, além de ter um dos maiores acervos de livros, discos e filmes em todo o planeta.

Dar destaque a um quadrinista é ótimo para os quadrinhos. O jornal The New York Times fez uma longa matéria com Yang por causa da nomeação.

Yang já tinha superado outras barreiras. Seu álbum, , que saiu por aqui pela Companhia das Letras em 2011, foi o primeiro gibi a ser finalista do National Book Award.

chines