Foto: Divulgação.

Foto: Divulgação.

O cantor Ortton veio a público pedir desculpas depois que teve uma conversa sua exposta no Facebook. A designer e figurinista Joana Gatis publicou mensagens em que o cantor a agredia com palavras desrespeitosas e de cunho machista. “Não sou machista na vida. Trato as mulheres da minha vida no cotidiano com cuidado e gentileza”, disse.

O texto foi publicado em seu Facebook na terça (26). Veja abaixo:

ortton3

Não é a primeira vez que Ortinho se envolve em casos de misoginia. Em 2013, durante o Festival de Inverno de Garanhuns, ele disse que “apenas mulheres grávidas deveriam ser respeitadas”. “Só respeitem mulheres grávidas, nas outras podem meter o dedo no parreco, elas querem dar. Podem meter o dedo, que todo mundo quer foder”, disse ele no palco.

Este ano ele lançou uma caixa com todos os seus discos solo, anunciou novo nome artístico e se apresentou em São Paulo. Nos anos 1990, ele foi parte da cena pop do Recife com a banda Querosene Jacaré. Ortton não foi encontrado para comentar o caso.

Sem mais artigos