Custódia na década de 1970 (Foto Administração Sílvio Carneiro)

Vem aí a Revista Dona Custódia, nova publicação independente que tem lançamento previsto para outubro. Feita por jovens custodienses, o título vai resgatar e (re)construir o sentimento de pertencimento à cidade de Custódia, localizada no sertão do Moxotó, microrregião pernambucana. Eles estão buscando financiamento coletivo para viabilizar o projeto.

As pautas da Dona Custódia vão desde o nascimento do município, adolescência, juventude e hoje, sua fase mais madura. Além de tratar sobre cultura, economia, política, arquitetura e comportamento.

Com uma proposta independente, sem viés político e periódica, tem linha editorial focada na cidade: retrata histórias, recupera memórias, apresenta expressividade e busca participação por meio das matérias publicadas. Procura também fazer uma observação dos acontecimentos peculiares rotineiros que passam despercebidos no cotidiano e impactam a vida de todos. Um dos idealizadores da revista é Augusto Moraes, jornalista colaborador da Revista O Grito!.

A campanha para financiamento do projeto foi lançada na plataforma Catarse. Os interessados em colaborar podem acessar o link e doar valores a partir de 15 reais. Em retribuição, cada colaborador receberá além de um exemplar da revista, outros itens dependendo do valor doado.

Veja o editorial da revista publicado no Medium.

Proposta de capa, ainda não finalizada, da Dona Custódia. (Divulgação).

Sem mais artigos