A revista Interview, um dos ícones da cultura pop mundial, chega ao fim. Criada por Andy Warhol há 49 anos, a publicação foi bastante inovadora ao trazer entrevistas bastante pessoais e longas, além de editoriais que saíam do lugar-comum.

Segundo o Observer, a publicação está imersa em diversos processos e débitos, incluindo seu antigo diretor editorial, Fabien Baron, que entrou na justiça pedindo 600 mil dólares de indenização. A redação também a ser despejada de seu escritório em Nova York em fevereiro deste ano por conta de aluguéis vencidos.

Fundada por Warhol em 1969, a revista foi vendida para a Brant Publications após a morte do artista em 1987. Entre seus colaboradores estavam Truman Capote e o próprio Warhol. Ela também era conhecida por convidar estrelas para entrevistar outras estrelas, o que transformava a reportagem em algo pouco ortodoxo e bastante inusitado. É o caso de Beyoncé, que entrevistou a irmã, Solange ou Seth Rogen que fez um perfil do rapper 21 Savage.

A atual editora da revista não deu nenhum comunicado, mas funcionários já postaram no Twitter que a revista encerrou as atividades.

A revista chegou a ter uma edição brasileira nos anos 1980 com capas com estrelas como Patrícia Pillar e Débora Bloch.

A drag queen Divine na capa da revista. (Divulgação).

Sem mais artigos