De Curitiba

Bernardo Santos & Cia, ou seja, BNegão e os Seletores de Frequência (RJ) são figuras carimbadas na capital paranaense. BNegão (Plant Hemp e The Funk Fuckers) circula e atua por Curitiba desde 1995, é DJ residente da casa 351 (centro cultural no São Francisco, no coração da cidade) e tem inúmeros parceiros e participações em shows de vários artistas locais. Não à toa Curitiba foi escolhida como o terceiro destino da recém-iniciada turnê que divulga o terceiro trabalho da banda em 13 anos de atividade – TransmutAção.

O show foi divido em duas partes. A primeiro traz o novo trabalho na íntegra e na sequência exata das faixas. Na segunda parte a banda toca todos os hits dos álbuns anteriores.

O novo álbum, TransmultAção, é mais um lançamento via edital da Natura Musical (que já contemplou Karina Buhr, Milton Nascimento, Marcelo Jeneci e Tom Zé). O trabalho foi produzido pelo Mauro Fernandes – pernambucano que também tem raízes paranaenses, ex-produtor do Cordel do Fogo Encantado, atual Devotos, China, além do BNSF. A produção foi feita em pouquíssimo tempo para os padrões dos álbuns anteriores do Seletores de Frequência e, por isso, “foi uma verdadeira polaroid do momento atual brasileiro”, segundo B.Negão.

Foto: André Mantra para a Revista O Grito!.

Foto: André Mantra para a Revista O Grito!.

É um disco politizado e espiritual, segundo o músico. Entre as canções inéditas há uma cover à gafieira de “Fita Amarela” de Noel Rosa, que neste show realizado na capital paranaense foi um dos momento apoteóticos. Há também uma vinheta “Um Tema Para Iemanjá”, que no show é uma ciranda de roda hipnótica, que certamente fará enorme diferença no show em solo recifense.

O show foi marcado por gritos de protestos contra o governador do Paraná Beto Richa, rodas de pogo, e muitas crianças, uma delas com um cartaz pedia pelo primeiro hit de BNSF “A Verdadeira Dança do Patinho” que encerrou um show de 2 horas de duração.

Na ocasião foi possível bater um papo com BNegão. Conversamos sobre o novo trabalho, a presença do pernambucano Alexandre Garnizé (Faces do Subúrbio, F.U.R.T.O. e Abayomy Afrobeat Orquestra), e do paulista Ricardo Pacato na percussão, além das programações do estadunidense-brasileiro Maga Bo, amigos e parceiros de BNegão de longa data, e também um convite de BNegão e Garnizé para o show desta turnê no Recife no próximo dia 03 de outubro na Roof Tebas.

Serviço:
O show do Roof Tebas é dia 3 de outubro no Roof Tebas (Rua da Concórdia, 943 – São José), às 22h. Devotos abre o show. Ingressos no Eventick.

Sem mais artigos