"Pelé": mais um para a conta dos atrasos da Copa? (Foto: Divulgação/Seine Pictures)

“Pelé”: mais um para a conta dos atrasos da Copa? (Foto: Divulgação/Seine Pictures)

Pelé, o longa que vai contar a história do maior jogador de futebol de todos os tempos, não ficará pronto a tempo da Copa do Mundo do Brasil em junho deste ano. A revelação foi dada pela revista The Hollywood Reporter, citando fontes da indústria ouvidas durante o Festival de Berlin, que acontece essa semana.

Leia Mais
A primeira foto oficial do filme

É uma lesão e tanto dentro da estratégia da produção de conseguir atrair atenção e publicidade gratuita atrelando o lançamento do longa ao maior evento de futebol do mundo. Segundo o THR, os diversos atrasos na produção ativaram uma cláusula nos contratos de pré-venda que davam aos compradores a oportunidade de abandonar o filme e cancelar os acordos.

Dirigido por Michael Zimbalist e Jeff Zimbalist, Pelé já tinha sido vendido a diversos distribuidores em todo mundo ainda na fase de produção. Grande parte desses compradores apostavam no ótimo momento em que o filme chegaria ao público, apostando no mote da Copa do Mundo. Segundo a revista, ao menos um comprador já pulou fora.

O filme está sendo produzido pela Imagine Entertainment e Seine Pictures. A Exclusive Media vende o longa internacionalmente (que se negou a comentar as declarações da THR).

Claro que o mote da Copa é uma ótima publicidade para o filme, mas a fama de Pelé em todo o mundo pode ser suficiente para garantir o sucesso do longa, que segue como uma das produções mais grandiosas feitas entre EUA-Brasil. Os estreantes Leonardo Lima Carvalho e Kevin de Paula interpretam o jogador em diferentes fases: o primeiro dos 10 aos 13 e o segundo até 17. Vincent D’Onofrio, Rodrigo Santoro, Diego Boneta, Seu Jorge e Milton Gonçalves também estão no elenco.

Pelé vai contar a história de Edson Arantes do Nascimento desde sua saída das favelas de São Paulo até sua consagração aos 17 anos, quando ajudou o Brasil e vencer a Copa do Mundo, em 1958.

O cartaz do filme, divulgado pelo próprio Pelé (Divulgação/Twitter)

O cartaz do filme, divulgado pelo próprio Pelé (Divulgação/Twitter)

Sem mais artigos