Jambô | Papo de Quadrinho
Revista O Grito!

Papo de Quadrinho — O Grito! Blogs – Quadrinhos

Tag: Jambô

CCXP 2016: Lançamentos da Jambô

Confira os lançamentos que a Jambô editora reservou para a CCXP 2016:

ratqueensRat Queens vol. 2: Os Tentáculos de N’Rygoth (128 páginas coloridas, capa dura, R$ 55,00): As Ratas Rainhas estão de volta. Quando cultistas insanos, assassinos impiedosos e um deus cefalópode de outra dimensão ameaça a realidade, porque não é estranho que as quatro mercenárias mais desbocadas dos quadrinhos estejam envolvidas?

animaAnima (240 páginas em preto e branco, brochura, R$ 29,90): Uma nova visão de um dos contos de fadas mais queridos da literatura, pelas mãos de Fran Briggs e Anna Giovannini.

mercenariosMercenário$ Especial (96 páginas em preto e branco, brochura, R$ 19,90): Esta edição especial marca a volta dos anti-heróis bem pouco heroicos da fantasia, quando são contratados para investigar uma praga mágica terrível. Mais uma obra de Fran Briggs e Anna Giovannini.

40caixoesQuarenta Caixões (48 páginas coloridas, brochura, R$ 25,00): Um navio condenado chega a Inglaterra com uma carga sinistra, que levará o medo e o horror para o novo mundo. Uma homenagem ao livro clássico do terror
Drácula, por Santullo e Jok.

psoldierP•Soldier (96 páginas preto e branco, capa dura, R$ 45,00): Marcelo Cassaro e Eduardo Francisco apresentam uma nova história de ficção científica futurista do mesmo universo de Espada da Galáxia e Projeto A.Y.L.A.

“Lizzie Bordello”, de Germana Viana, ganha nova edição impressa

Lizzie2 - Capa

Foi uma grata surpresa quando o webquadrinho Lizzie Bordello e as Piratas do Espaço ganhou as páginas impressas pela primeira vez no final de 2014, pela Jambô – aliás, noticiado com exclusividade pelo Papo de Quadrinho.

Germana Viana continuou a frenética atualização das páginas na Internet, e juntou material suficiente para lançar o segundo volume das aventuras das “bucaneiras bagaceiras”: Lizzie Bordello e as Piratas do Espaço 2 – A Volta de Capeta.

A trama principal traz de volta Lizzie, Deus, Fran e Lambretinha, que precisam enfrentar a terrível ameaça de Capeta – na verdade, a falida irmã de Deus que aparece sem aviso para morar com as amigas. Outras duas histórias completam a edição: Família Romena Vende Tudo e Férias com Capeta.

O encadernado reúne as páginas publicadas na internet de 22 de maio de 2015 a 31 de março de 2016, duas histórias inéditas, pin-ups e galeria de convidados. Tem 80 páginas coloridas, formato 20,5 x 27,5 cm, preço de R$ 35,00 e pode ser adquirido diretamente no site da Jambô.

“Rat Queens” chega ao Brasil pela Jambô. Confira o preview.

RatQueens01- Capa

Do Press-Release

A Jambô Editora está trazendo para o Brasil Rat Queens, série em quadrinhos da Image Comics, que reúne fantasia, ação e humor numa combinação de tirar o fôlego.

O título foi criado por Kurtis J. Wiebe (roteiros) e Roc Upchurc (arte), e chamou a atenção dos leitores norte-americanos pelo seu ritmo alucinado, histórias divertidas e protagonistas carismáticas e extraordinárias.

Rat Queens conta as desventuras de um grupo de quatro mercenárias insólitas, as Ratas Rainhas: Violet, anã guerreira que quebrou tabus do seu clã; Hannah, elfa maga com uma tendência a arroubos de violência e palavreado pesado; Betty, ladra de tendências hippies, viciada em doces, bebidas e festas, e Dee, clériga humana cujos pais cultuam um deus-polvo voador de outra dimensão.

Juntas, elas arranjam os piores trabalhos e missões do mundo, dando uma nova visão para o gênero de fantasia.

A série foi indicada em 2014 ao prêmio Eisner como Melhor Série Nova e ganhou o GLAAD Award (premiação da Gay & Lesbian Alliance Against Defamation, que homenageia representações justas da comunidade LGBT) de “Outstanding Comic Book” (Álbum de Quadrinhos de Destaque) em 2015.

Em sua primeira publicação no Brasil, Rat Queens recebe tratamento de luxo ao reunir as cinco primeiras edições do título, que contém o primeiro arco de histórias do grupo, e apresentar as personagens, seu mundo, seus amigos e seus palavrões preferidos.

Rat Queens — Vol. 1: Pancadaria & Feitiçaria é tem capa dura, com 128 páginas coloridas em papel couchê de alta qualidade, e preço sugerido de 59,90. O lançamento será no dia 15 de abril, na Bienal do Livro de Minas, em Belo Horizonte. O conteúdo é recomendado para maiores de 14 anos.

Para conhecer um pouco mais sobre as quatro Ratas Rainhas, visite o link.

Confira abaixo um preview do lançamento da Jambô (clique na imagem para ampliar):

Jambô lança álbum argentino na Bienal do Livro

HQ-Ich - Capa.indd

Com pequeno intervalo em relação ao lançamento no país de origem (15 de agosto), a Jambô traz para o Brasil Ich, dos consagrados Luciano Saracino e Ariel Olivetti.

A trama se passa no século XVI, quando os conquistadores espanhóis são atacados por criaturas poderosas e assustadoras nas florestas do Novo Mundo. Para garantir os interesses da Coroa, é chamado um temido inquisidor, conhecido pela crueldade. O que os conquistadores não sabem é que o responsável pelos ataques trava uma batalha particular contra o destino de seu povo.

O álbum será lançado oficialmente na Bienal Internacional do Livro , que acontece no Rio de Janeiro de 3 a 13 de setembro. A Argentina é o país homenageado desta edição.

Ich tem formato brochura 17 x 24 cm, capa cartão colorida e miolo colorido, 96 páginas e preço de R$ 35.

Jambô lança “Quadrinhos Ácidos”, de Pedro Leite

QuadrinhosAcidos

Editoras brasileiras, grandes ou pequenas, têm sido inteligentes em explorar o trabalho de autores que fazem sucesso na Internet. Companhia das Letras (Vida e Obra de Terencio Horto), Devir (Um Sábado Qualquer) e HQM (Edibar) são alguns exemplos.

É o caso também da Jambô, que no final do ano passado investiu na versão impressa de Lizzie Bordello e as Piratas do Espaço, de Germana Viana, e, agora, em Quadrinhos Ácidos, de Pedro Leite.

A série vem sendo publicada na Internet desde 2013, e mantém uma visão crítica e bem-humorada de momentos corriqueiros do cotidiano, como trânsito, fotos de celulares e amigos sem noção.

As 96 páginas do encadernado da Jambô reúnem material publicado pelo autor na página oficial e no Facebook. Os arcos selecionados foram Piores Amigos do Facebook, Leis Que Deveriam Existir, Pessoas Que Eu Não Entendo e Traduções Idiotas de Filmes. Não foi produzido nenhum material inédito para a versão impressa.

O lançamento tem formato brochura, 21 x 21 cm, capa e miolo coloridos e preço de R$ 35.

Jambô conclui reedição de luxo de “Holy Avenger”

HolyAvengerDef-04

Atribuir à saga criada por Marcelo Cassaro e Erica Awano o adjetivo de “clássico” não é nenhum exagero. Apesar de ter sido publicada pela primeira vez logo ali, entre o final do século passado e a aurora desse, Holy Avenger conquistou uma legião de fãs poucas vezes vista em se tratando de uma produção nacional.

Desde 2012, a Jambô vem lançando encadernados de luxo da série, a chamada Edição Definitiva, na base de um volume por ano. O quarto, que reúne as últimas edições originais (30 a 40), acaba de chegar às lojas.

Pela sinopse, Lisandra não consegue recuperar seus poderes de druida e parte para encontrar seu destino e aquele que ela acredita ser o seu grande amor, o Paladino; Niele, depois de ter sido assassinada, está no reino de Wynna, a deusa magia, que faz algumas revelações sobre os deuses e o pós-vida de Arton. Sandro, Anne e Tork continuam à procura de Lisandra e dos Rubis da Virtude, sem desconfiar que o próprio Paladino pegou pessoalmente as joias que estavam em posse de Schkar, o poderoso dragão-rei.

Assim como os três volumes anteriores, Holy Avenger Edição Definitiva 4 conta com extras como ilustrações originais e comentários dos autores e de convidados especiais. A edição tem 240 páginas, formato 18,5 x 27,5 cm, capa dura e preço de R$ 59,90. No site da Jambô é possível comprar com pequeno desconto e escapar do frete nas compras acima de R$ 100.

Agenda Nerd: ComicCON RS 2015 anuncia programação

unnamed

Celebrando seus cinco anos de existência, a principal convenção de quadrinhos e cultura pop do Rio Grande do Sul, a ComicCON RS, dessa vez acontece no Campus da Ulbra em Canoas, com espaço amplo para abrigar as diferentes atrações como painéis, debates, exposições, sessões de autógrafos, estandes, salas temáticas e um Artists Alley com mais de 50 artistas.

Neste ano a ComicCON RS homenageia  o jornalista, editor e mentor do projeto Graphic MSP, Sidney Gusman, com a Medalha Renato Canini por sua louvável trajetória de divulgação e fomento dos quadrinhos.

NAMES_Cv9O Evento traz o roteirista britânico Peter Milligan, conhecido por seu estilo controverso presente em títulos como Hellblazer e X-Force. The Names, seu trabalho mais recente para a Vertigo, tem arte do argentino Leandro Fernandez, que também é um dos convidados internacionais da ComicCON RS.
Ele e o colega mexicano Rodolfo Santullo fazem o lançamento nacional da HQ Far South durante a convenção através do selo Stout Club, idealizado pelo artista gaúcho Rafael Albuquerque.

A programação conta ainda com a presença dos gêmeos Fábio Moon e Gabriel Bá, dois dos mais prestigiados quadrinistas brasileiros no exterior, que vêm ao sul para lançar sua aclamada adaptação do romance Dois Irmãos.

A programação detalhada pode ser conferida no site www.comicconrs.com/cronograma-2015.
2unnamed

Serviço:
O evento realizado pela Produtora Multiverso acontece nos dias 22 e 23 de agosto em Canoas (grande Porto Alegre).
Os ingressos antecipados para a ComicCON RS podem ser adquiridos pela internet e nos pontos de venda com valores a partir de R$ 28.
Em Porto Alegre estão à venda na Loja Jambô, rua Sarmento Leite, 627; na Tutatis Revistaria, Av. Assis Brasil, 650; no Beco Diagonal do Shopping Viva Open Mall, Av. Dr. Nilo Peçanha, 3229; e na Geek Stuff do Lindoia Shopping, Av. Assis Brasil, 3522. Em Canoas os pontos de venda são a Game House do Canoas Shopping, rua Guilherme Schell, 6750; Game House do Via Porcello, Av. Victor Barreto, 2584; e a Estação do Livro da Ulbra Canoas, Av. Farroupilha, 8001, prédio 16B, onde alunos da Ulbra compram com desconto apresentando carteirinha estudantil.
Na hora os valores partem de R$ 30, com infos detalhadas aqui: www.comicconrs.com/ingressos.
Imprensa pode enviar solicitação de credenciamento para imprensa@comicconrs.com até o dia 22 de julho.

 

Rogério Saladino deixa a Panini

Rogerio SaladinoNão, não é pegadinha de 1º de abril.

Desde hoje, Rogério Saladino não é mais editor das revistas do Homem-Aranha, dos X-Men e da linha Ultimate. Depois de sete anos, ele trocou a Mythos – responsável pela produção editorial de toda linha de super-heróis da Panini Brasil – pelo cargo de editor na Jambô Editora.

Na nova casa, Saladino vai cuidar dos lançamentos em quadrinhos, livros, RPG e livros-jogos. “Como eles estão aumentando a quantidade de produtos e lançamentos em todas as linhas, precisavam de um editor. É uma editora que está crescendo bastante e eu estou muito honrado de ser convidado a participar e ajudar nesse crescimento”, disse Saladino num papo por e-mail com o Papo de Quadrinho.

Profissional e editora mantêm um relacionamento de longa data. A Jambô ainda publica material de RPG que Saladino, Marcelo Cassaro e J.M.Trevisan produziram anos atrás.

Os primeiros projetos com que o novo editor estará envolvido são o RPG Tormenta, que ele ajudou a criar, e os livros-jogos da Fighting Fantasy, que a Jambô adquiriu da Marques Saraiva e vem publicando regularmente.

Com a saída de Saladino, quem assume os títulos sob sua responsabilidade na Mythos/Panini é Carol Pimentel.

 

Papo de Quadrinho escolhe as Melhores HQs nacionais de 2014

Depois de eleger algumas das melhores HQs estrangeiras publicadas no ano recém-encerrado, chegou a vez de revelar nossa lista de obras nacionais.

O critério é o mesmo – apenas HQs inéditas – e sujeito à mesma falha: foram selecionados os títulos preferidos entre aqueles lidos pelos editores do Papo de Quadrinho.

Conheça nossa lista de Melhores HQs nacionais de 2014.

lizzie10. Lizzie Bordello e as Piratas do Espaço (Germana Viana – Jambô Editora)

Uma grata surpresa do ano que passou. Em seu primeiro trabalho em quadrinhos, a veterana ilustradora Germana Viana destila um humor nonsense, inteligente, anárquico. São histórias curtas, publicadas originalmente na internet, sobre um grupo pouco comum de amigas que viajam pelo espaço. Quem quiser, pode acompanhar o trabalho da autora neste endereço.

Veja matéria completa aqui.

Klaus9. Klaus (Felipe Nunes – Balão Editorial)

O jovem autor, de apenas 19 anos, criou uma fábula instigante para retratar a passagem da adolescência para a vida adulta. O personagem-título é o único humano numa terra de animais antropomórficos. Por ser diferente, passou a vida como vítima de preconceito, até que a verdade se revela e ele precisa fazer uma escolha: manter a convivência com os pais-tigres amorosos ou dar um salto no escuro rumo à maturidade.

Vigor Mortis Comics8. Vigor Mortis Comics 2 – Sangue, Suor e Nanquim (José Aguiar, Paulo Biscaia, DW Ribatski e André Dulci – Quadrinhofilia)

Segundo volume das HQs que adaptam obras multimídia da Cia. Vigor Mortis. Neste caso, a história fundiu o filme Nervo Craniano Zero e a peça Seance – As Algemas de Houdini. O resultado é uma trama ambientada em 1969 repleta de repressão política, assassinatos em série e viagens alucinógenas, misturada à vida miserável da enfermeira Lavínia, personagem fictícia da protagonista Bruna Bloch. Destaque para a mudança de estilo artístico a cada aspecto diferente da narrativa.

Beladona7. Beladona (Ana Recalde e Denis Mello – Avec Editora)

A personagem Samantha nasceu na internet, em páginas semanais publicadas no site Petisco. Graças ao financiamento coletivo, ganhou este belo álbum de terror sobre uma menina assombrada por pesadelos. Parte da história se passa nesse mundo de sonhos terríveis, em que Samantha é perseguida e atormentada por espíritos malignos; outra parte, menor, se dá no mundo real. Ana Recalde é uma das grandes roteiristas da atual geração, e o traço nervoso de Denis Mello faz jus à trama.

Click6. Click (Samanta Flôor – Independente)

Outra grata surpresa de 2014: apesar de curto – pouco mais de 30 páginas –, é o trabalho mais longo até agora da jovem, porém veterana, ilustradora. Sem diálogos, a história combina uma câmera misteriosa, zumbis, um artista de rua e uma garota amável.

 

 

Helena5. Helena (Montserrat e Simone Beatriz – New Pop)

Mangá produzido no Brasil, adapta a obra homônima de Machado de Assis. Da fase romântica do autor, a história tem todos os ingredientes daquela escola literária: a heroína trágica, o herói nobre, um amor impossível. Como outros livros deste período, é possível identificar elementos do Realismo, em especial a crítica social.

Leia resenha completa aqui.

bidu4. Bidu – Caminhos (Eduardo Damasceno e Luís Felipe Garrocho – MSP/Panini)

Ao longo da trama, o famoso cãozinho azul criado por Mauricio de Sousa precisa fazer uma série de escolhas: encarar ou não um cão maior para proteger seu território; deixar-se ou não capturar pelos donos do canil; ajudar ou não um companheiro em dificuldade. À medida que enfrenta novos desafios, suas escolhas amadurecem de uma atitude instintiva e autocentrada para outra mais generosa. Tudo isso antes de encontrar seu dono e eterno amigo Franjinha. Mais uma obra-prima da série Graphic MSP.

Leia resenha completa aqui.

Jonas3. A Vida de Jonas (Magno Costa – Zarabatana Books)

Envolvido em problemas com álcool e recém-separado de Júlia, Jonas tem uma existência solitária e sem perspectiva. Só mesmo uma grande perda para fazê-lo por fim à autoindulgência e encontrar um novo sentido para a vida. A grande sacada de Magno Costa é a caracterização dos personagens como fantoches de pano.

Leia resenha completa aqui.

Yeshuah2. Yeshuah volume 3 – Onde tudo está (Laudo Ferreira e Omar Viñole – Devir)

Depois de uma longa espera, Laudo concluiu a trilogia com sua visão personalíssima da vida de Jesus. Baseados em textos apócrifos de diferentes origens, este volume concentra-se na etapa final do Novo Testamento: a viagem a Belém para a comemoração da Páscoa, a prisão, calvário e execução. Ao longo dessa trajetória, Laudo reforça, de forma sensível e assertiva, a base dos ensinamentos de Jesus: o amor acima de tudo. Valeu a espera. Uma HQ emocionante.

Rafaela1. Aos Cuidados de Rafaela (Marcelo Saravá e Marco Oliveira – Zarabatana Books)

Rafaela, moça rebelde e independente, se passa por cuidadora de idosos e conquista a confiança da velha atriz Aurelita e os desejos secretos de seu filho, Nicolas. Aos poucos, ela domina a rotina de casa e tem início uma espiral de luxúria e submissão que só poderia terminar em tragédia. Tão perturbador quanto o roteiro de Saravá é a arte de Marco Oliveira, repleta de rostos disformes, planos ousados e uma intencional ausência de perspectiva.

Leia resenha completa aqui.

Exclusivo: “Lizzie Bordello”, de Germana Viana, ganha versão impressa

lizzie

Durante a mesa sobre quadrinhos independentes do Festival Guia dos Quadrinhos, evento realizado em outubro, em São Paulo, a ilustradora, designer e programadora visual Germana Viana revelou que sua HQ virtual Lizzie Bordello e as Piratas do Espaço viraria livro ainda neste ano.

Papo de Quadrinho teve acesso com exclusividade aos detalhes do lançamento. A editora que abraçou o projeto é a Jambô, que vem dando especial atenção à produção nacional de quadrinhos – como, por exemplo, o relançamento de Holly Avengers, clássico de Marcelo Cassaro e Erica Awano.

Lizzie Bordello começou a ser publicada no final de 2013 na internet, com páginas semanais que formam arcos de histórias. Três deles estão na versão impressa: Gentch! Raptaram Capeta, Noite Feliz Paporrah e Sr. Fulano. A quarta história, Pombas, foi publicada recentemente na coletânea As Periquitas, em preto e branco, pela editora Kalaco.

A HQ da Jambô será toda colorida, terá 80 páginas, formato 20,5 x 27,5 cm e preço de R$ 29,90. O lançamento oficial acontece no início de dezembro (4 a 7), na Comic Con Experience.

Germana tem outro projeto em desenvolvimento na internet: Oceano de Brumas, em parceria com o escritor Luís Kosmiskas.

Página 0 de 2

Papo de Quadrinho é um blog da Revista O Grito!. Todos os direitos reservados. © 2013–2018