convidou Coutinho para assinar a capa do seu novo álbum, que sai este ano. Planeta Fome chega às plataformas digitais em setembro.

A capa de Laerte reforça o tom político do disco e traz diversas referências do contexto sociopolítico atual, mas em tom de caos. Saturado, excessivo e confuso, a arte mostra o qual surreal é esse tempo em que vivemos.

O nome do novo disco, Planeta Fome, faz referência a um episódio da vida de Elza Soares, no início de sua carreira. Ao se apresentar no programa de Ary Barroso, aos 14 anos, o apresentador se questionou de onde Elza tinha saído ao ver uma cantora tão magra, vestida de forma tão simples. Sem titubear, ela respondeu: “do planeta fome”.

Nesta sexta (16), Elza Soares lança “Libertação (Eu Não Vou Sucumbir)”, faixa em parceria com Russo Passapusso, da BaianaSystem.

Este disco de Elza chega após Deus É Mulher, do ano passado.

Sem mais artigos