Adeus a um dos mais importantes cineastas italianos, Vittorio Taviani, vencedor da Palma de Ouro em Cannes, em 1977, com Padre Padrone. Ele faleceu nesse domingo (15), aos 88 anos, segundo a imprensa italiana.

O cineasta realizou vários longas, muitos ao lado do seu irmão, Paolo. Inspirados pelo neo-realismo italiano, do mestre Roberto Rosselini, eles sempre trataram de questões sociais em seus filmes. Seu cinema foi marcado por uma mistura de psicanálise, poesia e história. Entre seus trabalhos mais conhecidos está Kaos, de 1988.

Nascido na Toscana em 1929, Taviani fez ao lado do irmão uma das filmografias italianas mais relevantes do pós-guerra. A parceria com Paolo, bastante atípica, é uma das mais célebres da história do cinema.

Doente há muitos anos, Vittorio já não foi mais creditado no mais recente filme de Paolo Taviani, Una Questione Privata. [Com informações da AFP]

Sem mais artigos