Há uma semana, os assinantes da Sky perderam de vista a MTV Brasil da programação da TV por assinatura. A Sky retirou o canal do ar por não chegarem a um “acordo comercial compatível”, como afirmou em nota oficial. O fato é que, sem aviso ou – muito menos – consulta prévia, os assinantes tiveram que aceitar a retirada do canal. No lugar da MTV Brasil, a Sky colocou o MTV Hits.

Até a tarde de ontem, a MTV continuava com a mesma nota oficial, declarando seu repúdio à atitude da Sky, mas sem adiantar como andam as negociações que, de acordo com a emissora, ainda assim continuam. “Isso pode ser só o começo, convocamos a nossa audiência a exigir os seus direitos e garantir sua liberdade de escolha, ou sugerimos que procurem um serviço que a respeite como consumidor”, alfinetou a emissora paulista, em entrevista a O Grito!, por email. Enquanto isso, o telespectador espera o com o controle na mão.

Sem mais artigos