O 21º Virtuosi divulgou sua programação de concertos com edições no Recife e Olinda, que acontece de 3 a 9 de setembro. Entre os destaques deste ano estão jovens talentos da música clássica que vêm sendo considerados os destaques da atual geração. Entre os nomes estão o violinista Winston Ramalho e Guido Sant’Anna, de apenas 13 anos, que este ano se apresenta como solista.

Este ano o festival dedica espaço especial à ação social,com participação das Orquestras Instituto Grupo Pão de Açúcar (SP) e Criança Cidadã. Além disso, o festival realiza uma mesa redonda com o tema “A Música como elemento de inclusão social”, que contará com a participação de representantes das duas orquestras citadas acima e ainda OJOPE e da Neojiba (BA). A mesa redonda acontece no Instituto JCPM, ao lado do Shopping RioMar, no dia 03/12, das 14 às 17h, encerrando com o concerto inclusivo da Orquestra Criança Cidadã, com participação de crianças autistas e portadoras de outras deficiências. A apresentação acontece às 18h, no próprio Shopping RioMar.

Nos dias 4 e 5 de dezembro, o Virtuosi apresenta mais uma vez talks com o tema “Aprendendo a ouvir música clássica”, com o compositor Marcílio Onofre. Será das 10 às 12, no Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães – MAMAM, com inscrições gratuitas disponíveis no site.

Para os pequenos, haverá uma agenda especial de atividades, o Virtuosinho, que ocupará o Museu do Estado de Pernambuco – MEPE, no dia 9 de dezembro, domingo, a partir das 10h. Na programação, contação de histórias com o grupo O Tapete Voador, brincadeiras musicais para bebês e apresentação da Orquestra Criança Cidadã.Sempre preocupado com a parte social do projeto e com o que pode deixar de legado para a cidade, o festival oferece pela primeira vez, através do Virtuosinho, oficinas de brincadeiras musicais para crianças com deficiências, com intérprete de libras.

O Virtuosi este ano tem como tema ‘Brahms & Amigos’ e vai explorar essa relação entre Brahms, um dos maiores compositores da história da música, e outros compositores que farão parte da programação, como Bach, Beethoven, Schumann, Dvorak.

Dos dias 5 a 9/12, o Virtuosi se instala no Teatro de Santa Isabel e realiza uma série de concertos que começam no dia 5, às 20h, quando serão apresentados os quartetos para piano em mi bemol maior, de Schumann, e o quarteto Op.60, de Brahms, pelo Quarteto Metamorfosis, da Universidade Federal da Bahia, formado pelos professores Alexandre Casado (violino), Laura Jordão (viola), Suzana Kato (cello) e Beatriz Alessio (piano).

Com a presença do compositor português Fernando Lapa,autor da música do Auto das Barcas de Gil Vicente, será realizada uma palestra sobre “Música e Literatura em Portugal”, dia 6 de dezembro, às 17h, no Gabinete Português de Leitura (Rua do Imperador Pedro II, 290).

O Virtuosi recebe um programa especial no dia 7 de dezembro, às 19h. Vindo diretamente de Portugal, o Toy Ensemble apresenta o Auto das Barcas, de Gil Vicente, um espetáculo que compreende os Autos das Barcas do Inferno e do Purgatório, com participação de atores, músicos e ilustração. No mesmo dia 8/12, a Orquestra Virtuosi se apresenta sob a direção do Maestro Rafael Garcia com vários solistas. A primeira obra da noite será a Sinfonia Concertante de Mozart, que terá como solistas o violinista Winston Ramalho, um dos mais destacados violinistas brasileiros de sua geração, e violista Rafael Altino. Em seguida, o jovem violinista de 13 anos Guido Sant’Anna, finalista do Concurso Menuhin, realizado esse ano em Genebra, será o solista com a obra Introdução e Rondó Caprichoso, de Saint-Saëns.

No domingo, dia 9/12, a partir das 10h será a vez da criançada com o Virtuosinho. Será no Museu do Estado de Pernambuco – MEPE, contação de histórias a cargo de Mila Puntel e Bruna Peixoto, do grupo O Tapete Voador, brincadeiras musicais e musicalização para bebês e apresentação da Orquestra Criança Cidadã. O Virtuosi 2018 se despede do público no mesmo domingo (09), com recital do pianista Victor Asuncion, que encerrará sua participação com obras de Maurice Ravel e Claude Debussy. A programação completa está no site.

Os ingressos custam R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia).

Sem mais artigos