“A retornada”, de Laura Erber, é um livro antes de tudo elegante. E sua beleza está em nos conduzir à um lugar de medo, desejo e vontade. Assim, de forma crescente. São muitas as vozes que fazem este poemário. Laura dá nó na lírica, aperta as imagens, esquadrinha referências. Entorta a cabeça de quem lê. Esplêndido resultado.

"(...) o eco grito branco das gaivotas" (ERBER, p.14)
"(...) o sangue que corre e a veia que segura" (ERBER, p.15)
"(...) a/ graça tensa de uma espera é a iminência da explosão" (ERBER, p.19)

 

 

 

 

 

 

 

 

A retornada
Laura Erber
Ed. Relicário
R$ 30