A turma do "Independente Disso": Guilherme Luigi, Carlos Gomes, Mayra Melo, Ticiano Arraes. (Foto: Josivan Rodrigues/Divulgação).

A turma do “Independente Disso”: Guilherme Luigi, Carlos Gomes, Mayra Melo, Ticiano Arraes. (Foto: Josivan Rodrigues/Divulgação).

Recife vai ganhar sua primeira feira de produtos independentes. Serão ao todo 11 empresas e grupos indies que irão expor no próximo dia 11 deste mês, no sábado, no Orbe Coworking, no Edf. Pernambuco, Centro do Recife.

A primeira edição do “Independente Disso” vai reunir diversas áreas da economia criativa. Ao todo, 19 produtores estarão expondo os seus artigos: as revistas MI, Outros Críticos, Café Colombo e Recife Assombrado; as publicações da Mariposa Cartonera, da Livrinho de Papel Finíssimo Editora, da Caleidoscópio Editora, da Editora Aplicação, da Corisco Design, de Josivan Rodrigues e da Lama; os zines da Noisé; as gravuras da Gráfica Lenta; os vinis da Ripohlandya e da Assustado Discos; os origamis da Dobrinhas; os filmes da Rec Produtores; e os cadernos do Joana Velozo Ateliê e do Livro Em Branco.

Além da feira, às 15h terá início uma conversa sobre o panorama das revistas de cultura do Estado, com a presença de Adriana Doria (Continente), Renata Gamelo (Eita!), Eduardo César Maia (Café Colombo), Thiago Corrêa (Vacatussa), Carlos Gomes (Outros Críticos), Rodrigo Édipo (MI) e Jaíne Cintra (Cesárea). A feira é produzida por Mayra Melo (designer e produtora) com apoio da Orbe Coworking e do Outros Críticos.

Sem mais artigos