Dou 20 contos pra quem conseguir ouvir a voz do Bellamy nesses dois vídeos aí de cima. O primeiro está melhor porque foi gravado do alto e dá pra ouvir tudo que foi gritado e cantado pelo povo lá embaixo – o único problema é que o som trava a cada vez que o zoom é acionado. Já no segundo, dá pra sentir o “calor”, literalmente, de estar no meio da galera.

Olha, eu já fui em vários shows – alguns com bandas de, supostamente, mais sucesso do que o Muse tem hoje -, mas eu juro, juro mesmo, que nunca tinha visto uma coisa dessas na minha vida. As pessoas estava loucas, loucas, loucas. Foi assustador.

Sem mais artigos