Revista O Grito!

Papo de Quadrinho — O Grito! Blogs – Quadrinhos

Tag: Balão Editorial

Felipe Nunes, de “Klaus”, lança a independente “Dodô”

CapaDodo

O que tem de jovem, Felipe Nunes tem de talentoso. Aos 20 anos, acaba de ser premiado com o HQ Mix de Melhor Talento Desenhista por seu primeiro trabalho profissional, Klaus, lançado em 2014 pela Balão Editorial. Antes, ele já havia publicado por conta própria SOS (2011) e Orome vol. 1 (2013).

Agora, Felipe volta às origens e lança uma nova HQ independente, Dodô. Assim como em Klaus, esse novo trabalho usa a infância da protagonista para levantar temas complexos como abandono, solidão e separação dos pais.

A sinopse diz que “Laila é uma garota de seis anos que está se acostumando com o fato de ter uma mãe ausente e de ficar fora da escola por tempo indeterminado. Em uma de suas mirabolantes e solitárias brincadeiras, faz amizade com um misterioso pássaro, um dodô, que surge do interior do parque municipal vizinho de sua casa”.

Dodô tem 80 páginas, capa colorida, miolo em preto e branco, e preço de R$ 28. Pode ser adquirida em livrarias, lojas especializadas ou no e-commerce do autor.

“Guia Culinário do Falido” mistura culinária, humor e quadrinhos

Guia Culinário do Falido

Do press-release

Preparar um prato rápido quando se está sozinho em casa ou para saciar a fome daqueles amigos que chegam sem avisar, utilizando apenas os ingredientes disponíveis na dispensa e na geladeira, pode não ser tão simples quanto parece.

Para ajudar nessa tarefa, a Balão Editorial reuniu cinco artistas e criou o Guia Culinário do Falido, que chega às livrarias em setembro. De forma bem humorada, Leo Finocchi, Marília Bruno, Samanta Flôor, Felipe 5Horas e Fernanda Chiella ensinam de forma didática como não preparar receitas práticas.

No cardápio, Macarrão Abandonado, Hambúrguer, Craca (aquela crosta que fica no fundo da frigideira) Vegetariana, Bolo de Caneca, Yakimeshi Surpresa, Brigadeiro de Panela Monstro, Mad Coxinha Fury Road (com requintes de deserto cinematográfico) e Molho Maravilhoso. Cada um no seu estilo, os cinco artistas atestam que, como cozinheiros, são ótimos quadrinhistas.

Mais uma vez, a Balão Editorial investe em novos talentos do quadrinho nacional para produzir uma obra única, e prova que, assim como a culinária, o humor é uma arte.

Sobre os autores

Leo Finocchi: quadrinhista, autor da série Nem Morto e animador 2D. Atualmente, trabalha no estúdio de animação Copa Studio. Mais informações: www.leonardofinocchi.com.

Marilia Bruno: formada em Design Gráfico pela UFRJ, trabalhou em agências no Rio de Janeiro, como  Labareda Design, EPA! e Pé de Sonhos. Hoje, mantém seu próprio estúdio, o TypoStudio. Mais informações: www.cargocollective.com/mariliabruno.

Samanta Flôor: formada em Arquitetura, trabalha como quadrinhista e ilustradora freelancer. Lançou várias HQs independentes e, nesse ano, seu segundo livro infantil. Mais informações: www.samantafloor.com.br.

Felipe 5Horas: designer por formação, professor por profissão e quadrinhista por insistência. Fala sobre quadrinhos no Kokocast e em http://5e15.com. Lançou Uma Ilha e Diário5H em 2013, e publica quadrinhos irregularmente em www.felipe5horas.com.

Fernanda Chiella: trabalha há oito anos na área de jogos e já publicou quadrinhos pela Image Comics, Devir e Mauricio de Sousa Produções. Atualmente, trabalha no projeto Heavy Metal Machines, da desenvolvedora Hoplon. Mais informações em facebook.com/fereleufefa.

A Balão Editorial

            A Balão Editorial estreou em janeiro de 2010 com o livro de tirinhas Hector & Afonso – Os Passarinhos e desde então vem publicando títulos dos mais variados gêneros: quadrinhos, literatura e livros acadêmicos na área de ciências humanas. Em 2014, lançou Klaus, que rendeu ao autor Felipe Nunes o prêmio de Novo Talento – Roteirista no HQ Mix, considerado o Oscar Brasileiro dos Quadrinhos. A Balão Editorial possui também uma linha exclusiva de e-books. Mais informações em: www.balaoeditorial.com.br.

Guia Culinário do Falido

Autores: Leo Finocchi, Marília Bruno, Samanta Flôor, Felipe 5Horas e Fernanda Chiella

Editora: Balão Editorial

Páginas: 32

Formato: 14 x 21 cm

Preço: R$ 10,00

Mais informações: www.balaoeditorial.com.br

Papo de Quadrinho escolhe as Melhores HQs nacionais de 2014

Depois de eleger algumas das melhores HQs estrangeiras publicadas no ano recém-encerrado, chegou a vez de revelar nossa lista de obras nacionais.

O critério é o mesmo – apenas HQs inéditas – e sujeito à mesma falha: foram selecionados os títulos preferidos entre aqueles lidos pelos editores do Papo de Quadrinho.

Conheça nossa lista de Melhores HQs nacionais de 2014.

lizzie10. Lizzie Bordello e as Piratas do Espaço (Germana Viana – Jambô Editora)

Uma grata surpresa do ano que passou. Em seu primeiro trabalho em quadrinhos, a veterana ilustradora Germana Viana destila um humor nonsense, inteligente, anárquico. São histórias curtas, publicadas originalmente na internet, sobre um grupo pouco comum de amigas que viajam pelo espaço. Quem quiser, pode acompanhar o trabalho da autora neste endereço.

Veja matéria completa aqui.

Klaus9. Klaus (Felipe Nunes – Balão Editorial)

O jovem autor, de apenas 19 anos, criou uma fábula instigante para retratar a passagem da adolescência para a vida adulta. O personagem-título é o único humano numa terra de animais antropomórficos. Por ser diferente, passou a vida como vítima de preconceito, até que a verdade se revela e ele precisa fazer uma escolha: manter a convivência com os pais-tigres amorosos ou dar um salto no escuro rumo à maturidade.

Vigor Mortis Comics8. Vigor Mortis Comics 2 – Sangue, Suor e Nanquim (José Aguiar, Paulo Biscaia, DW Ribatski e André Dulci – Quadrinhofilia)

Segundo volume das HQs que adaptam obras multimídia da Cia. Vigor Mortis. Neste caso, a história fundiu o filme Nervo Craniano Zero e a peça Seance – As Algemas de Houdini. O resultado é uma trama ambientada em 1969 repleta de repressão política, assassinatos em série e viagens alucinógenas, misturada à vida miserável da enfermeira Lavínia, personagem fictícia da protagonista Bruna Bloch. Destaque para a mudança de estilo artístico a cada aspecto diferente da narrativa.

Beladona7. Beladona (Ana Recalde e Denis Mello – Avec Editora)

A personagem Samantha nasceu na internet, em páginas semanais publicadas no site Petisco. Graças ao financiamento coletivo, ganhou este belo álbum de terror sobre uma menina assombrada por pesadelos. Parte da história se passa nesse mundo de sonhos terríveis, em que Samantha é perseguida e atormentada por espíritos malignos; outra parte, menor, se dá no mundo real. Ana Recalde é uma das grandes roteiristas da atual geração, e o traço nervoso de Denis Mello faz jus à trama.

Click6. Click (Samanta Flôor – Independente)

Outra grata surpresa de 2014: apesar de curto – pouco mais de 30 páginas –, é o trabalho mais longo até agora da jovem, porém veterana, ilustradora. Sem diálogos, a história combina uma câmera misteriosa, zumbis, um artista de rua e uma garota amável.

 

 

Helena5. Helena (Montserrat e Simone Beatriz – New Pop)

Mangá produzido no Brasil, adapta a obra homônima de Machado de Assis. Da fase romântica do autor, a história tem todos os ingredientes daquela escola literária: a heroína trágica, o herói nobre, um amor impossível. Como outros livros deste período, é possível identificar elementos do Realismo, em especial a crítica social.

Leia resenha completa aqui.

bidu4. Bidu – Caminhos (Eduardo Damasceno e Luís Felipe Garrocho – MSP/Panini)

Ao longo da trama, o famoso cãozinho azul criado por Mauricio de Sousa precisa fazer uma série de escolhas: encarar ou não um cão maior para proteger seu território; deixar-se ou não capturar pelos donos do canil; ajudar ou não um companheiro em dificuldade. À medida que enfrenta novos desafios, suas escolhas amadurecem de uma atitude instintiva e autocentrada para outra mais generosa. Tudo isso antes de encontrar seu dono e eterno amigo Franjinha. Mais uma obra-prima da série Graphic MSP.

Leia resenha completa aqui.

Jonas3. A Vida de Jonas (Magno Costa – Zarabatana Books)

Envolvido em problemas com álcool e recém-separado de Júlia, Jonas tem uma existência solitária e sem perspectiva. Só mesmo uma grande perda para fazê-lo por fim à autoindulgência e encontrar um novo sentido para a vida. A grande sacada de Magno Costa é a caracterização dos personagens como fantoches de pano.

Leia resenha completa aqui.

Yeshuah2. Yeshuah volume 3 – Onde tudo está (Laudo Ferreira e Omar Viñole – Devir)

Depois de uma longa espera, Laudo concluiu a trilogia com sua visão personalíssima da vida de Jesus. Baseados em textos apócrifos de diferentes origens, este volume concentra-se na etapa final do Novo Testamento: a viagem a Belém para a comemoração da Páscoa, a prisão, calvário e execução. Ao longo dessa trajetória, Laudo reforça, de forma sensível e assertiva, a base dos ensinamentos de Jesus: o amor acima de tudo. Valeu a espera. Uma HQ emocionante.

Rafaela1. Aos Cuidados de Rafaela (Marcelo Saravá e Marco Oliveira – Zarabatana Books)

Rafaela, moça rebelde e independente, se passa por cuidadora de idosos e conquista a confiança da velha atriz Aurelita e os desejos secretos de seu filho, Nicolas. Aos poucos, ela domina a rotina de casa e tem início uma espiral de luxúria e submissão que só poderia terminar em tragédia. Tão perturbador quanto o roteiro de Saravá é a arte de Marco Oliveira, repleta de rostos disformes, planos ousados e uma intencional ausência de perspectiva.

Leia resenha completa aqui.

2013: O que vem por aí pela Balão Editorial

Este ano vai marcar a primeira publicação estrangeira em quadrinhos da jovem editora. Até então, a Balão vinha se notabilizando pela aposta em autores nacionais.

A estreia acontece com Pobre Marinheiro (Poor Sailor), de Sammy Harkham. A HQ é inspirada no conto At Sea do escritor francês Guy de Maupasssant e vai fazer parte da Coleção Zug. A história fala dos problemas que ocorrem quando o direito de propriedade se sobrepõe à dor humana.

A Balão obviamente não abandou a produção nacional de quadrinhos. Pela mesma coleção, a editora lança, ainda no primeiro semestre, Mary, de Magno Costa (Matinê) e, no segundo semestre, mais um volume de tiras de Os Passarinhos, criação de Estevão Ribeiro.

Muitos eventos de quadrinhos neste fim de semana

Impressiona a quantidade de convites para lançamentos, sessões de autógrafos e bate papos com autores de quadrinhos que chegam toda semana. Esta, porém, superou todas.

Para quem gosta do gênero, Papo de Quadrinho organizou esta pequena agenda (veja os flyers na galeria abaixo). Pena que alguns acontecem no mesmo dia e horário.

E se ainda tem alguém que acha que o mercado brasileiro não está aquecido, melhor rever seus conceitos…

Hoje, dia 9

Dossiê HQ: bate papo entre autores e leitores. Participação de Ricardo Tokumoto (Ryotiras), Luís Felipe Garrocho (Quadrinhos Rasos), Paulo Crumbim (Quadrinhos A2) e Cristina Eiko (Quadrinhos A2). Moderação de Magno Costa (Oeste Vermelho).

Na Gibiteria (Praça Benedito Calixto, 158), a partir das 19h.

Como na Quinta Série: Lançamento da HQ de Daniel Ribatski pela Balão Editorial, durante a Feira de Arte Impressa da Livraria Tijuana.

Na Galeria Vermelho (Rua Minas Gerais, 350), a partir das 19h.

Holly Avenger e LEDD vol.2: Lançamento do primeiro volume da Edição Definitiva da HQ de Marcelo Cassaro e Érica Awano, e do segundo volume da HQ de J.M. Trevisan.

Na Geek (Alameda Santos, 2152 – loja 122), a partir das 19h.

Amanhã, dia 10

Picles – Piadas do Fim do Mundo: lançamento da segunda HQ coletiva organizada pela Associação dos Quadrinhistas e Caricaturistas do Estado de São Paulo (AQC-ESP).

Na Comix Book Shop (Alameda Jaú, 1998), a partir das 14h.

Seu Turno – A Aventura Começa: Lançamento da HQ de Éder Gil, Raff Ribeiro e Fernando dos Santos, pela Editora Jambô (projeto selecionado pelo ProAC 2011).

Na Comix Book Shop (Alameda Jaú, 1998), a partir das 14h.

Ida e Volta: lançamento da HQ independente de Raphael Fernandes (Ditadura No Ar), Doug Lira, Pedro Pedrada e Rafa Louzada.

No Monkix (Rua Augusta, 1492 – loja 21), a partir das 16h.

A Máquina de Goldberg: Lançamento da HQ de Vanessa Barbara e Fido Nesti, pela Quadrinhos na Cia.

Na Livraria Cultura do Conjunto Nacional (Avenida Paulista, 2073), a partir das 16h.

Ano de Portugal no Brasil: bate papo com Laudo Ferreira sobre o tema “Auto da barca do inferno: Gil Vicente em quadrinhos”, que o autor adaptou pela Editora Peirópolis.

Na Casa das Rosas (Avenida Paulista, 37), a partir das 16h.

Escola de Animais reúne tiras de Leandro Robles

Conforme anunciado pelo Papo de Quadrinho no início deste ano, a jovem editora Balão Editorial está acaba de lançar Escola de Animais.

O livro reúne todas as tiras da série publicada por Leandro Robles no suplemento infantil da Folha de S. Paulo (Folhinha) entre os anos de 2003 e 2009, e outras inéditas, produzidas para o jornal mas que acabaram não saindo. O livro traz também cartuns produzidos especialmente para o álbum.

Escola de Animais é protagonizada por um grupo de bichos que frequentam aulas como se fossem humanos. As tiras são voltadas prioritariamente para o público infantil, mas devem agradar também os adultos. Trata-se da primeira HQ da Balão Editorial produzida totalmente em cores.

O lançamento oficial aconteceu no último final de semana na Gibicon, em Curitiba. Em São Paulo, tem evento de lançamento nesta quinta-feira (1), na Gibiteria (Praça Benedito Calixto, 158 – 1º andar), a partir das 19h.

Escola de Animais tem 64 páginas, formato 18,5 x 19 cm e preço de R$ 40.

2012: O que vem por aí pela Balão Editorial

A exemplo do ano anterior, Papo de Quadrinho consultou as editoras para saber quais serão suas novidades para o ano que começa.

A partir de hoje, o blog publica uma nota por dia com os lançamentos previstos até o momento. Coincidentemente, abrimos a série novamente com notícias da Balão Editorial.

Prevista inicialmente para 2011, a editora confirma para o primeiro semestre de 2012 o lançamento de Escola de Animais, coletânea de tiras de Leandro Robles publicadas originalmente no suplemento infantil Folhinha (da Folha de São Paulo).

A jovem Balão Editorial vem se dedicando a trabalhos de artistas nacionais. Tem em seu catálogo, entre outros, Os Passarinhos, Os Passarinhos e outros bichos (Estevão Ribeiro), Entrequadros – O círculo completo (Mário César) e Nós (Mário Cau).

FIQ 2011: Lançamentos da Balão Editorial

A editora aproveita o Festival Internacional de Quadrinhos para lançar o segundo volume de tiras Os Passarinhos e Outros Bichos, de Estevão Ribeiro.

Estrelado pelo aspirante a escritor Hector e seu crítico amigo Afonso, este novo volume conta com a participação de desenhistas convidados: Leandro Robles, Danilo Beyruth, Mário César, Mario Cau, Emerson Lopes, Lu Cafaggi, Orlandeli, Ila Fox, Leo Finocchi e Vitor Caffagi.

Os passarinhos do título recebem, ainda, novos personagens, como Patrício, o pato pobre, o joão-de-barro Damião, Agatha Triste e Andre Guinchando, além dos já conhecidos Paulo, o Coelho e Piu Gaiman.

O lançamento vai contar com duas sessões de autógrafos, com presença de Estevão Ribeiro, nos dias 12 e 13, ambas das 16h às 18h, no estande da Balão Editorial.

A editora promoverá sessão de autógrafo de seu outro lançamento, Entrequadros – O Círculo Completo, de Mário César, no dia 11, das 15h às 17h.

Os Passarinhos e Outros Bichos tem 88 páginas, formato de 16 x16 cme preço sugerido de R$ 20.

Entrequadros, de Mário César, ganha novo volume

O Círculo Completo foi apresentado oficialmente pela Balão Editorial na Rio Comicon e tem outros dois lançamentos agendados para novembro: na FIQ, em Belo Horizonte, e na Gibiteria, em São Paulo.

Este é o terceiro volume do título Entrequadros, de Mário César. O primeiro saiu em 2009, pelo coletivo de quadrinhos Quarto Mundo, e o segundo, A Walk on the wild side, pela Balão, no ano seguinte.

Esta última, inclusive, ganhou uma sequência em formato de webcomic, Beginning a Great Adventure, publicada no site da editora no final do ano e com download gratuito.

O trabalho de Mário César é bastante autoral e inspirado em passagens do cotidiano. Nos dois primeiro, adapta letras de músicas, de Chico Buarque e Lou Reed.

Em O Círculo Completo, o autor volta a falar de relacionamentos, tendo como protagonista o psicanalista Freuderico, a lembrança de um amor passado e a oportunidade de curar as feridas com um novo.

César tem trabalhos publicados na revista Front, que ajudou a editar, e na coletânea Pequenos Heróis, de Estevão Ribeiro, e em Nanquim Descartável, de Daniel Esteves. Atualmente, desenha charges para o informativo Jornalistas & Cia.

O Círculo Completo tem 88 páginas e preço de R$ 25. Em São Paulo, o lançamento acontece no dia 26 de novembro na Gibiteria ((Praça Benedito Calixto, 158 – 1º andar, loja 11 – Pinheiros).

Papo de Quadrinho é um blog da Revista O Grito!. Todos os direitos reservados. © 2013–2019