Neste ano, o edital de financiamento da produção de quadrinhos por parte da Secretaria da Cultura de São Paulo sofreu alterações.

A primeira delas foi a redução de 10 para 5 projetos selecionados, que receberão R$ 40 mil cada (até o ano passado, a verba era de R$ 25 mil por projeto).

Outra mudança diz respeito ao prazo de conclusão: de oito para 12 meses a partir do pagamento da primeira parcela. Segundo Papo de Quadrinho apurou, a Secretaria atendeu a um pedido dos autores.

A lista dos projetos selecionados no edital deste ano foi publicada hoje (13) no Diário Oficial do Estado:

Remy, de Júlia Nascimento Bacellar (Júlia Bax);

Quaisqualigundum, de Rogério da Cruz Kuroda (Roger Cruz);

A Vida de Jonas, de Magno Costa;

Aos Cuidados de Rafaela, de Marcos Leandro de Oliveira e Marcelo Saravá (imagem acima);

Ronda Noturna, de Olavo Costa.

Os projetos ainda estão sujeitos à análise da documentação, a ser realizada em audiência pública ainda não marcada. Em caso de desclassificação, assumem os suplentes, nesta ordem:

O edifício do Sr. Svensen, de Benson César Di Chin;

Luz Del Fuego, a rainha solar, de Laudo Ferreira Jr.;

Desbravadores do Xingu, de Celso Oliveira Menezes;

A cena muda, de Luciana Artacho Penna;

Em busca de Leônidas, de Wanderson de Souza Caetano.

Comentários