O empresário e compositor britânico, Malcolm McLaren, considerado o “pai” do movimento punk, morreu em Nova York, aos 64 anos, disse seu agente nesta quinta-feira.

Mclaren foi diagnosticado com câncer há algum tempo.

Na década de 1970, ele abriu em conjunto com sua parceira Vivienne Westwood uma loja de roupas alternativas em Londres.

O britânico tornou-se empresário do grupo Sex Pistols em 1975 e era considerado um dos responsáveis por tornar o movimento punk um fenômeno mundial.

Antes dos Sex Pistols, ele empresariou a banda de Glitter Rock novaiorquina The New York Dolls, sem sucesso.

Após o fim do grupo punk, McLaren perdeu uma batalha judicial pelos direitos autorais da banda e empresariou outros artistas, como o Bow Wow Wow e lançou seus próprios álbuns.

Mais tarde, McLaren flertou com a política, cogitando candidatar-se ao cargo de prefeito de Londres.

Ele foi enterrado no cemitério de Highgate, na capital londrina.

Fonte: BBC Brasil

Sem mais artigos