Revista O Grito!

Papo de Quadrinho — O Grito! Blogs – Quadrinhos

Tag: Zarabatana Books

Liniers na Gibiteria neste sábado (27)

ConviteGibiteria

A loja recebe o cartunista argentino, autor das tiras Macanudo, para uma sessão de autógrafos, acompanhado do brasileiro Adão Iturrusgarai (Aline).

O encontro acontece neste sábado (27), das 19h às 21h, e tem apoio da Zarabatana Books, que publica Macanudo no Brasil.

A Gibiteria fica na Praça Benedito Calixto, 158 – 1º andar. A entrada é gratuita.

Mais cedo no mesmo dia, às 14h30, Liniers, Adão e Rafael Sicca ministram a palestra A 4ª Dimensão do Espaço da Tira, no SESC-Belenzinho.

Lançamento: Sabor Brasilis, projeto aprovado no ProAC 2011

CapaSaborBrasilis

A HQ de Hector Lima e Pablo Casado (roteiro), Felipe Cunha e George Schall (arte) faz uma curiosa brincadeira com os bastidores da produção de uma telenovela.

A trama de Sabor Brasilis, “atual novela das 8 da maior emissora de TV brasileira”, gira em torno de Olívia Ribeiro, que engravidou do chefe Luís Paulo, que só chegou ao cargo por causa do casamento com a milionária Mônica Albuquerque, herdeira do Dr. Josafá…

Mas a “verdadeira” história se passa nos bastidores, onde o autor Antonio Callado não sabe como desatar o nó narrativo de sua criação, surpreendendo a equipe de roteiristas Helena, Lauro, Matheus e Zulu.

Sabor Brasilis, a HQ, é um dos dez projetos aprovados pelo ProAC 2011, o programa de fomento de produção de quadrinhos promovido pela Secretaria de Cultura de São Paulo.

Disponível para venda em algumas livrarias e lojas especializadas, a obra ganha tarde de autógrafo com os autores neste sábado (23), na Gibiteria (Praça Benedito Calixto, 158 – 1º andar – São Paulo), a partir das 17h.

Editada pela Zarabatana Books, Sabor Brasilis tem 128 páginas e preço de R$ 45.

2013: O que vem por aí (outras editoras)

LeYa: a editora confirmou para este ano o lançamento da primeira colocada no Prêmio Barba Negra, de 2011: Imaginário Coletivo, de Wesley Rodrigues (imagem acima). Quando foi anunciado o final da LeYa com a Barba Negra no final do ano passado, o editor Sandro Lobo garantiu que o compromisso assumido com os vencedores do concurso seria honrado. Sobre os outros dois colocados – Salalé e O Pássaro da Boa-Hora – não há informação.

Kalaco: O editor Franco de Rosa confirma os lançamentos para este ano, porém sem data definida, de duas produções nacionais: 3.000 Anos Depois, do “clã Deodato”: Deodato Borges e Mike Deodato Jr., e Família Titan, de Gian Danton (roteiro) e Joe Bennett (arte).

Zarabatana: a editora reprogramou para 2013 um lançamento previsto para 2012, Crônicas de Jerusalém, HQ canadense de Guy Delisle com uma visão bem humorada da convivência entre israelenses e palestinos. A Zarabatana vai publicar também mais um volume, o sexto, de Macanudo, do argentino Liniers.

Pixel: o selo de quadrinhos da Ediouro teve um 2012 bem agitado, com lançamento de revistas em formatinho e preço acessível de vários clássicos: Recruta Zero, Gasparzinho e Brasinha entre eles. Neste ano, a Pixel dará continuidade a estes títulos e está definindo os detalhes para uma edição especial comemorativa dos 70 anos dos primeiros desenhos animados da personagem Luluzinha.

2012: O que vem por aí pela Zarabatana Books

A editora oferece um cardápio amplo e variado, de várias partes do mundo.

Os quadrinhos argentinos continuam fortes no catálogo da Zarabatana, com pelo menos três novidades:

– O segundo número de Fierro que, a exemplo do primeiro, vai misturar HQs publicadas originalmente na publicação argentina com outras feitas por autores brasileiros;

Dora, de Ignácio Minaverry, sobre a jovem judia que, por força do trabalho para os norte-americanos, revive o horror nazista em pleno pós-guerra por meio da vasta documentação alemã;

– O quinto volume de Macanudos, de Liniers.

Da Alemanha, a Zarabatana traz as aventuras amorosas de Mas podemos continuar amigos… (capa acima), de autoria de Mawil; do Canadá, chega Crônicas de Jerusalém, de Guy Delisle (Pyongyang – Uma viagem à Coreia do Norte, Crônicas Birmanescas), e sua visão bem humorada da difícil convivências entre israelenses e palestinos; da França tem Brouillard au Pont de Tolbiac, de Jacques Tardi e Léo Malet, com a primeira aventura do detetive Nestor Burma.

O Brasil não fica de fora, representado por Adão Iturrusgarai e as tiras autobiográficas e divertidas de Momentos Brilhantes da Minha Vida Ridícula.

É quadrinho para todos os gostos.

HQs na Bienal: Lançamentos da Zarabatana Books

Entre os muitos títulos da editora, dois lançamentos chamam a atenção. O primeiro é Saino a Percurá – Ôtra Vez, do ilustrador e cartunista mineiro Marcelo Lelis.

O relançamento amplia a primeira edição, de 2001, com a adição de 10 novas histórias às três publicadas anteriormente – algumas inéditas e outras vistas em coletâneas independentes.  O livro tem 96 páginas e vai custar R$ 56.

Outro destaque da Zarabatana é o livro teórico Faces do Humor, do premiado jornalista Paulo Ramos (veja mais detalhes e entrevista com o autor aqui). Faces do Humor tem 224 páginas e preço de R$ 39.

Durante a Bienal do Livro do Rio de Janeiro, os dois títulos estarão à venda no estande da Comix Book Shop.

Página 2 de 2

Papo de Quadrinho é um blog da Revista O Grito!. Todos os direitos reservados. © 2013–2017