Cena de O Grande Hotel Budapeste, novo filme de Wes Anderson. (Divulgação).

Cena de O Grande Hotel Budapeste, novo filme de Wes Anderson. (Divulgação).

O Cinema da Fundação Joaquim Nabuco, no , anunciou a programação oficial da 17ª edição da mostra Retrospectiva/Expectativa, que apresenta os melhores filmes do ano que passou e as novidades que ainda irão estrear no ano que vem. As exibições acontecem de quinta (4) até o dia 21 de dezembro.

A programação traz sucessos de crítica como Boyhood, de Richard Linklater, Garota Exemplar, de David Fincher, O Grande Hotel Budapeste, de Wes Anderson e Bem Vindo a Nova York, de Abel Ferrara. Há ainda filmes que passaram no último Janela Internacional de Cinema, como o sueco Força Maior.

A mostra ainda apresenta um grande programa de filmes nacionais como Brasil S/A, de Marcelo Pedroso, Sem Coração, de Nara Normande e Tião, entre outros. Ainda sobre produção brasileira teremos dois longas representativos do bom momento do cinema pernambucano: Tatuagem, de Hilton Lacerda e Amarelo Manga, clássico moderno de Cláudio Assis.

Ao todo serão 53 longas e nove curtas-metragens em 18 dias de programação. Os ingressos custam R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia). Veja a programação, abaixo:

QUINTA – 04 DEZ

15h30 – Bem Vindo a Nova York

(EUA, 2014). De Abel Ferrara. Com Gérard Depardieu, Jacqueline Bisset, Paul Calderon, Amy Feguson, Jean-Stéphane Sauvaire. Mr. Devereaux (Gerard Depardieu) é um poderoso agente da economia mundial e a mesma gana que tem para somar dinheiro, tem para os prazeres da carne. Seu apetite sexual incontrolável o coloca frequentemente em apuros e ele vê sua carreira ruir de vez após um escândalo que vira manchete nos principais jornais do planeta. Com o apoio incondicional da esposa (Jacqueline Bisset), ele busca uma maneira de recuperar sua honra. 125 min. / Imovision / Drama / 18 anos

18h – Nós somos as melhores

(Suécia, 2013). De Lukas Moodysson. Com Mira Grosin, Mira Barkhammar, Liv Lemoyne, David Dencik. Bobo (Mira Barkhammar) e Klara (Mira Grosin) têm 12 anos e são amigas inseparáveis. Elas são fãs de punk e sentem-se deslocadas na escola e em suas famílias, já que todos dizem que o punk morreu. Um dia, como provocação a um grupo de garotos, elas resolvem montar uma banda. Não demora muito para que convidem para o grupo Hedvig (Liv LeMoyne), devido ao seu talento no violão. Entretanto, Hedvig é cristã e nada tem a ver com o estilo punk de ser, tendo que ser iniciada no movimento por Bobo e Klara. Indicado a melhor filme pelo festival de Veneza /102 min. / Zeta Filmes/ Comédia Dramática / Drama / 12 anos /

20h – curtas-metragens PE

A loja de Répteis
(Pe,2014) De Pedro Severien. Aluísio ama a loja e seus animais. PE, 2014, cor, 17 min, 16 anos.

João Heleno dos Brito
(Pe, 2014) De Neco Tabosa. Com Tagore Suassuna, Harumi Harada, Daniel Araujo e Sóstenes Lennon Fonseca. 20 min./ cor/ DCP

Recife, Cidade Roubada
criação coletiva
(12 min’/ DCP)

História Natural
(Pe, 2014) De Júlio Cavani. Com Norberto Souza. Um homem encontra um misterioso objeto orgânico no topo da árvore mais alta de uma floresta. Digital / 14 min. /Ficção/ livre

Sem coração
(Pe,2014) De Nara Normande e Tião. Com Eduarda Samara, Rafael Nicácio, Ricardo Lavenère. Leo, um adolescente de classe média urbana, vai passar as férias na casa de seu primo, em uma vila pesqueira. Com dificuldades de se adaptar, ele conhece e se apaixona por uma garota conhecida por todos como “Sem coração”. Na verdade, ele ganhou esse apelido preconceituoso por usar um marca-passo. Além de experimentar uma nova rotina, o jovem também vai fazer descobertas sobre o amadurecimento e sobre o amor. 25 min/ Drama

SEXTA – 05 DEZ

15h40 – Tatuagem + debate

(Brasil), de Hilton Lacerda. Com Irandhir Santos, Jesuíta Barbosa, Rodrigo Garcia. Recife, 1978. Clécio Wanderley (Irandhir Santos) é o líder da trupe teatral Chão de Estrelas, que realiza shows repletos de deboche e com cenas de nudez. A principal estrela da equipe é Paulete (Rodrigo Garcia), com quem Clécio mantém um relacionamento. Um dia, Paulete recebe a visita de seu cunhado, o jovem Fininha (Jesuíta Barbosa), que é militar. Encantado com o universo criado pelo Chão de Estrelas, ele logo é seduzido por Clécio. Não demora muito para que eles engatem um tórrido relacionamento, que o coloca em uma situação dúbia: ao mesmo tempo em que convive cada vez mais com os integrantes da trupe, ele precisa lidar com a repressão existente no meio militar em plena ditadura. 110 min. / Imovision / Drama / Tela Plana / Projetado em DCP 2K / Dolby 5.1 / 16 anos

19h – O Grande Hotel Budapeste

(Reino Unido, Alemanha, 2013) De Wes Anderson. Com Ralph Fiennes, Tony Revolori, F. Murray Abraham , Mathieu Amalric, Adrien Brody, Willen Dafoe, Jeff Goldblum, Harvey Keitel. No período entre as duas guerras mundiais, o famoso gerente de um hotel europeu conhece um jovem empregado e os dois tornam-se melhores amigos. Entre as aventuras vividas pelos dois, constam o roubo de um famoso quadro do Renascimento, a batalha pela grande fortuna de uma família e as transformações históricas durante a primeira metade do século XX. Premiado com o urso de prata no Festival de Berlim /100 min. / Fox filmes/ Comédia/ Drama
21h – O Ciúme

(França, 2013). De Philippe Garrel. Com Louis Garrel, Anna Mouglalis, Rebecca Convenant, Olga Milshtein, Esther Garrel, Arthur Igual, Jérôme Huguet, Julien Lucas. Louis (Louis Garrel) é ator e vive com Claudia (Anna Mouglalis), também atriz, em um pequeno apartamento, onde levam uma vida normal, porém complicada financeiramente. A carreira dela vai de mal a pior e ele faz de tudo para ajudá-la, enquanto tenta encontrar tempo ainda para manter-se próximo à filha Charlotte (Olga Milshtein), cuja mãe (Rebecca Convenant) ele abandonou recentemente.Indicado ao Leão de Ouro No Festival Internacional De Veneza/ 77 min. / Tucuman Filmes / Drama / 12 anos/

SÁBADO – 06 DEZ

14h – Amarelo Manga

(Brasil ,2002). De Cláudio Assis. Com Chico Diaz, Matheus Nachtergaele, Leona Cavalli, Dira Paes, Jonas Bloch, Everaldo Pontes, Hilton Lacerda. Amarelo é a cor do ouro. Mas também é a cor das coisas envelhecidas pelo tempo e a cor do rosto daqueles que têm doenças como hepatite. É este tom que o diretor Cláudio Assis mostra em seu filme de estréia, Amarelo Manga, retratando personagens da periferia do Recife.Premiado no Festival de Berlin e melhor filme pelo Festival de Havana 100 min. / Drama / 18 anos /

16h50 – Até o fim
(EUA, 2013). De J. C. Chandor. Com Robert Redfort. Um navegador experiente (Robert Redford) está viajando pelo Oceano Pacífico, quando uma colisão com um contâiner leva à destruição parcial do veleiro. Ele consegue remendar o casco, mas terá a difícil tarefa de resistir às tormentas e aos tubarões para sobreviver, além de contar apenas com mapas e com as correntes marítimas para chegar ao seu destino. Indicado ao Oscar de melhor edição de som e premiado com Globo de ouro de melhor trilha sonora original / 106 min. / Paris filmes / Drama / Aventura / 10 anos/

19h – Nós somos as melhores (2ª exibição)

(Suécia, 2013). De Lukas Moodysson. Com Mira Grosin, Mira Barkhammar, Liv Lemoyne, David Dencik.
Indicado a melhor filme pelo festival de Veneza /102 min. / Zeta Filmes/ Comédia Dramática / Drama / 12 anos /

21h – Força Maior

(Suécia, Dinamarca, França, Noruega, 2014) De Ruben Östlund. Com Johannes Bah Kuhnke, Lisa Loven Kongsli, Clara Wettergren, Vincent Wettergren, Kristofer Hivju, Brady Corbet. Uma família sueca passa as férias nos Alpes para esquiar. Eles ouvem um estrondo, que poderia ser um alerta de avalanche. Mas o pai não acredita na possibilidade de perigo. Enquanto comem, são surpreendidos pela avalanche. O pai reage com covardia, o que fará com que ele seja perseguido pelos seus erros até o fim de sua vida. Premiado no Festival de Cannes 2014 /118 min. / California Filmes / Drama / Comédia /

DOMINGO – 07 DEZ

14h20 – Jersey Boys: Em busca da música

(EUA, 2014) De Clint Eastwood. Com Christopher Walken, John Lloyd Young, Vincent Piazza, Erich Bergen, Michael Lomenda, James Madio, Steve Schirripa, Freya Tingley. Na década de 1950, o ítalo-americano Tommy DeVito divide seu tempo entre cometer pequenos furtos e comandar uma banda. Ele é amigo do jovem e talentoso Frankie Valli que, não demora, é convidado para se juntar ao grupo musical. Com a entrada do compositor Bob Gaudio, no entanto, eles – ao lado de Nick Massi – formam uma das mais bem-sucedidas bandas dos anos 1960, o The Four Seasons, responsável por hits como “Sherry”, “Big girls don’t cry”, “Walk like a man” e “Can’t take my eyes off you”. Baseado no musical da Broadway, o longa de Clint Eastwood mostra a ascensão e queda do quarteto, de muito talento, mas envolto em uma nuvem de brigas internas e relações escusas com a máfia. 134 min. / Warner Bros. / Musical / Biografia/ 10 anos

16h50 – Relatos Selvagens

(Argentina, Espanha, 2014). De Damián Szifron. Com Ricardo Darín, Oscar Martinez, Dario Grandinetti , Rita Cortese, Julieta Zylberberg, Cesar Brondon, Leonardo Sbaraglia, Nancy Dupláa. Diante de uma realidade crua e imprevisível, os personagens deste filme caminham sobre a linha tênue que separa a civilização da barbárie. Uma traição amorosa, o retorno do passado, uma tragédia ou mesmo a violência de um pequeno detalhe cotidiano são capazes de empurrar estes personagens para um lugar fora de controle. Melhor Filme estrangeiro pelo festival de Internacional de São Paulo/ Melhor filme eleito pelo público no San Sebastian International Film Festival 122 min. / Warner Bros./ Suspense / Comédia / Drama / 2.35 : 1 Cinemascope / 14 anos

19h10 – Bem Perto de Buenos Aires

(Argentina, França, 2014) De Benjamin Naishtat. Com Jonathan Da Rosa, Tatiana Giménez, Mirella Pascual, Claudia Cantero, Cesar Bordon, Valeria Lois. Um helicóptero policial circula sobre um condomínio fechado na periferia de Buenos Aires. A aparição de um buraco na cerca que protege a propriedade deixa seus moradores em pânico. Cada vez mais isolada, a população vai ficando gradualmente mais paranóica. Este acontecimento marca o início de um submundo em que as pessoas estão convencidas de que criaturas duvidosas e imprevisíveis estão prestes a atacá-las, alimentando sentimentos ansiedade e medo quase primitivos. 80 min. / Tucuman Filmes / Drama/ Suspense/

20h50 – O Ciúme (2ª exibição)

(França, 2013). De Philippe Garrel. Com Louis Garrel, Anna Mouglalis, Rebecca Convenant, Olga Milshtein, Esther Garrel, Arthur Igual, Jérôme Huguet, Julien Lucas. 2ª Exibição.Indicado ao Leão de Ouro No Festival Internacional De Veneza/ 77 min. / Tucuman Filmes / Drama / 12 anos

SEGUNDA – 08 DEZ

14h50 – Era uma vez em Nova York
(Imigrant, EUA, 2014) De James Gray. Com Marion Cotillard, Joaquin Phoenix, Jeremy Renner.
Em 1921, as irmãs polonesas Magda e Ewa Cybulski partem em direção a Nova Iorque, em busca de uma vida melhor. Mas, assim que chegam, Magda fica doente e Ewa, sem ter a quem recorrer, acaba nas mãos do cafetão Bruno (Joaquin Phoenix), que a explora em uma rede de prostituição. A chegada de Orlando, mágico e primo de Bruno, mostra um novo amor e um novo caminho para Ewa, mas o ciúme do cafetão acaba provocando uma tragédia.Europa Filmes / DCP / 113 min / 14 anos

17h10 – Garota Exemplar

(EUA, 2014) De David Fincher. Com Ben Affleck, Rosamund Pike, Neil Patrick Harris, Tyler Perry, Carrie Coon, Kim Dickens, Patrick Fugit, Missi Pyle. Amy Dunne (Rosamund Pike) desaparece no dia do seu aniversário de casamento, deixando o marido Nick (Ben Affleck) em apuros. Ele começa a agir descontroladamente, abusando das mentiras, e se torna o suspeito número um da polícia. Com o apoio da sua irmã gêmea, Margo (Carrie Coon), Nick tenta provar a sua inocência e, ao mesmo tempo, procura descobrir o que aconteceu com Amy. Premiado com Melhor filme e melhor roteiro pelo Hollywood Film Awards149min/ Fox Filmes/ Suspense/ 16 anos/

20h – Morro dos Prazeres (+ debate)
(Brasil, 2013). De Maria Augusta Ramos.O Morro dos Prazeres, localizado no bairro de Santa Teresa, no Rio, foi uma das comunidades selecionadas para receber a instalação de uma Unidade de Polícia Pacificadora, a UPP. A expulsão do tráfico de drogas é um dos processos realizados na nova rotina dos moradores do local, que devem conviver com os policiais. Variados conceitos sociais e políticos recorrentes na sociedade carioca do século XXI são explorados e acompanham a tentativa de diálogo entre Estado e sociedade civil. Melhor Diretor de Documentário pelo Festival de Cinema de Brasília/90 min. / Espaço Filmes / Documentário /

TERÇA – 09 DEZ

14h20- Justiça

(Brasil,Holanda,2004) De Maria Augusta Ramos. O cotidiano de um Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, incluindo as pessoas que ali trabalham diariamente, como promotores, defensores públicos e juízes, e ainda pessoas que estão apenas de passagem, como os réus. 100 min. / Documentário

16h20 – Praia do futuro

(Brasil, Alemanha, 2014) De Karim Aïnouz. Com Wagner Moura, Clemens Schick, Jesuíta Barbosa, Sabine Timoteo, Sophie Charlotte Conrad, Démick Lopes. Praia do Futuro, Ceará. Donato (Wagner Moura) trabalha como salva-vidas. Seu irmão caçula, Ayrton (Jesuita Barbosa), tem grande admiração por ele, devido à coragem demonstrada ao se atirar no mar para resgatar desconhecidos. Um deles é Konrad (Clemens Schick), um alemão de olhos azuis que muda por completo a vida de Donato após ser salvo por ele. É quando Ayrton, querendo reencontrar o irmão, parte em sua busca na fria Berlim. Melhor filme latino americano no San Sebastian International Film Festival 106 min./ California Filmes/ Drama/14 anos/

18h30 – S H O A H (parte 1)

(Fra., 1985). De Claude Lanzmann. Com Simon Srebnik, Michael Podchlebnik, Motke Zaidl. Shoah é uma aguda reflexão sobre o genocídio de milhões de judeus pelo regime nazista ao longo da segunda guerra mundial, e uma tentativa de traduzi-lo em filme sem utilizar uma única imagem sequer de arquivo, o que o torna uma experiência radical e única de cinema documental. Menos do que querer explicar as razões do assassinato em massa ter acontecido, o filme quer confrontar o espectador com algo que está além do que é possível imaginar ou entender. E que deve, por isso, ser sempre lembrado. Legenda eletrônicas em português / 14 anos / 566 min. (9h26min).

QUARTA – 10 DEZ

14h40 – Sete Corações

(Brasil, 2014) Com Maestro Duda, Maestro Nunes, Clóvis Pereira, Ademir Araújo, Guedes Peixoto, Edson Rodrigues, José Menezes. Os mestres do frevo – Duda, Nunes, Guedes Peixoto, Clóvis Pereira, Ademir Araújo, Edson Rodrigueis e José Menezes – se reunem para contar as histórias do estilo musical, das canções e deles próprios. O compositores analisam e reconhecem a história musical do estado de Pernambuco. Documentário / Musical

16h40 – Juízo
(Brasil, 2007) De Maria Augusta Ramos. Juízo acompanha a trajetória de jovens pobres com menos de 18 anos de idade diante da lei, entre o instante da prisão e o do julgamento por roubo, tráfico, homicídio. Com sequências filmadas em audiências reais e durante visitas ao Instituto Padre Severino, local de reclusão dos menores infratores, as imagens revelam as conseqüências de uma sociedade que manda os filhos ter “juízo”, mas não o pratica. 90 min. / Documentário

18h30 – S H O A H (parte 2)

(Fra., 1985). De Claude Lanzmann. Com Simon Srebnik, Michael Podchlebnik, Motke Zaidl.
Legenda eletrônicas em português / 14 anos / 566 min. (9h26min).

QUINTA – 11 DEZ

15h20 – Brincante

(Brasil, 2014) De Walter Carvalho. Com Antônio Carlos Nóbrega. Um lírico olhar sobre o universo de Antônio Nóbrega. O filme põe em cena o trabalho de uma vida, que se caracteriza pela consistente leitura da cultura popular, valoriziando seu imaginário e universo simbólico, e atualizando-a dentro de uma compreensão contemporânea.
Inédito / projeção em DCP / Livre / 93 minutos

17h10 – O Lobo de Wall Street

(EUA, 2013). De Martin Scorsese. Com Leonardo DiCaprio, Jonah Hill, Margot Robbie, Matthew McConaughey, Kyle Chandler, Rob Reiner, Jon Bernthal, Jon Fraveau – Durante seis meses, Jordan Belfort (Leonardo DiCaprio) trabalhou duro em uma corretora de Wall Street, seguindo os ensinamentos de seu mentor Mark Hanna (Matthew McConaughey). Quando finalmente consegue ser contratado como corretor da firma, acontece o Black Monday, que faz com que as bolsas de vários países caiam repentinamente. Sem emprego e bastante ambicioso, ele acaba trabalhando para uma empresa de fundo de quintal que lida com papéis de baixo valor, que não estão na bolsa de valores. É lá que Belfort tem a ideia de montar uma empresa focada neste tipo de negócio, cujas vendas são de valores mais baixos mas, em compensação, o retorno para o corretor é bem mais vantajoso. Ao lado de Donnie (Jonah Hill) e outros amigos dos velhos tempos, ele cria a Stratton Oakmont, uma empresa que faz com que todos enriqueçam rapidamente e, também, levem uma vida dedicada ao prazer. Indicado ao Oscar em melhor roteiro adaptado e Vencedor de Globo de Ouro como melhor ator em cenas de humor ou musical. / Paris Filmes / 18 anos / 179 min./ Drama / Biografia / Policial

20h30 – Brasil S/A (+ debate)
(Brasil, 2014) De Marcelo Pedroso. Com Edmilson Silva, Wilma Gomes, Adeilton Nascimento, Giovanna Simões. A cana-de-açúcar move o Brasil há 500 anos e Edilson é um de seus cortadores. As máquinas chegam e ele deixa o canavial para explorar o espaço em sua primeira missão interplanetária. Um pequeno passo para este homem, um salto gigantesco para a nação. Melhor direção 47º festival de Brasilia /72 min./ Drama/

SEXTA – 12 DEZ

15h40 – Boyhood: da Juventude à Adolescência

(EUA, 2014). De Richar Linklater. Com Ellar Coltrane, Patricia Arquette, Ethan Hawke. Richard Linklater – da trilogia “Antes do Amanhecer”, “Antes do Pôr-do-Sol”, “Antes da Meia-noite” – criou com “Boyhood” uma obra única por sua audácia e sensibilidade ao contar a história de Mason descobrindo a vida na infância e amadurecendo na juventude enquanto equilibra-se na corda bamba dos pais divorciados. A narrativa ficcional percorre a vida do menino durante um período de doze anos, enquanto analisa sua relação com a família e o mundo ao redor. Melhor Direção no Festival de Berlim 2014. Sony Pictures / 14 anos / 165 min. / DCP/ Prêmio de melhor diretor no Festival Internacional de Berlim

18h40 – Até que a Sbórnia nos Separe (+ debate)

(Brasil,2013) De Otto Guerra e Ennio Torresan Junior. Com Hique Gomez, Nico Nicolaiewsky, Otto Guerra, André Abujamra, Arlete Salles, Fernanda Takai. Sbornia é um pequeno país que sempre viveu isolado do resto do mundo, cercado por um grande muro que não permite o contato com os vizinhos. Um dia, no entanto, um acidente leva à queda do muro, e logo os sbornianos começam a descobrir os costumes modernos. Dois músicos locais, Kraunus (Hique Gomez) e Pletskaya (Nico Nicolaiewsky), observam as reações de seus conterrâneos: enquanto alguns adotam rapidamente a cultura estrangeira, outros preferem reafirmar as tradições sbornianas e resistir ao imperialismo. Premiado com melhor filme brasileiro em 35mm e melhor direção de arte no Festival de Gramado 2013 /83 min. / Animação/

21h- Cupcakes : Música e Fantasia

(Israel, França, 2013) De Eytan Fox. Com Dana Ivgy, Anat Waxman, Keren Berger, Ofer Schechter, Edouard Baer.Um grupo de amigos, em Israel, é super fã de um grande festival de música. Na noite da competição, o grupo se reune para ver pela TV. Dana (Dana Ivgy), que é confeiteira, faz cupcakes para os amigos. Mas ela está triste e para animá-la, um dos amigos compõe uma canção. O grupo se entusiasma e começa a articular se a música poderia competir no festival do próximo ano. 90min/ Comédia

SÁBADO -13 DEZ

14h30 – Curtas de Rodrigo John (+ debate)

16h40 – Uma vida comum

(Reino Unido, Itália, 2013). De Uberto Pasolini. Com Eddie Marsan, Joanne Froggatt, Andrew Buchan, Neil D’Souza, Paul Anderson, Bronson Webb. John May (Eddie Marsan) trabalha para o conselho descobrindo parentes mais próximos de pessoas que morreram sozinhas. Sua vida é seu trabalho e ele dedica mais esforços do que o necessário para descobrir sobre a vida de seus clientes, e dá-los um bom funeral. Porém, sua rotina muda quando ele descobre que perderá o emprego. Ele pede um tempo ao seu chefe para resolver o último caso em que trabalhava, o de Billy Stoker.Premiado com melhor Filme e melhor diretor no Festival de Veneza /87 min./ Comédia / Drama/ 1.85:1/

18h30 – Vertigo: Um Corpo de Cai

(EUA, 1958) De Alfred Hitchcock. Com James Stewart, Kim Novak, Barbara Geddes. Publicada a cada década pelo British Film Institute, a última lista dos Maiores Filmes da História do Cinema viu VERTIGO desbancar CIDADÃO KANE, de Orson
Welles, do primeiro lugar. Participam da votação centenas de cineastas, críticos, produtores, programadores e roteiristas dos quatro cantos do mundo. O que explica um filme ter esse tipo de devoção? VERTIGO é um filme sobre
obsessão, narrado com as lentes e a música do cinema. O policial incapacitado por seu medo de altura (Stewart) envolve-se com uma mulher que o fascina (Novak, a imagem do desejo em clássico Technicolor anos 50). A morte dessa
mulher o levará a projetar seu desejo numa segunda mulher (também Novak), numa trama que encontra perfeita expressão na câmera de Hitchcock e na fantástica trilha sonora de Bernard Herrmann. Para além de qualquer enredo, VERTIGO é uma
sessão de hipnose com imagens e sons que apenas o cinema é capaz de oferecer. Essa cópia restaurada foi apresentada no último FESTIVAL DE CANNES.
128 min. / Espaço Filmes / exibição em DCP 2K / 14 anos /

21h- O Abutre

(EUA, 2014). De Dan Gilroy. Com Jake Gyllenhaal, Rene Russo, Riz Ahmed, Bill Paxton, Ann Cusack, Kelvin Rahm, Jonny Coyne, Kathleen York. Enfrentando dificuldades para conseguir um emprego formal, o jovem Louis Bloom (Jake Gyllenhaal) decide entrar no agitado submundo do jornalismo criminal independente de Los Angeles. A fórmula é correr atrás de crimes e acidentes chocantes, registrar tudo e vender a história para veículos interessados. 117 min./ Diamond Filmes/ Suspense/ Drama

DOMINGO -14 DEZ

14h25 – Vidas ao Vento
(Kaze Tachinu, Japão; 2014), de Hayao Miyazaki, com Hideaki Anno, Miori Takimoto, Jun Kunimura, Keiko Takeshita. Vidas ao Vento trata do conto de um homem pacífico a serviço de fins destrutivos. Inspirado na vida de Jiro Horikoshi, o projetista japonês responsável pelo caça Mitsubishi A6M Zero, símbolo da força aérea japonesa durante a Segunda Guerra Mundial. O longa acompanha o personagem de sua infância até a maturidade, desde sua empolgação em relação ao futuro ofício, até quando se torna mais velho e introspectivo, dividido entre seu dever para com a aviação japonesa e os problemas de saúde de sua esposa, a doce Naoko. O roteiro costura habilmente eventos históricos da primeira metade do século XX, como o terremoto de Kanto (1923), a Grande Depressão Econômica (1929), e a aliança entre o Império Japonês e a Alemanha Nazista, com a respectiva atuação das chamadas “polícias ideológicas”. Califórnia Filmes / DCP 2K / Inédito / 12 anos / 126 min. / Tela plana

16h45 – Uma Viagem Extraordinária (3D)

(L’extravagant Voyage du Jeune et Prodigieux T.S Spivet. Fra. / Eua.; 2013) De Jean-Pierre Jeunet, com Helena Bonham Carter, Judy Davis, Callum Keith Rennie, Kyle Catlett. Aventura. T.S. Spivet, vive num rancho isolado de Montana. Garoto superdotado e apaixonado por ciência, ele inventou a máquina de movimento perpétuo, o que o fez receber um prêmio muito prestigioso. Sem dizer nada à família, ele parte, sozinho, para buscar sua recompensa e atravessa os EUA num trem de mercadorias. Mas ninguém imagina que o feliz premiado só tem dez anos e carrega um segredo tão pesado… California Filmes / DCP2K / Livre / Inédito / 105 min. / Scope

18h50 – O pequeno fugitivo

(EUA,1953). De Morris Engel, Ruth Orkin. Com Richie Andrusco, Richard Brewster, Winifred Cushing, Jay Williams, Ruth Orkin. Joey (Richie Andrusco) é um pequeno menino cujo irmão, Lennie (Richard Brewster) , é a grande inspiração. Os dois são muito apegados e inseparáveis. Um dia, sua mãe precisa deixar os dois sozinhos em casa. Lennie fica encarregado de cuidar do irmão caçula, porém, decide pregar uma peça em Joey fingindo ter sido morto por ele. Joey assustado foge de casa e vai para Coney Island, em um grande parque de diversões. Indicado ao Oscar de melhor roteiro e Premiado com o Leão de Prata no Festival de Veneza 80 min. / Espaço Filmes/ Comédia dramática /

20h30 – Castanha

( Brasil, 2014) De Davi Pretto. Com João Carlos Castanha, Celina Castanha, Francisco Jairo da Silva, Gabriel Nunes. João Carlos Castanha tem 52 anos e é ator. Também trabalha na noite como transformista em baladas gays. Vive com a mãe septuagenária, Celina, no subúrbio de Porto Alegre. Solitário, doente e confuso, aos poucos ele deixa de discernir realidade e ficção. Melhor filme (Novos Rumos) Festival Internacional de filmes do Rio de Janeiro 95 min. / Vitrine filmes/Documentário /Drama /

SEGUNDA – 15 DEZ

14h – Ventos de Agosto

(Bra., REC., 2014) De Gabriel Mascaro. Com Dandara de Moraes, Geová Manoel dos Santos.Agosto.
Um pesquisador de som de ventos alísios desembarca em uma pacata vila de pescadores e abala a rotina de Shirley, que trabalha em uma fazenda, e Jeison, praticante da pesca submarina. A maré está alta, os ventos fortes e a vila nunca mais será a mesma.Premiado no 47º Festival de Brasília e no 7º Janela Internacional de Cinema do Recife. 77 min. / DCP / 16 anos / Vitrine / Filmes

15h40 – Ninfomaníaca volume 1
(Dinamarca, Bélgica, Alemanha, França e Reino Unido, 2013) De Lars Von Trier. Com Charlotte Gainsbourg, Stellan Skarsgård, Stacy Martin, Shia Labeouf, Christian Slater, Jamie Bell , Uma Thurman e Willem Dafoe.Bastante machucada e largada em um beco, Joe (Charlotte Gainsbourg) é encontrada por um homem mais velho, Seligman (Stellan Skarsgard), que lhe oferece ajuda. Ele a leva para sua casa, onde possa descansar e se recuperar. Ao despertar, Joe começa a contar detalhes de sua vida para Seligman. Assumindo ser uma ninfomaníaca e que não é, de forma alguma, uma pessoa boa, ela narra algumas das aventuras sexuais que vivenciou para justificar o porquê de sua auto avaliação. Prêmio Bodil- melhor atriz (Charlotte Gainsbourg) 118 min./California Filmes/ Drama/ Erótico/ 18 anos/

20h15- Prometo um dia deixar essa cidade (+debate)

(Brasil,2014) De Daniel Aragão. Com Bianca Joy, Zecarlos Machado, Sérgio Marone, Luis Carlos Miéle e Ana Moreira. Joli (Bianca Joy Porte), uma ex-viciada em drogas, volta a Recife depois de um tempo afastada, entrando em conflito com seu pai, o pré-candidato à Prefeitura Antônio Dornelles (Zécarlos Machado) e seu assessor Hugo (Sergio Marone). Premiado no Festival Internacional do Rio de Janeiro / 90 min. / Drama / Suspense /

TERÇA – 16 DEZ

14h40 – O melhor lance

(Itália, 2013) De Giuseppe Tornatore. Com Geoffrey Rush, Jim Sturgess, Sylvia Hoeks , Donald Sutherland, Philip Jackson, Dermot Crowley, Lyia Kebede, Sylvia De Fanti. No mundo dos leilões de arte e antiguidades de alta qualidade, Virgil Oldman (Geoffrey Rush) é um conhecido e apreciado especialista em arte. Ele é contratado por uma jovem herdeira, Claire Ibbetson (Sylvia Hoeks), para leiloar a grande coleção de obras de arte deixada por seus pais. Mas, por alguma razão, Claire sempre se recusa a ser vista pessoalmente. Robert (Jim Sturgess), que ajuda Virgil a restaurar e montar algumas peças mecânicas antigas que encontra na casa da moça, também lhe dá conselhos sobre como ganhar sua confiança e lidar com os sentimentos que tem em relação a ela. 131 min./ Paris filmes/ Suspense / Romance / Drama/ 14 anos

17h10 – Sem Pena
(Brasil,2014). De Eugênio Puppo. Documentário sobre o sistema jurídico e prisional brasileiro. A precária vida nas prisões do país e os medos, preconceitos e equívocos que assombram o tema. A população carcerária brasileira é uma das maiores do mundo e só aumenta. 87 min / Espaço Filmes/ Documentário

19h – A história da Eternidade (+ debate)

(Brasil, 2014). Dirigido por Camilo Cavalcante. Com Irandhir Santos, Marcelia Cartaxo, Zezita Matos, Débora Ingrid, Cláudio Jaborandy, Maxwell Nascimento. Alfonsina (Débora Ingrid) tem 15 anos e sonha conhecer o mar. Querência (Marcélia Cartaxo) está na faixa dos 40. Das Dores (Zezita Matos) já no fim da vida, recebe o neto após um passado turbulento. No sertão compartilham sobrenome e muitos sentimentos. Amam e desejam ardentemente. Melhor filme escolhido pelo público no Festival de São Paulo/120 min./ Drama

QUARTA – 17 DEZ

14h – Ilegal

(Bra., 2014) De Raphael Erichsen, Tarso Araújo. Documentário. De um lado, uma menina de cinco anos com uma forma de epilepsia rara, grave e sem cura. Do outro, uma substância derivada da maconha que acaba com as convulsões da criança. Entre as duas, uma lei que torna o tratamento impossível. O filme mostra a luta de um grupo de mães contra a burocracia e o preconceito para garantir aos seus filhos o direito à saúde. Mostra também como seu exemplo deu origem a um movimento nacional pela legalização da cannabis medicinal. Espaço Filmes / 12 anos / Inédito / DCP / 90 min.

15h50 – Ninfomaníaca – volume 2
(Dinamarca, Bélgica, Alemanha, França e Reino Unido, 2013) De Lars Von Trier. Com Charlotte Gainsbourg, Stellan Skarsgård, Stacy Martin, Shia Labeouf, Christian Slater, Jamie Bell , Uma Thurman e Willem Dafoe. Segunda parte das aventuras sexuais de Joe (Charlotte Gainsbourg), uma mulher de 50 anos que decide, depois de hesitar um pouco, contar a um homem mais velho (Stellan Skarsgard) sua história pessoal. Ela fora diagnosticada como ninfomaníaca. Ele ouve atento as histórias da mulher que desde muito jovem tem fortes desejos sexuais. Prêmio Bodil- melhor atriz (Charlotte Gainsbourg) 124 min./California Filmes/ Drama/ Erótico/ 18 anos/

18h10 – Hoje eu Quero Voltar Sozinho

(Bra., 2014) De Daniel Ribeiro. Com Guilherme Lobo, Fábio Audi,
Leonardo é um adolescente cego que tenta lidar com a mãe superprotetora ao mesmo tempo em que busca sua independência. Quando Gabriel chega à cidade, novos sentimentos começam a surgir em Leonardo, fazendo com que ele descubra mais sobre si mesmo e sua sexualidade. Filme retoma as histórias do curta-metragem “Eu Não Quero Voltar Sozinho”, do mesmo diretor. Premiado com o prêmio da crítica – Fipresci (Federação Internacional de Críticos de Cinema) – no Festival de Berlim, onde também levou o Teddy de melhor filme de temática . 96 min. / Vitrine Filmes / DCP / 12 anos. / Scope

20h – Depois da Chuva (+debate)

(Brasil, 2013) De Cláudio Marques e Marília Hugues. Com Pedro Maia, Sophia Corral, Aicha Marques, Talis Castro. No ano de 1984, quando a ditadura militar se enfrequece, dois jovens baianos de 16 anos começam a perceber que estão vivendo uma fase importante do país. A descoberta do contexto político, com as eleições diretas para Presidente, mistura-se às descobertas sexuais e ao fim da adolescência.Premiado no Festival de Veneza /90 min./ Drama/ Histórico

QUINTA – 18 DEZ

14h50 – Boyhood: da Juventude à Adolescência (2ª exibição)

(EUA, 2014). De Richar Linklater. Com Ellar Coltrane, Patricia Arquette, Ethan Hawke.
Sony Pictures / 14 anos / 165 min. / DCP/ Prêmio de melhor diretor no Festival Internacional de Berlim

17h50 – Corbiniano (+debate)

(Brasil, 2013) De Cezar Maia. Documentário sobre José Corbiniano Lins, um dos artistas plásticos mais importantes do país em atividade. Nascido em 1924, em Olinda, Corbiniano é famoso por suas esculturas em alumínio fundido, que evocam as formas do corpo feminino. 72 min./ Documentário

20h – Permanência (+debate)

(Brasil, 2014) Dirigido por Leonardo Lacca. Com Irandhir Santos, Rita Carelli, Sílvio Restiffe. Ivo (Irandhir Santos) é um fotográfo pernambucano que viaja a São Paulo para fazer sua primeira exposição individual. Para isso, ele decide se hospedar na casa de sua ex-namorada, hoje casada com outro homem. 85 min./ Drama

SEXTA -19 DEZ

14h – O menino e o mundo

(Brasil, 2008) De Alê Abreu. Com Emicida, Vinicius Garcia, Nana Vasconcelos, Alê Abreu e Melissa Garcia. Um garoto mora com o pai e a mãe, em uma pequena casa no campo. Diante da falta de trabalho, no entanto, o pai abandona o lar e parte para a cidade grande. Triste e desnorteado, o menino faz as malas, pega o trem e vai descobrir o novo mundo em que seu pai mora. Para a sua surpresa, a criança encontra uma sociedade marcada pela pobreza, exploração de trabalhadores e falta de perspectivas.Melhor filme no Festival Internacional de São Paulo./ 80 min./ Espaço Filmes/ Animação /

15h40 – Amantes Eternos

Um filme de Jim Jarmusch. (Inglaterra/França, 2014). Com Tilda Swinton, Tom Hiddleston, Mia Wasikowska. Jim Jarmusch (de quem já exibimos ao longo dos anos, Ghost Dog, Flores Partidas, Sobre Café e Cigarros) faz um dos seus melhores filmes, numa carreira que já tem 30 anos. Oferece frescor e originalidade ao mito do vampiro. Em Amantes Eternos, um casal de vampiros casado há mais de 100 anos (Swinton e Hiddleston) vive uma vida rock’n’roll, ouvindo música, fugindo do sol e evitando matanças para obter comida. Eles têm traficantes que lhes fornecem a droga: sangue. A relação deles será testada pela visita da irmã jovem e irresponsável dela (Wasikowska), também vampira. Seleção Cannes 2014 – 123 min. / Paris Filmes / em DCP / Som Digital 5.1 / 14 anos.

18h – Sob a Pele

(GB., 2013) De Jonathan Glazer. Com Scarlett Johansenn. Uma mulher misteriosa assume a identidade de outra mulher desconhecida e morta. Dentro de um van, ela dirige pelas ruas de Edimburgo, na Escócia, em busca de homens para seduzi-los e levá-los à morte. Após se deparar com a própria imagem num espelho, passa a repensar os valores humanos. Sob a Pele é o terceiro e mais ambicioso filme do cineasta bissexto Jonathan Glazer, que levou 13 anos para trazer às telas esta história orginal do livro homônimo de Michel Faber. Elevado ao status de obra-prima pela crítica britânica, Glazer vem sendo comparado a Kubrick por criar com este filme uma nova textura para a ideia de ficção-científica no cinema. Seleção oficial do Festival de Veneza 2013 – 108 min. / Paris Filmes / DCP / 16 anos. / Scope

20h15 – Batguano ( + debate)

(Brasil, 2014). De Tavinho Teixeira. Com Everaldo Pontes, Tavinho Teixeira. Em um futuro sombrio, a dupla inseparável Batman (Everaldo Pontes) e Robin (Tavinho Teixeira) moram em um trailer afastado. Repentistas punk-rock, eles constatam que o planeta Terra ficou pequeno demais para sua perfeição, genialidade e potência, e decidem encontrar seu lugar nas galáxias distantes. 74min./ Comédia Romântica

SÁBADO – 20 DEZ

15h10 – Belém: Zona de Conflito

(Israel, Alemanha, Bélgica, 2013) De Yuval Adler. Com Shadi Marei, Tsahi Halevi, Hitham Omari, Tarek Copti, George Iskandar e Yossi Eini. Sanfur (Shhadi Maryee) é o filho mais novo de um militante palestino. Ele é recrutado aos 15 anos por Razi, um oficial do serviço secreto israelense, como informante palestino. Dois anos depois, ambos criaram um forte laço de afeição um pelo outro, tornando-se muito próximos. Sendo assim, o menino tenta consciliar as obrigações com sua família palestina e,principalmente, com seu irmão e o serviço prestado ao comando de Razi, vivendo uma vida dupla. Porém, a situação se complica quando o serviço secreto israelense descobre o envolvimento de Sanfur nas práticas palestinas. Melhor Filme No Festival de Veneza e no Israeli Film Academy 99 min/ Europa Filmes/ Drama/ Suspense/ 14 anos/

17h10 – O fio de Ariane

(França, 2013) De Robert Guédiguian. Com Ariane Ascaride, Jacques Boudet, Jean-Pierre Darroussin, Anaïs Demoustier. Ariane é uma mulher de meia-idade que se sente mais sozinha do que nunca quando, no dia de seu aniversário, seus entes queridos não aparecem. Então, ela deixa sua adorável vizinhança em uma viagem de carro em direção à grande e ensolarada cidade de Marselha, na França. 92 min/ Drama/ Comédia

19h – O Crítico

(Argentina, 2013) De Hernán Guerschuny. Com Rafael Spregelburd, Dolores Fonzi, Blanca Lewin e Ana Katz. Víctor Tellez (Rafael Spregelburd) é um crítico de cinema exigente e prestigiado que odeia comédias românticas e acredita que o melhor da sétima arte está no passado. Amargo e mal-humorado, ele procura um apartamento e conhece Sofía (Dolores Fonzi), bela e com gostos opostos aos seus. Tellez tenta, mas não consegue evitar que sua vida se transforme a partir de então em um romance clichê. 98 min. / Vitrine Filmes/ Romance/ Comédia Dramática/

21h – Acima das Nuvens

(França, Suiça, Alemanha, 2014) De Olivier Assayas. Com Juliette Binoche, Kristen Stewart, Chloë Grace Moretz, Lars Eidinger, Johnny Flynn, Angela Winkler, Hanns Zischler e Nora Von Waldstätten. Maria Enders (Juliette Binoche) é uma famosa atriz que fica perturbada com o fato de que JoAnn (Chloë Moretz), jovem estrela de Hollywood, irá interpretar o papel que a fez famosa há vinte anos. Convidada a dividir o palco com a novata, Enders viaja até os Alpes para ensaiar e conta com o apoio de sua assistente (Kristen Stewart) no confrontamento com a representação de seu passado. Indicado ao Palma d’Ouro no Festival de Cannes 124 min./ California Filmes/ Drama /

DOMINGO – 21 DEZ

15h50 – Balada de um Homem Comum

(EUA, 2013) De Ethan Coen e Joel Coen. Com Oscar Isaac, Carey Mulligan, Justin Timberlake, Ethan Phillips, John Goodman, Garret Hedlund, Adam Driver, F. Murray Abraham. Llewyn Davis (Oscar Isaac) é um cantor e compositor que sonha em viver da sua música. Com o violão nas costas, ele migra de um lugar para o outro na Nova York dos anos 60, sempre vivendo de favor na casa de amigos e outros artistas. Talentoso, mas sem se preocupar muito com o futuro, ele incomoda a amiga Jean Berkey (Carey Mulligan), que vive uma relação com outro músico, Jim (Justin Timberlake). Nem um pouco confiável, Davis se depara com a oportunidade de viajar na companhia de um consagrado e desagradável artista, Roland (John Goodman), mas nem tudo vai acabar bem nesta nova jornada. Indicado ao Oscar de Melhor Edição de Cinematografia 105 min./ Paris Filmes/ Musical/ Drama/ 12 anos

18h – Regresso a Ítaca

(França, 2013) De Laurent Cantet. Com Isabel Santos, Jorge Perugorria, Fernando Hechavarría, Pedro Julio Diaz Ferran. Num terraço com vista para Havana, o sol se põe e cinco amigos se reúnem para comemorar a volta de Amadeo, após ter passado 16 anos exilado em Madri. Eles passam a noite conversando sobre a juventude, a banda que formaram e a fé que depositaram no futuro do país. 105 min. / Comédia Dramática

20h – Os Pássaros

(The Birds, EUA – 1963). De Alfred Hitchcock. Eleito o 7º thriller mais assustador do cinema americano pelo American Film Institute, Os Pássaros Introduziu a atriz Tippi Hedren, que no ano seguinte foi premiada como atriz revelação com o Globo de Ouro. Baseado num conto homônimo, o filme retrata uma cidade da Califórnia que inexplicavelmente começa a ser alvo de violentos ataques de um bando de pássaros invadindo o local em poucos dias e aterrorizando seus habitantes. É a primeira obra de Hitchcock posterior a “Psicose”, um dos filmes mais famosos do diretor. Um sucesso de público e crítica.
119 min /14 anos / DCP / Espaço Filmes

Sem mais artigos