Deus criou a vida, os pássaros e a amizade. Criou também a inveja, a Aids e o festival de Cannes.
.
Guia de higiene, comportamento e comedoria para o audiovisual pernambucano

7: Deus criou a amizade, os pássaros e o festival de Cannes

Exibições e prêmios são momentos especiais na carreira de qualquer cineasta recifense e, no caso de festivais especiais como Clermont-Ferrand e Cannes, definitivos para o sagramento da excelência do trabalho pela nata crítica do audiovisual. Prêmios nestes festivais podem ser considerados com uma agraciação divina para o talento de poucos e a gênese de semideuses na terra em regiões provincianas situadas no nordeste do brasil. Para estes verdadeiros teseus do audiovisual, a sorte está lançada e a bonanza profissional garantida. É momento de colher os frutos e pensar no futuro ao retornar para sua cidade natal. Em toda a história, apenas 3 pernambucanos exibiram seus trabalhos em Cannes. O guia de higiene, comportamento e comedoria para o audiovisual pernambucano, prevendo os dias incertos que estão por vir, atesta públicamente que o companheirismo é uma questão séria e não pode ser ignorada. Para todos os pernambucanos, que exibiram ou não em importantes festivais de audiovisual, evitemos possíveis constrangimentos sociais, para criar uma classe unida e feliz, devota a Deus e aos bons modos, com dicas-bônus da dupla de palhaços pedagogos Patati & Patatá.

Só seu sorriso tem a força,
Poder e a alegria de viver.
Com seu sorriso vou conquistar
A alegria de viver e sonhar

Patati & Patatá, A força do sorriso

.
Como fingir estar feliz em um momento de agonia

Seu rival autoral promissor ganhou prêmios e agora todas as atenções estão voltadas pra ele. Quer saber? Pior é morrer. Assim como uma boa higiene bucal, um bom sorriso ainda abre portas e garante o prolongamento da farsa. Fingir estar feliz neste momento de agonia é bem mais fácil do que parece e um simples sorriso pode resolver problemas de ansiedade, ira, resignação, inveja, seborréia, entre outros. Com calma, sem equívocos e olhando sempre no olho de seu adversário, é possivel fingir estar feliz pelo sucesso de alguém que você demoniza. Mesmo não sendo agradável, muito pior é ser conhecido pela cena como uma pessoa que não sabe lidar com adversidades. Cumprimente o cineasta, proponha parcerias futuras e, após se infiltrar em sua rotina, uma sabotagem pode ser melhor planejada.

Ser feliz é o maior prêmio

Quando estiver triste por não ganhar prêmios, lembre-se que o mais importante na vida é ter amigos, ser carinhoso com a mãe natureza e ter paz no coração. Jesus nos fez como sua imagem e semelhança e, por isso, devemos ser bons com os nossos colegas e amigos. Trate bem sua família, seus colegas e elogie seu amigo cineasta sempre que puder. Beba leite antes de dormir e nao pegue Aids.

Hahaahhha Como assim? Eu sempre gostei do seu trabalho! Hahahahah

Engenheiro de som não tão promissor assim, mentindo

.
Abafe o caso e psicografe lombras

Evite tornar o “incidente Cannes” uma grande coisa: minimize-o para sua própria saúde mental. Quanto mais pessoas souberem do fato, mais você terá que ouvir parabenizações públicas de pessoas que na verdade buscam um emprego como diretor de arte, e isto não é agradável. Use o seu poder de mídia para psicografar lombras no mundo audiovisual, quer lá o que isso signifique, e distraia o público provando que você também faz coisas interessantes, e don’t give a damn about the hype. Como a classe de excluídos e não-talentosos é vasta, você terá vários adeptos à sua causa.

Para os bem-sucedidos, companheirismo é não ficar convencido

Ao chegar ao bar Capitão Lima após uma bem-sucedida viagem de divulgação com exibições no festival de Brasilia e no Curta Cinema do Rio de Janeiro, companheirismo é não comentar o fato com seus colegas cineastas indies locais. Todos eles já sabem o quão talentoso você é e, como nem todos são tão talentosos assim, sempre vai ter alguém desejando que você estivesse morto ou com Aids. Numa situação como esta, ser companheiro é não se sentir superior por ser agraciado com talento e não usar isso como razão para gerar aloka moments em pessoas que já são infelizes naturalmente.

Atenção: Este é um comportamento que não só faz bem ao carma, como também à sua imagem pessoal. Uma vez bem-sucedido no que faz, você se torna alvo de agouros sociais, e é necessária a aplicação de astúcia e politicagem para evitar fazer com que a classe artística o demonize. Essas pessoas, embora fraudes, são formadoras de opinião locais, e isto é algo que pode fazer seu império ruir. Seja conhecido como uma pessoa que possui várias virtudes e que não se ilude facilmente com o sucesso e com a Nuvem Rosa. É Fato: ter um bom relacionamento com a cena audiovisual tornará você ainda mais superior.

Saia de Recife

Todos querem sair de Recife. Esforços de fazer curta-metragens, gravar discos, escrever livros, entre outros, são apenas algumas das formas de alcançar esse tão almejado objetivo. Existe um limite de tolerância para esta cidade quente e pobre. Exibições em Cannes são um ótimo primeiro passo para a alforria. Cineastas autorais promissores disputam internamente quem será o primeiro a deixar este cisto urbano, e isso, por si, já deve ser considerado um sinônimo de talento. Ao invés de desejar o mal de quem obtem sucesso, busque o mesmo caminho: saia desta cidade.

Um aperto de mão eu vou dar,
Um aperto de mão pra dizer
Que estou muito feliz.
Como é bom ser feliz

Patati & Patatá, Como é bom ser feliz

——
[+] Raul Luna é arquiteto, videasta e membro do coletivo TV Primavera. Escreve um guia definitivo para a intelligentsia audiovisual pernambucana.

Sem mais artigos