1a_4a_Capa_BROCHURA_TM_Licoes_Graphic_Novel.indd

Turma da Mônica – Lições é o oitavo volume do selo Graphic MSP, em que artistas nacionais imprimem sua visão pessoal sobre os personagens de Mauricio de Sousa, e o segundo produzido pelos irmãos Vitor e Lu Cafaggi.

Falar da forma sensível com que Vitor e Lu, cada um dentro do seu estilo, retratam a turma é chover no molhado. Isso já ficou bastante evidente em Turma da Mônica – Laços, de 2013. E se é que era possível superar em beleza estética e narrativa o trabalho anterior, eles conseguiram.

Na abordagem principal, Lições, como o próprio nome evoca, versa sobre o aprendizado. Partindo da metáfora da lição de casa, os autores colocam os personagens numa situação em que eles precisam aprender a arcar com as consequências de seus atos.

Um olhar mais atento, no entanto, revela que a HQ fala da dor do crescimento. Mônica, Cebolinha, Cascão e Magali estão agora no primeiro ano do Ensino Fundamental. Eles cresceram desde a última aventura e, com isso, perderam o direito à impunidade para certos tipos de travessura.

O castigo arranca as crianças da sua zona de conforto e as obriga a ver que o mundo é muito maior do que seu restrito círculo de amizade. Como toda lição, também a de crescer é difícil, mas traz como resultado o aprendizado e o amadurecimento.

A seu modo, cada um dos personagens passa pelas fases do luto: negação, raiva, negociação, depressão. A história chega ao clímax quando eles finalmente chegam à última fase, aceitação.

É então que Mônica percebe que pode ser a “rainha do pedaço” onde quer que seja necessário; Cebolinha, que o potencial de sua engenhosidade vai muito além de roubar o coelhinho Sansão; Magali descobre um sentimento novo; e Cascão fica a um passo, literalmente, de enfrentar seu maior medo.

O final aberto deixa uma mensagem de que crescer é difícil, sim, mas, ao mesmo tempo, é como se o mundo escancarasse uma janela de infinitas oportunidades.

Turma da Mônica – Lições é quadrinho de gente grande, criado por dois irmãos que atingiram a maturidade artística. Vitor e Lu Cafaggi já são bem grandinhos, mas nunca perderam o olhar de criança sobre todas as coisas.

A HQ tem 80 páginas, formato 19 x 27,5 cm, capa e miolo coloridos e duas opções de preço: R$ 21,90 (capa cartonada) e R$ 31,90 (capa dura).

Comentários