Revista O Grito!

Papo de Quadrinho — O Grito! Blogs – Quadrinhos

Categoria: Games

Brasil Game é Show!

FOTO01

O Papo de Quadrinho já vem há algum tempo falando sobre muitos outros temas ligados à Cultura Pop. Por razões óbvias, já que este editor que vos fala e o Jota Silvestre somos muito fãs de toda a Geek Media disponível e cultuada: séries, livros, desenhos animados e obviamente, games.

Claro que não temos a pretensão de fazer reviews como alguns sites especializados em games, mas nosso diferencial é a autenticidade e até o fato de sermos jogadores mais velhos, e nem por isso, menos entusiastas de Games.

A Brasil Game Show é a maior Feira de Games da América Latina, acontece no Expo Center Norte, em São Paulo, e dobra de tamanho a cada ano. Já se tornou o local escolhido pelas maiores empresas do mercado de Games para anunciar seus lançamentos no país. Por isso, pudemos jogar lançamentos, acompanhar previews, testar games recém lançados, jogos ainda não lançados e entrevistar produtores internacionais. Para os profissionais e fãs, um grande número de torneios estão sendo disputados nas mais diversas plataformas.

Tivemos a oportunidade de ver o polêmico PS4 da Sony, jogar o X-BOX One, e nos esbaldarmos numa cacetada de jogos bacanas, como: Killzone Shadow Fall, Assassin’s Creed IV: Black Flag, Battlefield 4, Fifa 14, Call of Duty: Ghosts, Batman Arkham Origins e Kogama, só pra ficar nos que mais gostamos. Surpresas divertidas e independentes como o gratuito Lunata Rescue e o jogo da Mônica ambos para iPhone, produzido pela Insane, também chamaram nossa atenção.

O resumo:

A BGS: É uma feira mais de exibição do que negócios. Lotada mas ordeira, e teve muitas atrações bacanas além dos Games.

tina_03

Fora cosplayers e algumas beldades, como a Ana Paula, do programa Pânico na Band, no estande da Revista X-BOX,  o pessoal do Jovem Nerd, do Mundo Canibal (que são muito engraçados), mais a galera da rádio da 89 FM Quem não faz, Toma (sobre Rock e Futebol), os favoritos do Editor Jota Silvestre.

O espaço era bem sinalizado e amplo, com banheiros limpos. A BGS dobrou de tamanho de 2012 para 2013. A comida era variada, porém com aquele precinho bem salgado.

Para se entrar pagando meia entrada, o público deveria trazer 1 Kg de alimento não-perecível e a arrecadação foi um sucesso. Mais um ponto para a organização do evento. O palco imenso e lotado estava preparado para receber o Campeonato de League of Legend. Não sabe o que é? Pergunte para seus filhos!

FOTO2

PS4: Polêmico por conta do preço desproporcional praticado no Brasil, o novo console da Sony é bonito de ver, mas com esse precinho (será vendido no Brasil há 4 mil reais) dá pra comprar uns dois X-Boxes. Ai fica difícil se encantar, por mais bonito que seja o console e por melhor e mais bem acabados que sejam os jogos exclusivos.

image16-550x308

X-BOX ONE: malhado por parece um videocassete, o novo console é bem simpático ao vivo. A jogabilidade é basicamente a mesma, os gráficos são bem acabados, mas nada revolucionário; talvez nem precise, os games hoje em dia já são muito bonitos. Tem o recurso de vibração no controle que é legal, uma interação a mais com alguns jogos. O controle é leve, curtimos esse detalhe também.

Perguntar não ofende: porque não vimos a Nintendo?

Os jogos favoritos desse editor que vos fala foram Battlefield 4 e Batman Arkham Origins. Battlefield 4 tem um visual espetacular (embora Killzone e Call of Duty também sejam bonitos), foi o mais divertido no quesito matar os amigos. Já o jogo do Batman é absolutamente sensacional. Assim como o jogo anterior. Batman, Arkham City, este novo jogo é bonito e divertido. As possibilidades são enormes, usar o cinto de utilidade e as habilidades de combate do Batman, não tem preço! A diversão é garantida. Falando em Batman, trocamos uma palavrinha com o Eric Holmes, o produtor do jogo, mas essa conversa fica pra revista… ;)

Foi um resumo do que vimos e o saldo foi muito positivo.

Dentro da área de entretenimento os Games são o maior filão, e além dos jogos, movimentam todo uma série de produtos agregados, quadrinhos, livros e filmes. Por isso é importante para o Brasil ter uma feira forte e em franca expansão. A BGS ainda está rolando até terça-feira (29/10), mas já encerramos nossa visita. Vamos aguardar ansiosos a próxima em 2014.

E embora os Editores sejam fãs de futebol, vale dizer que o Papo de Quadrinho é amplamente a favor de trocar a Copa do Mundo aqui por uma Comic Con!

COPA

Revista Mundo Nerd tem lançamento na loja Geek

Convite_Lançamento_MUNDO_NERD

Os editores do Papo de Quadrinho são colaboradores desta nova revista da Editora Europa e convidam a todos para o lançamento.

Defiance: nova série e game

Untitled-1Defiance é a nova série de ficção científica lançada pelo canal SyFy.

O que chama a atenção é a aposta em uma dobradinha interessante: interligar simultaneamente a audiência da série de TV com um videogame massivo.

A história apresenta como é a luta diária em um novo planeta chamado… Terra!

A chegada de uma frota de aliens à Terra trouxe sete diferentes raças alienígenas conhecidas coletivamente como Votans, que chegaram à Terra em busca de um novo lar, depois de seu sistema solar foi destruído.
Como era de se imaginar, os humanos não gostaram muito da ideia o que terminou em um conflito global.
Durante a guerra, os Votans terraformadores usaram sua tecnologia e alteraram a superfície do planeta, trazendo novas espécies de animais, abrindo vulcões, alterando a temperatura do planeta e lançando poeira e detritos… transformando completamente a Terra como conhecemos. Depois de décadas de guerra, um cessar-fogo foi declarado quando ambos os lados percebem que deviam se concentrar na sobrevivência neste novo e transformado planeta Terra.

Ao fim da guerra, o veterano Jeb Nolan (vivido pelo ator Grant Bowler) e sua filha alien Irisa (Stephanie Leonidas), retornam à cidade natal de Nolan, St. Louis, cidade localizada no que era anteriormente o estado americano do Missouri, para encontrar uma cidade em reconstrução, batizada agora de Defiance.

E com a mesma premissa temos o jogo Defiance, um shooter multiplayer desenvolvendo pelo estúdio Trion World, que pretende expandir essa experiência de viver nessa nova Terra transformada e diferente, realizando missões em um ambiente “mundo aberto” de exploração, com muita ação e violência.

Como nada disso importará se a série não for boa, podemos tranquilizar os amantes de ficção científica e o que acompanhamos nesse piloto foi positivo.
Os efeitos são satisfatórios e os personagens apresentados aos poucos são interessantes, criando uma tensão racial entre aliens e humanos, numa trama que envolve o futuro da própria Defiance.

Vamos acompanhar o andamento da série e descobrir se essa dobradinha fará sucesso.
Mais detalhes no site oficial.

 

Exterminador em Injustice: Gods Among Us

Quando vi o jogo na BGS em São Paulo, fiquei empolgado com os detalhes e com a jogabilidade.
Agora o vilão Exterminador (Deathstroke) aparece nesse novo trailer como um persoangem jogável.


O personagem tem me empolgado nos quadrinhos prublicados no Brasil (com o roteiro de Kyle Higgins e a arte do brasileiro Joe Bennett), além de ter conexões com o ótimo seriado Arrow da Warner.

Vamos aguardar o lançamento desse jogo que deve sair em abril de 2013, com versões já confirmadas para Playstation 3, Xbox 360 e Wii U.

Vem ai a Brasil Game Show 2012

Os fãs de games já podem se preparar. São Paulo vai receber entre os  dias 11 e 14 de outubro no Expo Center Norte, a Brasil Game Show.

Assim como na edição de 2011, os gamers que visitarem a BGS deste ano poderão conferir alguns dos principais jogos que serão lançados pelos grandes estúdios internacionais.

No ano passado os visitantes puderam jogar, em primeira mão, mais de 20 títulos que ainda não haviam sido lançados e, para este ano, as empresas prometem um número ainda maior de surpresas para o público presente. Os organizadores confirmaram que devido ao sucesso da feira em 2011, o evento deste ano recebeu o dobro de investimento, e esperam receber mais de 80 mil  pessoas em três dias abertos ao público (sexta, sábado e domingo) e um dia exclusivo para imprensa, profissionais da indústria de games, autoridades e convidados (quinta-feira).

As datas para a divulgação de cada um dos 12 patrocinadores do evento já estão no site oficial em www.brasilgameshow.com.br .
O anúncio de cada um deles será acompanhado de ações promocionais onde pistas serão divulgadas no Facebook da Feira em www.facebook.com/BrasilGameShow

Tem um vídeo bacana abaixo que conta um pouco sobre o que rolou ano passado.

 

Vale o investimento: Jogador Nº1

Para muitos jovens é difícil imaginar o que era ser criança ou adolescente na década de 1980. Parece um papo absurdo inventado pelos Pais, tentando convencer os filhos de que o mundo realmente existia sem internet, celulares e TV a cabo…

Os videogames nasceram um pouco antes, e nos anos 1980 eram primitivos pixels de poucos bits, que encantavam e desafiavam a imaginação dos jovens. Mas o tempo passou e os nerds dominaram o mundo, enquanto os videogames, cada dia mais sofisticados, se tornaram o símbolo máximo dessa conquista.

Em o Jogador Nº1, o autor Ernest Cline, faz uma homenagem às duas gerações distintas: à velha guarda que criou os videogames e aos jovens gamers, que os transformou na maior indústria do século 21.

Na trama, a maior parte da humanidade passa o tempo livre dentro de um game global de realidade virtual chamado OASIS, já que em 2044, o mundo tem tantos problemas que o interesse no mundo virtual é bem maior do que na pesada realidade.

O criador do OASIS morreu deixando sua fortuna para quem desvendasse um enigma e espalhou pistas neste universo virtual. Para encontrar o grande prêmio basta desvendar as pistas: referências da cultura pop dos anos 1980, período em que ele era criança. Seriados, bandas, quadrinhos, filmes, videogames e RPG… …resta aos milhares de gamers estudarem toda a cultura de seus avós e tentaram a solução deste enigma.

O ritmo do livro, as citações de toda a cultura pop e o mistério bem amarrado dão o tom, o que faz com que o leitor não sinta a hora passar enquanto lê. O protagonista Wade Watts (o narrador em primeira pessoa) é um nerd pobre e excluído que penetra fundo na cultura dos anos 1980 para vencer. E quanto mais Wade passa fases neste jogo, mais perigoso ele fica, com vilões atacando também no mundo real, dispostos a matar para colocar as mãos nas informações que ele desvendou.

Wade Watts é um nerd gordo, espinhento e esquisitão, que o autor transforma em um legítimo herói carismático. Ele deve conquistar um lugar na galeria dos grandes heróis modernos ao lado de personagens marcantes como Harry Potter, Katniss Everdeen e Percy Jackson.

Ernest Cline criou uma fórmula certeira, misturando Atari com realidade virtual, John Hughes com irmãos Wachowski. O livro tem o dom de hipnotizar “jovens” trintões e agradar os jovens adolescentes do século 21, todos torcendo por Wade e loucos para “zerar” o livro.

Jogador Nº1 de Ernest Cline (Editora Leya) tem 464 páginas, formato brochura e preço estimado de R$ 26,90. Vale o investimento.

Vídeo: A breve história dos videogames

No ano em que o Atari, o console que popularizou os videogames no Brasil, faz 40 anos, recebi a dica de um vídeo sensacional!

A Brief History of Video Games (A breve história dos videogames) é uma brincadeira e uma homenagem aos joguinhos e consoles que alentaram a infância destes editores.

Claro que na evolução da timeline, os games atuais não foram esquecidos.

Vale dar uma conferida!

(dica da Vanessa Nunes)

O pau vai comer no novo game da DC

A divisão de jogos da Warner Bros. anunciou para 2013 Injustice: Gods Among Us (Injustiça: Deuses entre nós), estrelado pelos principais heróis (Batman, Superman, Flash, Mulher-Maravilha) e alguns vilões (Solomon Grundy, Arlequina) da editora.

O desenvolvedor é o NetherRealm Studios. Se o leitor não está associando o nome à empresa, é a mesma que produziu Mortal Kombat. Só por isso, já dá pra ter uma ideia do que vem por aí.

Isso mesmo: confrontos “mano a mano”, golpes espetaculares e muita pancadaria. Confira no trailer abaixo:

Wolfenstein 3D completa 20 anos

Quando os PCs começavam a emplacar como eletrodoméstico e os games a se difundir entre seus usuários, um jogo tornou-se febre entre a gurizada: Wolfestein 3D, criado pela então desconhecida empresa id Software e lançado em 1992.

Um herói percorria armado um labirinto em “3D” para caçar nazistas em um Bunker com o auxílio de algumas armas. A visão em primeira pessoa permitia que o próprio jogador atuasse como esse herói. Passagens secretas, troca de armas e muita ação – com direito a enfrentar o próprio Hitler no final – fizeram desse jogo um sucesso absoluto.

Wolfestein 3D deu origem a um gênero de jogos que, anos mais tarde, fariam dos games a industria de entretenimento mais poderosa do mundo, superando os blockbusters de Hollywood.

Para comemorar os 20 anos de lançamento e matar a saudade dos primeiros jogadores, a Bethesda Software disponibilizou uma versão in-browser do clássico: wolfenstein.bethsoft.com.

Game dos Vingadores cancelado?

Claro que o filme dos Vingadores, produção ousada que reúne alguns dos maiores heróis da Marvel, não ficaria sem um videogame.

Ao contrário de praticamente todos os games baseados em filmes, o trailer deste que vazou na internet promete ter tudo para ser supimpa.

O curto vídeo dá dicas de que cada herói funciona de acordo com seus respectivos poderes enquanto o jogo está todo em primeira pessoa.

A curiosidade fica por conta da produtora, o estúdio THQ da Australia, que foi fechado e este jogo (de babar) foi, teoricamente, cancelado.

Será?

Página 0 de 2

Papo de Quadrinho é um blog da Revista O Grito!. Todos os direitos reservados. © 2013–2017