A dupla Shevchenko e Elloco, ícones do brega-funk de Pernambuco, estarão no Rec-Beat 2019. Os MCs são os maiores fenômenos do gênero atual e tem hits que superam milhões de visualizações como “Toma Empurradão” e “Gera Bactéria”.

A apresentação ainda conta com participação do grupo de dança do duo, Os Lokos do Passinho. O festival acontece no Carnaval, de 2 a 5 de março e a entrada é gratuita.

Shevchenko e Ellloco  ficaram famosos com músicas e clipes lançadas no YouTube e tornaram-se expoentes de um fenômeno cultural que nasceu na periferia do Recife, o brega-funk. O anúncio deles no Rec-Beat chega em meio ao debate da invisibilidade do brega dentro da programação oficial do Carnaval da cidade.

Além de um fenômeno cultural, o brega é patrimônio musical de Pernambuco segundo definiu a lei 16.044, de 2017. É de se estranhar que o ritmo não tenha recebido espaço de destaque em nenhum dos palcos do Carnaval organizado pela prefeitura. A exceção é uma participação na abertura de nomes como Kelvis Duran, Michelle Melo e Victor Santos.

O Rec-Beat sempre foi pioneiro ao dar visibilidade ao brega. O festival foi o primeiro a abrir espaço para este ritmo, ao programar, no ano passado, o MC Tocha. Outros festivais também passaram a pautar o gênero, a exemplo do No Ar Coquetel Molotov, que trouxe MC Troia e o Guaiamum Treloso Rural com Dadá Boladão.

Além de Shevchenko e Ellloco, o festival já anunciou Baleia, Eddie, Sofía Viola e Tuyo.

Sem mais artigos