feli

O pastor em mais uma pérola da vergonha alheia. Em um vídeo antigo que se tornou um viral esta semana, ele afirma que Deus matou o ex-Beatle . Ela afirmou a idiotice durante um culto.

“Eu queria estar lá quando descobriram o corpo dele. Eu ia tirar o pano e dizer: ‘esse primeiro tiro, John, é em nome do Pai. [O outro] é em nome do Filho e esse é em nome do Espírito Santo”, diz ele no vídeo. “Ninguém afronta Deus e sobrevive”. Tudo isso, segundo Feliciano, aconteceu por causa da afirmação de Lennon que disse a famosa frase que “os Beatles eram mais famosos que Deus”.

Vale lembrar que quem matou Lennon foi Mark David Chapman, em 8 de dezembro de 1980. Ele segue preso em regime perpétuo nos EUA.

Neste final de semana no Recife, centenas de pessoas foram às ruas para protestar contra a presença de Feliciano na comissão. Falando em Feliciano, o caricaturista Toni D’Agostinho resumiu a visão que o deputado tem de Deus neste desenho:

pastor_feliciano2_web

Atualização: mais um vídeo foi “redescoberto” e mostra Feliciano afirmando que Deus, esse serial killer, matou também os Mamonas Assassinas. Provavelmente, a declaração infeliz foi dita no mesmo culto em que ele falou sobre Lennon. “Ao invés de virar pra um lado, o manche tocou pra outro. Um anjo pôs o dedo no manche e Deus fulminou aqueles que tentaram colocar palavras torpes na boca das nossas crianças”, contou, citando o teor das letras cômicas do Mamonas.

Os Mamonas Assassinas viviam o auge da fama no Brasil quando morreram em um acidente de avião em 1996.