Novo do Ween é miscelânea cultural

Ween

WEEN
La Cucaracha
[Rounder/Umgd, 2007]

Ween - La CucarachaDiversidade e experimentação são as palavras de ordem no som do Ween. Formado em 1984 na Pensilvânia, nos Estados Unidos, a banda é na verdade um duo: Aaron Freeman e Mickey Melchiondo, que agora são chamados de Gene e Dean Ween. Misturando sons experimentais ao rock alternativo, indie pop e lo-fi, a dupla chega a La Cucaracha, seu décimo primeiro álbum de estúdio, depois de diversas gravações independentes e alguns discos ao vivo.

La Cucaracha é um álbum extremamente heterogêneo, que une musicalidades e influências variadas. O resultado é, como é característico do Ween, algo inusitado – por isso o duvidoso rótulo de “comedy rock” dado ao som da banda. A primeira faixa, a instrumental “Fiesta”, apresenta influência de ritmos latinos. “Blue Ballon” é chamber pop, “Friends” é eletrônica, “Object” é uma balada alternativa, “Learnin To Love” tem inspiração country, “With My Own Bare Hands” é quase um hard rock (com solos de guitarra), “The Fruit Man” é quase reggae e por aí vai. Com exceção de “Woman and Man”, com quase onze minutos, as faixas têm curta duração, como se fossem pílulas de diversidade musical. Uma verdadeira miscelânea cultural, de cores e sons. [Mariana Mandelli]

NOTA:: 8,5

Sem mais artigos