Dando continuidade à repercussão no mercado do Restart da DC, finalmente já é possível ter uma ideia bastante precisa da venda de cada título.

Como estimado anteriormente, Justice League 1, de Geoff Johns e Jim Lee, lançada no dia 31 de agosto, ocupou o primeiro lugar no ranking com mais de 171 mil cópias vendidas. O alardeado 200 mil vai se confirmar apenas no mês que vem, quando forem contabilizadas as duas reimpressões e embarques para o Reino Unido.

O anúncio da Restart da DC impulsionou o título Flashpoint, que encerra o “velho” universo da editora. Com dois números desta revista e mais a segunda edição de War of the Green Lanterns Aftermath, a editora do Superman fecha sua participação no ranking das 10 HQs mais vendidas no mês, com quatro títulos.

Pelo menos neste mês, a Marvel continua mandando no mercado com 42,5% de participação no total de exemplares vendidos e 37,3% do faturamento. A DC vem logo atrás com 38,9% e 30,8%, respectivamente.

Este quadro deve mudar em setembro, quando se confirmar que vários dos 52 títulos do Restart da DC, lançados com numeração zerada ao longo do mês, tiveram vendas acima das 100 mil cópias.

Veja a lista das 10 HQs mais vendidas em agosto nos Estados Unidos.

1)     Justice League 1: 171.334 cópias

2)     Flashpoint 5: 94.547

3)     Fear Itself 5: 90,914

4)     Flashpoint 4: 86,216

5)     Ultimate Comics Fallout 4: 73,764

6)     Amazing Spider-Man 667: 71,235

7)     Avengers 16: 60,295

8)     War of the Green Lanterns Aftermath 2: 57,707

9)     Amazing Spider-Man 668: 57,533

10)   New Avengers 15: 56,035

Enquanto isso, no Brasil…

Continuamos na era do obscurantismo. Quem audita a circulação (ou seja, venda efetiva) das publicações, inclusive HQs, é o Instituto Verificador de Circulação (IVC) – que só disponibiliza os dados para seus assinantes.

Por ocasião da nota publicada ontem sobre as vendas da revista Turma da Mônica Jovem, Papo de Quadrinho solicitou à assessoria de imprensa da Panini a confirmação dos 500 mil exemplares vendidos. Até o momento, silêncio…

Comentários