BBB rainbow: A drag Dicesar só abre a boca para revelar a idade (Foto: Divulgação)

Podem dizer o que for minha gente, mas essa edição do BBB é a melhor de todas. Vale a pena assistir. Tem todo tipo de gente, piriguete, cult e patricinha. Machão, gay, bichóta e rapaz tímido. Dá orgulho de ver o meu Brasil bem representado. E a própria Rede Globo colocando em prática a máxima do “A gente se Vê por aqui”. Muito bom mesmo.

Melhor que isso é assistir o programa. De um lado a Elenita, bichonha. Ela começou mal sabe. Muito mal. Colocou pra fora sua pior faceta. Agora tá nova. E a culpa disso tudo: foi do Bial, né gente. E aliás, o Bial é um bundão! Acho ele uóh. Mas ele fez boa ação. Exorcizou o exú tranca rua que tava deixando a “Lena” de mal humor. Ela precisava de uma injeção no Ego. Ela é a típica acadêmica. Se um professor for falar mal da aula dela: pronto, é motivo pra uma nóia gigante, mas se um aluno relapso falar mal da aula dela, ela nem liga. Como todo e bom acadêmico ela precisa de injeção de Ego. Aliás, todo acadêmico é um grande egolatra, não é? Ele estuda, estuda, estuda…só para ele mesmo. Como não consegue emprego, porque perdeu tempo lendo muito, acaba indo ensinar. É preciso pagar as contas no final do mês.

Já a drag Dicesar…que é isso gente. A Drag é famosa. É conhecida. Todo mundo sabe dela. Uma drag antiiiga. Pense. Mas ela só abre a boca pra revelar a idade. Tudo que ela fala é conselho, análise crítica de situações, indicações de atitudes. Isso é revelar a idade né. Ela se acha tão experiente e antiga que se sente no direito de ficar dando conselho como quem faz xixi ou mexe no pau. Ele cansa. E fora que esse ranso com Marcelo Dourado é pura vontade de dar pro rapaz do moicano. Certeza tereza!

Ainda na comunidade gays, Sérgio é, de longe, o mais carismático. Ele está ali para justificar o crescimento dos emos na sociedade. Os emos viraram uma praga nos últimos 5 anos. Tem emo em todo canto. Quando você menos espera: um emo! Você entra no banheiro: um emo. Você entra no supermercado: um emo. Atendente emo. Secretário emo. Os emos consomem. Gastam dinheiro com cabelo, pele e acessórios. Eles precisam se identificar. Total válido. Taí uma aposta de quem pode ganhar o BBB10.

O trio Alex, Cadu e Eliéser dá medo. Alex é uma porta. Uma anta sem escrúpulos e fake. Daquelas pessoas que falam obviedades o dia inteiro só para parecer simpático. Gente ordinária cansa. Já Eliéser é bem bonito. Mas quando abre a boca: medo! Só fala o que nao interessa. Cadu, de longe é o melhor do trio. Ele é bombado. Não está nem aí para a opisição. Tem o cérebro de um peixe, e não se mete a falar baboseira o tempo todo. Ele não paga de cult. Não tem interesse.

Aquela dançarina, me poupe. Ela é legal, mas sem graça. Tessália é a coobra mór. Ela é tão insegura que não se aguenta e começa a se armar pra todo mundo. Cláudia é figurante. Ela não aparece e nunca está disponível. Outra pessoa que não vai ter muita empatia é Anamara. Ela é espalhada demais. Fala demais. Vai acabar dizendo o que não deve. Com toda certeza.

Uiliam é o mais carioca dos baianos. De tanto ser carioca, nem tem graça ele ter rastafari e ser dançarino. Já Anamarcela é uma graça, né gente? Ela é legal, simpática e como boa pernambucana está naquela coisa de…se situar no jogo.Outra que não está se encontrando é Angélica. A bonita sempre dá uma de “tou com a razão” e fica pelos cantos do programa. Mas vamos lá. Ela merece um certo crédito.

Valentina Finnochiaro é ex-maneca, vive na ponte aérea Nova York – Milão – Casa Amarela. Concorda com a máxima de um amigo que diz que análise antropológica do BBB é o mesmo que analisar semanticamente músicas do É O Tchan.

Sem mais artigos