Divulgação
Cine PE, muito mais do que um festival de cinema: uma grande oportunidade de conseguir cocaína

.
Guia de higiene, comportamento e comedoria para o audiovisual pernambucano
3: Como utilizar o Cine PE para networks

Abril é o quarto mês do ano e possui 30 dias, conhecido em Recife como o período de chuva. Pelo fato de nossa cidade ser pobre e desinteressante, é compreensível a empolgação pela presença de tantas pessoas importantes e bonitas, como Raul Gazzola, que aparecem nesta época do ano. Para cineastas, é o momento ideal de conseguir aquele contato com alguém famoso, fingir que está em Gramado, fazer networks, se vestir bem e aproveitar para conferir o que de pior se produz no cinema nacional. O Cine PE surge como um oásis de modernidade para o audiovisual wannabe recifense e esse é um momento que deve ser aproveitado intensamente. Hora de esquecer a dívida que o seu curta metragem fez e se divertir nessa semana de encanto, magia e cocaína, que envolve Recife em um estado de ficção social. Na terceira edição do Guia de higiene, comportamento e comedoria para o audiovisual pernambucano, o cineasta autoral promissor aprenderá como transformar o Cine PE em palco para novos contatos, pavanizações e autógrafos de Carlos Reichenbach.

You will need to know the difference between Friday and a fried egg. It’s quite a simple difference, but an important one. Friday comes at the end of the week, whereas a fried egg comes out of a chicken. Like most things, of course, it isn’t quite that simple. The fried egg isn’t properly a fried egg until it’s been put in a frying pan and fried. This is something you wouldn’t do to a Friday, of course, though you might do it on a Friday. You can also fry eggs on a Thursday, if you like, or on a cooker. It’s all rather complicated, but it makes a kind of sense if you think about it for a while.
(Douglas Adams)

A tão falada (porém pouco compreendida) pavanização

Pavanizar em muito se difere de praticar mis en scéne. No mundo mágico do audiovisual, misenscéne é a pratica de se mostrar eficaz, englobando as ações de preocupação no set, introspecção e o simples e famoso piti. A pavanização, por sua vez, mais tem a ver em gerar olhares e agregar valor para sua pessoa, através de desfiles e poses, numa verdadeira Bolsa de Valores do Audiovisual, também conhecida vulgarmente como “tapete vermelho de entrada do Cine PE”, ou BVA. Sempre alguém está em alta e ou em baixa. É bastante comum a prática de puxar um lero na BVA, arracando olhares dos transeuntes, comprando uma pipoca e re-discutindo o conceito de regionalização da arte. Quem sabe, com uma pavanização bem feita, o cineasta acaba alcançando algo do que tanto almeja: fama, uma namorada ou uma garantia do patrocinio da Chesf para o seu primeiro longa metragem. Pavanizar na Bolsa de Valores te faz perceber que você está no meio de tantas pessoas amantes do cinema e que todas elas estão fora da sessão de mais um longa nacional ruim, que só possui exibição em festivais tapete vermelho.

Recrutando membros para futuros projetos de baixo orçamento

Ainda na pavanização, o diretor promissor pode usar o Cine PE como campo de recrutamento para produtores, atores e office-boys de seu novo curta-metragem. Muitos se hipnotizam com a indústria cinematográfica e, com poucas promessas de exibições, os mais ingênuos ainda são capazes de aceitar as mais hediondas condições de trabalho.

Como pedir autógrafos a Carlos Reichenbach

Ok, você chega a conclusão que aquele barbudo é realmente Carlos Reichenbach. Você já assistiu filmes, além de ter lido vários textos sobre ele no Cinemascópio, o que te garante assunto suficiente para chegar junto e puxar um papo. E, agora que aquela mulher que o acompanha saiu do lado para ir ao banheiro, é o momento certo para chegar junto e subir na vida. Carlos Reichenbach gosta de falar com fãs e dará atenção suficiente ao cineasta pernambucano promissor, que, por sua vez, não perderá tempo, pedindo autógrafos e entregando uma cópia do tratamento final de seu novo roteiro, junto com um dvd contendo seu primeiro filme universitário. O diretor autoral promissor recifense pode achar que, no momento, Carlos Reichenbach não sabe ainda que fala com mais uma fraude do audiovisual, mas certamente se engana. Carlos Reichenbach tudo sabe, Carlos Reichenbach tudo vê.

Dizendo àquele cineasta que na verdade vc não demoniza o trabalho dele e que, na verdade, até gosta.

A BVA também é lugar de fazer amigos. Amigos também cineastas: porque não? Momento certo de dizer aquele cineasta autoral rival que, sim, você gosta do trabalho dele e que nunca falou mal do filme pelas costas quando foi exibido na Fundaj no inicio do ano.

Encontrando antigos desafetos

Encontrar antigos desafetos no tapete vermelho do Cine PE é também bastante comum, como aquela produtora do curta metragem que você resolveu engavetar por motivos de “não representar quem você é no momento”. Ao observar o olhar de ira em sua direção, utilize-se de duas táticas: (1) egípcia, quando apenas virar o rosto é suficiente para desviar o campo de visão, ou (2) avestruz, quando vc precisará desviar por completo seu corpo para desencontro dos olhares da hiena.

Conseguindo convites para as afterparties

Ninguém liga pras festas-lançamento de filmes, que servem apenas pra divertir o diretor e a equipe de produção. Para os cineastas autorais emergentes, o que realmente interessam são as festas privadas do Recife Palace Hotel, regadas a champagne, pó e jazz. Todos imaginam que, num festival orçado em R$ 1,6 milhões e com presença de inúmeros astros globais, alguma grana tem que ir pra comprar cristina, né? E esperamos mesmo que vá, porque ao menos existirá alguma forma de se divertir no Cine PE. Para um iniciante, conseguir convites para afterparties é o mesmo que ter o seu roteiro aprovado no Ary Severo. Qualquer old school que divide pó com um autoral promissor automaticamente apadrinha, e fará o possível para ajudar sua carreira.

——
[+] Raul Luna é arquiteto, videasta e membro do coletivo TV Primavera. Escreve um guia definitivo para a intelligentsia audiovisual pernambucana.

Sem mais artigos