Revista O Grito!

Papo de Quadrinho — O Grito! Blogs – Quadrinhos

Tag: O Despertar da Força

CCXP 2016: Lançamentos da Hasbro

A Hasbro reservou uma série de itens exclusivos trazidos especialmente da San Diego Comic Con para a CCXP 2016. Prepare o bolso e confira:

Transformers: novidade na linha Generations que celebra a volta do Sentinel Prime a Cybertron. O colecionável Transformers Titan Force (R$ 999,99) vem com uma figura na escala Voyager (aproximadamente. 15 cm) do Sentinel Prime, duas na escala Deluxe (Class Brainstorm e Windblade, com aproximadamente. 13 cm) e duas figuras Titan Master (Autobot Teslor e Autobot Infinitus).ccxptransfhasb

A figura do Sentinel Prime, líder dos Autobots, converte em 3 modos: robô, jato espacial e trem. As figuras Brainstorm e Windblade têm duas formas: robô e jato.

Star Wars: São dois itens exclusivos da linha Black Series. O primeiro recria a icônica cena de Uma Nova Esperança, com uma figura de aproximadamente 15 cm de Obi-Wan Kenobi assistindo à mensagem holográfica da Princesa Leia. O conjunto emite luzes e sons e é rico em detalhes (R$ 399,99).

ccxpswars1

O segundo item traz uma figura detalhada e articulada de aproximadamente 15 cm de Kylo Ren (R$ 299,99) sem a máscara, com sabre de luz, as adagas laterais, bandeira da Primeira Ordem e o capacete do Darth Vader visto no filme O Despertar da Força.

ccxpswars2

Marvel: o estande vai vender três lançamentos da linha Marvel Legends. O primeiro deles recria a batalha entre Homem de Ferro, Capitão América e Homem Aranha do filme Capitão América: Guerra Civil (R$ 479,99). As três figuras articuladas têm aproximadamente 15 cm e vêm com acessórios.

ccxpmarvel1

Outro produto exclusivo é o Breakout do Homem-Aranha (R$1.199,99), com 6 figuras articuladas e detalhadas de aproximadamente 15 cm: o Homem-Aranha e 5 vilões de sua galeria. A embalagem imita a prisão da Ilha Ryker.

ccxpmarvel2

ccxpmarvel3

O terceiro lançamento da Marvel pela Hasbro é um conjunto de figuras que celebra o excêntrico Colecionador (R$ 699,99). O conjunto de 5 figuras de aproximadamente 10 cm inclui o próprio personagem e alguns “itens” de sua coleção: Howard o Pato, Cosmo, Dentinho, Menino da Lua, a Chave do Zodíaco, o Cofre dos Antigos Invernos e o Bastão de Watoomb.

ccxpmarvel5 ccxpmarvel4

Capacetes Star Wars chegam às bancas de SP e RJ

star_wars_agostini

Quem passou pelo estande da Planeta DeAgostini na CCXP 2015 pôde ver de perto a coleção que a editora vinha anunciando: Star Wars Capacetes de Coleção. Agora, os fascículos começam a chegar às bancas das capitais e regiões metropolitanas de São Paulo e Rio de Janeiro. Para quem é de fora dessas localidades, a alternativa, no momento, é fazer a assinatura pelo site.

Como o nome diz, a coleção é composta de miniaturas de capacetes e máscaras dos personagens da saga espacial. Cada uma das 60 miniaturas previstas é feita em material ABS, na escala 1:5 (cerca de 6,5 cm de altura) e acabamento de primeira.

As miniaturas vêm dispostas numa base com o nome do personagem e embaladas numa caixa de acrílico. O primeiro número, Darth Vader, chega com preço promocional de R$ 14,99. O segundo, Boba Fett, também tem preço convidativo: R$ 29,99. A partir do terceiro, Stormtrooper, o valor passa a R$ 49,99.

Os demais personagens já anunciados no fôlder promocional da coleção são: Piloto Clone, Scout Trooper, Luke Skywalker (o capacete que ele usa para pilotar sua X-Wing), Guarda Imperial, Comandante Cody, Oficial da Estrela da Morte, C-3PO, Piloto de AT-AT e General Grievous. De acordo como folheto, a coleção vai incluir miniaturas relacionadas ao Episódio VII – O Despertar da Força.

star_wars_agostini-ficha

Os fascículos trazem a descrição detalhada dos capacetes

Normalmente descartáveis, os fascículos que acompanham esta coleção são bem interessantes. Tem os manjados textos sobre momentos importantes da saga e perfil dos personagens, mas traz um adicional curioso: a descrição detalhada do referido capacete, com todas suas partes e funções.

Por exemplo: você sabia que as lentes do elmo de Darth Vader são, na verdade, holoplacas de aço transparente que não só filtram a luz, mas também detectam raios infravermelhos e ultravioletas?

Pois é, com tanta coleção bacana nas bancas, Star Wars Capacetes é mais uma tentação ao bolso dos fãs. Os amantes da saga que têm uma folguinha no orçamento encontrarão dificuldade para resistir a essa aqui.

star_wars_agostini-vader

Numa cortesia da Assessoria de Imprensa da Planeta DeAgostini, nós já garantimos nosso Darth Vader :)

 

Star Wars: Marvel anuncia série de Poe Dameron

poe-dameron-cover-marvel-comics

Não é exagero dizer que o “melhor piloto da Resistência” roubou a cena nos minutos em que apareceu em Star Wars: Episódio VII – O Despertar da Força.

Portanto, nenhuma surpresa que a Marvel – que vem arrebentando em vendas com sua linha moderna de HQs de Star Wars – tenha decidido lançar uma série estrelada por Poe Dameron.

A dupla criativa será composta por Chales Soule e Phil Noto, ambos com experiência na franquia. Soule já escreveu Lando e Obi-Wan & Anakin, e Noto desenhou Chewbacca.

A trama vai anteceder os acontecimentos de O Despertar da Força, num período posterior a O Retorno de Jedi (Episódio VI). Pelo que foi divulgado até agora, Poe vai enfrentar sua primeira ameaça da Primeira Ordem e também um novo vilão. O androide BB-8 é presença confirmada.

Star Wars – Poe Dameron chega às comic shops americanas em abril.

poedameron_marvel

Crítica: Star Wars Episódio VII – O Despertar da Força

sw

Em respeito ao leitor, nossa crítica não tem SPOILERS

Por Társis Salvatore

Star Wars é a franquia mais importante da cultura pop. Foi essa ópera espacial que mudou o cinema e a forma de fazer cinema. Avançou em diversas mídias, como quadrinhos, livros e videogames. E o mais importante: Star Wars cravou personagens e ideias que estão imortalizados no imaginário popular.

Por isso, quando a Disney adquiriu a Lucasfilm, o anúncio de uma nova trilogia a partir de Star Wars – The Return of the Jedi explodiu a cabeça de milhões de fãs de todas as idades.

Como seria a continuação? Os atores originais estariam presentes? Quem iria dirigir? Será que depois do prelúdio, voltaríamos a assistir a um bom filme?

Não é exagero dizer que, embora tenham tido êxito comercial, Episode I: The Phantom Menace (1999), Episode II: Attack of the Clones (2002) e Episode III: Revenge of the Sith (2005) decepcionaram a maioria dos fãs, com sua ênfase nos efeitos especiais em detrimento às boas atuações e narrativas coesas.

Anunciados o diretor do novo filme (J.J.Abrams) e o elenco, com uma mistura de atores da trilogia clássica (Mark Hamill, Harrison Ford, Carrie Fisher, Peter Mayhew) e jovens talentos não tão conhecidos do grande público (Adam Driver, Daisy Ridley, John Boyega, entre outros) a sensação de que as respostas seriam satisfatórias aumentou.

Assim, com grande expectativa e euforia, estreou nos cinemas, batendo recordes, Star Wars – The Force Awakens, narrando os acontecimentos trinta anos depois do episódio VI.

Finalmente, depois de três filmes frustrantes que fugiam ao espírito da trilogia clássica, temos um filme digno da marca Star Wars.

Mérito dos produtores, que criaram um ambiente real, sem focar apenas em efeitos especiais. Mérito do diretor J.J. Abrams, que fez o que o criador George Lucas não conseguiu com seu prequel: tirar o melhor de seus atores, equilibrar boas atuações e história emocionante, resgatar de forma precisa a nostalgia e beleza que o universo de Star Wars criou décadas atrás.

Mérito também dos novos personagens incríveis da saga, como os protagonistas Rey (Daisy Ridley), Finn (John Boyega) e Kylo Ren (Adam Driver). Todos com carisma suficiente para abrir seu próprio espaço no panteão de grandes heróis e vilões de Star Wars.

Embora o roteiro tenha pontos obscuros – que devem ser preenchidos em outras mídias bem ao estilo Universo Expandido – a história convence e leva os fãs a uma jornada para desvendar os mistérios da Força e da Primeira Ordem, grupo que pretende seguir os passos do destronado Império galáctico.

É uma nova fase, que pretende trilhar o sucesso da trilogia clássica, ou no mínimo, se aproximar dela.

Star Wars – The Force Awakens convence, emociona e diverte. Não fica preso ao passado, mas reverencia o clima e a estética que fizeram de Star Wars a marca número um da Cultura Pop. É comprar a pipoca e curtir o momento. A Força está conosco, mais uma vez.

Biografia de George Lucas finalmente chega ao Brasil

georgelucasskywalking

Outro dia  comentamos aqui no Papo de Quadrinho sobre a proliferação de produtos relacionados à franquia Star Wars à medida que a estreia de Episódio 7 – O Despertar da Força se aproxima.

Um lançamento há muito esperado é a biografia escrita por Dale Pollock, George Lucas – Skywalking a vida e a obra do criador de Star Wars, que a Editora Évora finalmente traz ao Brasil por meio do selo Generale.

Mais que conhecer a trajetória profissional de um dos mais criativos e bem-sucedidos profissionais da sétima arte, o livro é uma oportunidade para os fãs terem acesso a novos detalhes da saga espacial: a dificuldade em levantar dinheiro para a produção, a gênese dos personagens, a seleção do elenco.

George Lucas teve três edições nos Estados Unidos desde que foi lançado pela primeira vez, em 1999. A edição brasileira da Évora foi revisada e atualizada pelo jornalista Hamilton Rosa Júnior, responsável também pelo posfácio sobre a nova série de filmes.

O livro tem 438 páginas, formato 16 x 23 cm, capa cartonada e preço de R$ 49,90. Em lojas virtuais como Saraiva e Amazon é possível encontrar com desconto.

Papo de Quadrinho é um blog da Revista O Grito!. Todos os direitos reservados. © 2013–2019