laerte_7378

, uma das quadrinistas mais importantes do País, não para de remexer no lugar-comum da sociedade brasileira. Ela está nua na edição deste mês da revista Rolling Stone Brasil, que completa 7 anos. A artista se despiu física e metaforicamente pela primeira vez desde que passou a se travestir há quatro anos.

Foi na revista Bravo, em 2010, que Laerte revelou sua condição de cross-dresser, palavra desconhecida àquela época e que chamou atenção de seus leitores. Depois, já habituado à palavra “travesti” e referindo-se a si mesmo no feminino, conseguiu com sua história chamar atenção para condições de pessoas iguais a ela. O cartunista já dava sinais desse seu processo de mudança através do personagem Hugo, que começou no caderno de tecnologia da Folha de S. Paulo e aos poucos revelou o desejo de se vestir como mulher.

A edição conta detalhes dessa transformação de Laerte. A Rolling Stone chega às bancas de São Paulo nesta semana e no resto do Brasil a partir do dia 18.

img-1019216-laerte

img-1019065-livre-leve-e-solta

Comentários