Técnica antiga, resultado perfeito

Quem não gosta de frases que hora são irônicas e noutros momentos puramente poéticas? Pois frases desse tipo dão charme todo especial (e deliciosamente malicioso) às pulseiras da designer americana Jessica Cushman. Vendidas em endereços bacanas como Barneys, em Nova York, de uns tempos para cá, viraram hit e vivem estampando as páginas de publicações como Nylon, W e New York Times.

A inspiração vem da antiga técnica de gravação scrimshaw usada pelos esquimós para ilustrar armas feitas de ossos. Depois, foi adotada e difundida pelos marinheiros dos séculos 18 e 19. Jessica aprendeu a técnica com o pai, o designer de móveis Vladimir Kagan, e adaptou-a para bijuterias.

No lugar de osso ou marfim, ela elegeu resina com o toque final das citações garimpadas em filmes, livros, poemas e até em grafites das ruas nova-iorquinas. Apesar da referência vintage, o trabalho é muito atual.

Sem mais artigos