O No Ar Coquetel Molotov é muito mais que um evento musical. É um belo encontro de artistas e de gente bacana num grande espaço onde a caretice e a intolerância não tem vez. Por isso O Grito!, além de acompanhar os shows, lançou seu olhar para quem fez da edição desse ano um lugar aberto para cada um mostrar os seus desejos, suas fantasias, e transformar seus corpos e suas vestimentas em manifestos vivos a favor da diversidade e pelo fim das barreiras de gênero.

Um mundo alegre em contraponto às trevas que vagueiam tenebrosas pelo Brasil afora. As imagens captadas pelo nosso colaborador Jonatan Oliveira falam melhor dessa ousadia de algumas dessas criaturas que assumiram suas personas com um toque especial com cabelos coloridos; barba, vestido e colares de pérolas; glitter e adereços coloridos – e tornaram o Coquetel Molotov desse ano ainda mais bonito.

Leia Mais: Cobertura No Ar 2017
Renovado, o Molotov faz sua melhor edição
Palcos Aeso/Sonic/Rural: Encantamento e lombra

Palco Sonic entre a experimentação e a jogação

Entrevistas
Linn da Quebrada: Hora de celebrar o corpo preto e periférico
Rincon Sapiência e Batalha da Escadaria
Kalouv e o novo disco
O NoPorn enfim chega ao Recife
Tudo sobre esta edição do No Ar

Fotos de Jonatan Oliveira.

Sem mais artigos