colinfirth

O melhor de : passando vergonha

Refilmagem da comédia de 1966 Como Possuir Lissu, estrelado por Shirley McClaine e Michael Caine, esse novo Um Golpe Perfeito (no original os dois filmes têm o mesmo nome, Gambit) se apoia no inusitado que é ver Colin Firth se passando em situações de comédia pastelão. Vencedor do Oscar por O Discurso do Rei, o ator se sai bem no longa interpretando um papel que lhe é bem confortável: um gentleman britânico.

O mote maior do filme é: veja como é engraçado ver um cavalheiro tão distinto se meter em confusão. Isso já foi usado diversas vezes no cinema, mas há um sabor especial aqui por conta do ator. É que o próprio Firth parece querer tirar onda de si mesmo após ficar ligado a papéis de homens ricos e cheios de charme como Sr. Darcy, de O Diário de Bridget Jones ou o professor viúvo de O Direito de Amar. Ele interpreta Harry Deane, um especialista em arte impressionista que trabalha para um rico e excêntrico colecionador, Shahbandar ().

Harry Deane (COLIN FIRTH) and PJ Puznowski (CAMERON DIAZ) in GAMBIT

Cansado de ser humilhado pelo patrão, que o considera um idiota, ele decide se vingar aplicando um golpe milionário: vai tentar empurrar uma falsificação de um quadro de Monet para Shahbandar. Para isso ele conta com a ajuda de uma estrela de rodeios do Texas, PJ Puznowski (), que se passa por uma falsa dona do quadro. O problema é que ao chegar em Londres, onde tudo se passa, PJ passa a dar prejuízos a Harry, que precisa investir muito dinheiro para que seu plano dê certo. Ela é hospedada no caríssimo hotel Savoy. No meio de tudo isso, PJ é seduzida pelas investidas amorosas de Shahbandar.

O filme tem um tom de comédias dos anos 1960 como A Pantera Cor de Rosa e similares, mas falta um bom roteiro que traga fluidez à narrativa para além das gags. O humor do filme é tão raso que os momentos mais engraçados dizem respeito a uma corrida de cachorros cavalgados por macacos (!). Convenhamos que isso não vale uma ida ao cinema. O diretor Michael Hoffman não pareceu à vontade em uma comédia pautada pelos desencontros e piadas de riso fácil. O entretenimento coube aos atores Alan Rickman e Colin Firth, que conquistaram a plateia pelo constrangimento ao qual se submeteram. [Paulo Floro]

golpeUM GOLPE PERFEITO
De Michael Hoffman
[Gambit, EUA, 2012 / Paris Filmes]
Com: Colin Firth, Cameron Diaz, Alan Rickman

Nota: 4,8

Sem mais artigos