Revista O Grito!

Jazz Metal — Por Paulo Floro

Mês: agosto 2014 (Página 1 de 3)

Apenas uma foto de Stan Lee com a drag RuPaul e o ator Lou Ferrigno

rupaul

Zero motivo para recuperar esse grande encontro de com a drag queen e o ator (clássico intérprete da série de TV do Hulk). Eles estiveram juntos no Stan Lee’s Comikaze Expo em novembro do ano passado. RuPaul é um dos maiores conhecedores e divulgadores de cultura pop que conheço. Por isso, esse encontro com um dos maiores ícones do gênero, é algo histórico.

HQ futurista Aâma ganha segundo volume no Brasil

aama

Uma das séries de ficção científica mais inventivas a chegar ao Brasil, , do quadrinista suíço , chega a seu segundo volume no Brasil pela Editora Nemo.

Leia Mais
Crítica: Aâma explora um mundo altamente dependente de tecnologia

Em A Multidão Invisível, o protagonista Verloc Nim, seu irmão Conrad e o gorila-robô Churchill estão em um ambiente alienígena, cheio de perigos, com a missão de recuperar o misterioso produto conhecido como “aâma”, que dá nome à série.

Aâma ganhou em 2013 o prêmio de melhor série no Festival Angoulême, na França. Serão três volumes ao todo. Este novo número chega este mês às livrarias, tem 88 páginas e custa R$ 39. Veja abaixo um preview:

aama6

aama5

aama4

aama3

aama2

Coleção Grandes Clássicos da Literatura em Quadrinhos chega às bancas

DEL PRADO CLASSICOS

As bancas brasileiras vem recebendo diversas boas coleções de quadrinhos. Depois das graphic novels da Marvel e o recém-anunciado Star Wars, agora teremos este , que começou a chegar às bancas do Rio de Janeiro, Brasília, Vitória, Salvador e Curitiba. As próximas praças ainda sem previsão de lançamento.

A coleção é editada por Edições Del Prado em parceria com a editora francesa Glénat e realizada com o apoio da Unesco e em colaboração com a Federação Internacional dos Professores de Literatura. A coleção reúne adaptações dos romances mais famosos de grandes escritores da literatura universal.

O número 1 é dedicado a uma obra prima da literatura juvenil, o inesquecível A ilha do Tesouro, de Robert Louis Stevenson, e o número 2 traz A volta ao mundo em 80 dias, de Júlio Verne. A coleção continua com títulos como O Livro da Selva, de Rudyard Kipling, Dom Quixote, de Miguel de Cervantes, A Odisseia, de Homero, e muitas outras obras clássicas.

O lançamento traz ofertas promocionais nos preços de venda dos números 1 e 2, que custam R$ 6,90 e R$ 14,90, respectivamente. Os demais volumes saem por R$ 24,90. Os livros são de capa dura e a coleção completa forma uma única imagem (para cativar os colecionadores mais exigentes). [Via PlanetaGibi]

Duas Luas, de André Diniz, ganha edição impressa no Brasil

duas-luas_capa

A HQ , que saiu inicialmente como quadrinho online e depois ganhou versão impressa apenas em Portugal, vai ganhar uma edição no Brasil. A obra de (Morro da Favela) trata mais uma vez do cotidiano das comunidades do Rio de Janeiro. Os desenhos são de .

A trama mostra a vida de Nilo, um dono de um bar que planeja vender o estabelecimento para se dedicar mais à família. Mas até fazer isso ele precisará lidar com diversas questões internas próprias, incluindo uma insônia. O livro vai sair pelo GiBiz, selo de quadrinhos da editora Giz.

A versão brasileira, que chega às livrarias este mês, terá 136 páginas e preço de R$ 29,90.

duas-luas_miolo-5

duas-luas_miolo-24

duas-luas_miolo-48

duas-luas_miolo-87

Adeus ao quadrinista paraibano Deodato Borges, criador de um dos primeiros super-heróis brasileiros

Deodatos
Deodato ao lado do filho . (Foto: Divulgação/Brasil ComicCon)

Morreu nesta segunda (25) em João Pessoa, o quadrinista , aos 80 anos. Ele ficou conhecido por criar o personagem Flama, um dos primeiros super-heróis brasileiros no final dos anos 1960. Ele era pai de um dos autores de quadrinhos mais conhecidos dos leitores da , Mike Deodato (cujo nome de batismo é Deodato Borges Filho).

Segundo o Jornal da Paraíba, Deodato Borges estava lutando contra um câncer nos rins e foi submetido a uma cirurgia de retirada de um deles na última quinta (21). Hoje, em uma das sessões de hemodiálise, ele teve duas paradas cardíacas e não resistiu.

Deodato foi um dos nomes pioneiros nos quadrinhos brasileiros, nos anos 1960. O personagem Flama, que migrou de um programa de rádio em Campina Grande (PB) para os quadrinhos, se tornou um enorme sucesso local, com tiragens esgotadas. Em 2010, o herói foi revitalizado pelo filho Mike Deodato e o jornalista Rodrigo Salém.

Nascido em Campina Grande em 20 de janeiro de 1934, Deodato Borges foi radialista e atuou em órgãos públicos de imprensa antes de ficar conhecido como autor de quadrinhos. O festival Brasil Comic Con, que acontecerá em São Paulo em novembro, já tinha anunciado uma homenagem ao artista na edição deste ano.

image004

Flama_3

A capa de Milo Manara para a Mulher-Aranha reacende polêmica sobre exploração feminina

SPIDERWOMAN001Manara-06299-600x853

O desenhista italiano Milo Manara está causando polêmica mais uma vez. Tudo por causa de uma capa variante da HQ da . Em uma pose estranha e exageradamente sensualizada, o que levantou novamente o debate da objetificação feminina nos quadrinhos.

Manara é conhecido por esse estilo hiper-sexualizado. Ele possui obras clássicas do quadrinho erótico, como O Clic e O Perfume Invisível, em geral com um traço delicado e uma narrativa envolvente, bem amarrada. No entanto, suas participações no mercado de quadrinhos dos EUA, em geral, são desastrosas.

X-Men – Garotas em Fuga, lançado por aqui pela Panini e escrita por Chris Claremont, é tido como um dos piores trabalhos de Manara. Agora, com essa capa de Mulher-Aranha, ele ganha mais uma obra “menor” no currículo. Além de Manara, a nova revista da personagem ainda tem capa variante de Skootie Young e Siya Oyum.

Sobre esse tema indico duas colunas de Dandara Palankof na Revista O Grito!: “Super-herói é coisa de menina” e “Leitores machistas, parem de ler HQs“.

Spider-Woman terá de roteiro de Dennis Hopeless e arte de Greg Land, que também assina capas. O primeiro número chega em novembro. [Via UniversoMarvel616]

Marvel divulga detalhes da coletânea de 75 anos

Marvel_75th_Anniversary_Omnibus_Cover-693x1024

A Marvel divulgou detalhes do encadernado que comemora os 75 anos da editora. Como falamos aqui, o livro Marvel 75th Anniversary Omnibus teve histórias escolhidas através de uma votação com os fãs.

As histórias escolhidas foram estas: Fantastic Four (1961) # 1, # 48 a # 50 e # 285; Hulk (1962) # 1; Avengers (1963) # 1 e # 57; Amazing Spider-Man (1963) # 31 a # 33, # 50, # 121 e # 122; Incredible Hulk (1968) # 181; Giant-Size X-Men # 1; X-Men (1963) # 141; Uncanny X-Men (1981) # 142; Daredevil (1964) # 181; Marvel Graphic Novel # 1 e # 5; Thor (1966) # 337; Marvels # 1; X-Men Alpha; Thunderbolts (1997) #1; Amazing Spider-Man (1999) # 36; The Ultimates (2002) # 1; Captain America (2005) # 25; Hawkeye (2012) # 11 e HQs da revista Captain America Comics (1941) # 1, Amazing Fantasy (1962) # 15, and Amazing Spider-Man (1963) # 248 e # 700.

A capa é de Paolo Rivera. Entre os autores que estão na compilação estão , Jack Kirby, , John Romita Jr., Mark Waid, Frank Miller, Chris Claremont, Steve Dikto, Ed Brubaker e Dave Cockrum. Roger Cruz é o representante brasileiro na obra.

Marvel 75th Anniversary Omnibus custa 100 dólares e não tem previsão de sair no Brasil.

Arte do dia: Andy Wahrol nos traços de Alex Ross

andywahrol_alexross

Mestre da arte realista dos quadrinhos, Alex Ross (Marvels, O Reino do Amanhã) fez essa bela ilustração de , entusiasta dos quadrinhos e ícone-mor da pop art. Via Tumblr de Brian Michael Bendis.

Biografia de Neil Gaiman será lançada no Brasil

comics-art-neil-garmen

A biografia do escritor Neil Gaiman vai sair este ano no Brasil, pela Mythos. Quem avisa é o Ramon Vitral, que fez uma resenha da obra. The Art Of conta a vida do autor desde seu início como jovem roteirista até sua consagração como criador da série Sandman.

A autora , filha do autor de HQs Eddie Campbell, passou um longo período no sótão de Gaiman para realizar as entrevistas com o escritor na Escócia.

A Mythos ainda não divulgou detalhes da HQ, como número de páginas e preço. A previsão de lançamento é dezembro deste ano.

Bidu – Caminhos, HQ autoral baseado em obra de Maurício de Sousa, chega às bancas

Bidu-Caminhos-preview-8

Uma das HQs nacionais mais aguardadas do ano, – Caminhos chega esta semana às bancas. Este é mais um lançamento da coleção Graphic MSP, que traz histórias autorais com personagens de .

A obra baseada no personagem Bidu é assinada por e , autores de Achados e Perdidos. A HQ foi um dos lançamentos da série anunciados durante o Festival Internacional de Quadrinhos (FIQ), em Belo Horizonte, em novembro do ano passado.

Além de Bidu – Caminhos, ainda estão previstos para 2014 os lançamentos de Papa-Capim, de Marcela Godoy e Renato Guedes; Turma da Mata, por Greg Tocchini, Davi Calil e Artur Fujita; Penadinho, por Paulo Crumbim e Cristina Eiko, e o segundo volume de Astronauta – Magnetar, de Danilo Beyruth.

Bidu-Caminhos-preview-6

Bidu-Caminhos-preview-1

Bidu-Caminhos-preview-4

Marvel tenta popularizar Justiceiro com novo encadernado

capa-Justiceiro-4

, o mais violento dos personagens da Marvel, já foi mais popular no Brasil – sobretudo na fase Superaventuras Marvel e mais recentemente na passagem de Garth Ennis pelo título. Agora, a Panini tem uma estratégia interessante para alavancar o anti-herói com essas edições capa dura a preços baixos. É algo parecido com o que a editora vem fazendo com Demolidor.

Justiceiro 4 tem 156 páginas, capa cartão, miolo LWC e custa R$ 21,90. O mais novo volume estrelado pelo herói mais cafuçu da Marvel reúne duas minisséries lançadas nos Estados Unidos originalmente sob os títulos Punisher War Zone 1-5 e The Trial of the Punisher 1-2.

Na primeira, escrita por Greg Rucka (Superman, Gotham City Contra o Crime) e desenhada por Carmine Di Giandomenico (Homem-Aranha Noir) o Homem-Aranha descobre que Castle usou seus lançadores de teia para realizar uma ação que resultou na morte de dezenas de pessoas, o que coloca o herói aracnídeo diretamente em seu encalço.

Completando o encadernado, a história “O Julgamento do Justiceiro” leva Castle para dentro de um tribunal após ele confessar ter assassinado um promotor de justiça. A trama é de Marc Guggenheim (Homem de Ferro, Homem-Aranha) e ilustrações fenomenais de Leinil Francis Yu (Os Novos Vingadores, Superior) e Mico Suayan (Thor). Justiceiro 4 tem previsão de chegada às bancas ainda este mês.

HQ de Assassin’s Creed, feita por vencedores do Eisner, merece uma chance

assassins

é mais uma HQ do poderoso filão das adaptações de games para os quadrinhos. A revista é um lançamento da editora Alto Astral, tem 96 páginas e custa R$ 22,90.

Na trama o assassino Nikolai Orelov foge da Rússia para começar uma nova vida, deixando a irmandade para trás. Mas abandonar o passado não é algo tão fácil assim. Antigos conhecidos reaparecerão para se certificar se ele continua leal ou não. Por outro lado, aliados se tornaram amigos, à medida em que Orelov foi obrigado a lutar pela liberdade e transferir o seu legado assassino para o próprio filho.

Assassin’s Creed é um dos jogos mais famosos dos últimos anos e vem recebendo elogios na sua transposição para os quadrinhos. Este A Corrente foi feito por um time vencedor do Prêmio Eisner: Cameron Stewart (Batman & Robin, Mulher Gato) e Karl Kerschl (Flash, Superman). Vale a pena dar uma chance.

Página 1 de 3

Jazz Metal é um blog da Revista O Grito!. Todos os direitos reservados. © 2013–2020