O grupo Secos e Molhados nos anos 1970

Recife recebe semana que vem a exposição multimídia Arquivo do Rock Brasileiro, um grande acervo de discos, fotos e raridades que contam a história do rock nacional dos anos 50 aos 70. O projeto será instalado no piso L4 do Plaza Shopping de 10 a 16 de julho e tem produção conjunta do Coquetel Molotov e da Associação Cultural Dynamite, de São Paulo, que criou o projeto.

A exposição inclui várias capas de discos, recortes de jornais, revistas, livros, e vídeos com imagens raras de personalidades da música brasileira como Rita Lee, Erasmo Carlos, Secos e Molhados, Jorge Mautner e Alceu Valença, na sua fase udigrudi nos anos 70. Dentre as raridades que estarão expostas ao público há um compacto em 12 polegadas da banda Joelho de Porco, com tiragem limitadíssima e vendida em shows, uma reprodução dos manuscritos originais de “Mosca na Sopa” de Raul Seixas e até um boneco de Ronnie Von lançado em 1967.

Grande parte das fotos dos anos 50 e 60 que poderão ser vistas na exposição vieram do arquivo pessoal do apresentador de TV, Antonio Aguillar, que registrou pioneiros do ritmo como Ronnie Cord, Wanderléia e Cauby Peixoto. Captando a atmosfera do rock’n’roll dos anos 60 e 70, o Arquivo do Rock Brasileiro conta com imagens de autoria dos fotógrafos Conceição Almeida e Mário Luiz Thompson.

Para encerrar a exposição no dia 16 de julho, a banda Os Ordinários faz um pocket-show no Plaza, a partir das 18h com um repertório especial em homenagem à Jovem Guarda.

Serviço
Arquivo do Rock Brasileiro
Plaza Shopping – Piso L4 – Casa Forte
10 a 16 de julho – 10h às 22h
Entrada Gratuita
Mais informações: (81) 3265-8100 | www.arquivodorock.com.br

Sem mais artigos