Coletivo sai do underground em edição luxuosa de quadrinhos etílicos e nonsense

As histórias de bar já foram motes para diversas narrativas, mas tem uma que se popularizou, as piadas de boteco. A HQ Bar, do coletivo O Miolo Frito, reúne histórias que fogem do convencional desse tipo de tema, mas ao mesmo tempo trazem elementos bem reconhecíveis. Baratas exploradas por ratos na cozinha; um morto que habita os banheiros imundos e não sai até pagar o fiado; o sucesso das coxinhas recheadas com insetos. Essas e outras histórias hilárias fazem parte desse volume da editora Mino, que ao mesmo tempo que traz um acabamento impecável, com papel de alta gramatura, excelente trabalho de letreiramento e projeto gráfico, tem também a atmosfera rústica, de sujeira, que remete às revistas d’O Miolo Frito.

Leia Mais
Uma crise para tirar os X-Men do marasmo
O nosso medo da morte em Deslocamento
Uma HQ jazzística para Billie Holiday

Formado em São Paulo, o coletivo conta com os quadrinistas Benson Chin, Adriano Rampazzo, Thiago A.M.S. e Breno Ferreira. Ao todo foram oito publicações independentes, em formatos variados (além de um Tumblr), lançados desde 2012. Cada autor desenvolve um estilo próprio, seja um traço mais cartunesco ou pincéis mais sujos, mas tudo dentro de uma mesma estética trash/escatológico/alucinada. Os desenhos são impactantes e com bastante unidade para um trabalho coletivo.

O tipo de humor do Miolo Frito é ao mesmo tempo perturbador e catártico, pois se relaciona com o que temos de mais primal, com quase nenhum freio moral. É tipo um carinho em nossa fossa cerebral, aqueles pensamentos que fomos ensinados a suprimir. Tem também um tom nonsense, que é uma forma de lidar com o absurdo do cotidiano. O Brasil tem tradição nessa escatologia nos quadrinhos, com nomes como Marcatti e Lourenço Mutarelli. Mutarelli, inclusive, assina o prefácio do livro. “Gosto do que essas caras produzem porque é algo novo, ao mesmo tempo que é a resistência e manutenção do “underground”. O que eles fazem, é novo e velho, ou clássico, ao mesmo tempo”. Com Bar, o Miolo Frito ganha enfim, o destaque que sempre mereceram.

[Recomendado]

Compre com desconto na Amazon.

Sem mais artigos