O museu Murillo La Greca, no Recife, recebe exposição fruto de intercâmbio cultural entre Brasil e Itália. Com curadoria da artista ítalo-brasileira Eugenia Harten, a exposição Percursos Introspectivos da Alma Brazil Ediction é a quinta promovida pelo projeto, que reduz as distâncias entre a produção artística brasileira e italiana. A mostra fica em cartaz de 5 a 28 de abril, com entrada gratuita.

O museu funciona de terça a sexta, das 9h às 12h e 14h às 17h e no sábado, das 15h às 18h. Na abertura, a partir das 19h desta quinta-feira, o artista contemporâneo Daniel Santiago fará uma performance inédita.

Inédita no Brasil, a mostra já foi apresentada na Itália, na histórica cidade de Caravaggio, por ocasião das festividades preparadas pela administração municipal daquela cidade para celebrar o aniversário de um de seus mais ilustres cidadãos: o pintor Michelangelo Merisi Caravaggio. O acervo conta com obras de artistas de diversas regiões da Itália, entre profissionais consagrados com vasto currículo e jovens artistas de grande talento, promessas da arte contemporânea internacional.

A mostra, que celebra as várias línguas e linguagens faladas pela arte contemporânea, convida os visitantes por um percurso que começa pela obra neo pop de Vittoria Salati, segue a caminhada pelas ruas urbanas do impressionismo de Patrizio Oca, passa pelo realismo mágico e poético de Carmine Bellucci e Nacha Piattini Maria Ignacia, depois cria formas e cores espontâneas na abstração vitrificada de Mario Del Viero, e se dedica ainda a percorrer os valores expressivos dos materiais e do gesto informal de Mirko Roncelli, até atravessar as fronteiras entre o abstrato e o figurativo de Lorella Castelli, Marisa Ierardi e Eugênia Harten.

A primeira edição do Intercâmbio Cultural foi realizada em junho de 2015, no Museu da Cidade do Recife, apresentando ao público do Recife 30 obras de artistas italianos e outros 30 artistas brasileiros. Em contrapartida, a segunda edição aconteceu na cidade de Milão, Itália, na Galleria Art Studio38, em dezembro 2015. Na ocasião, participaram cinco artistas brasileiros e quatro artistas italianos, com o apoio e patrocínio do Consulado Geral do Brasil em Milão.

A terceira edição do Intercâmbio Cultural foi realizada em junho de 2016, no balneário de Búzios, no Rio de Janeiro, trazendo seis dos maiores expoentes da arte italiana para uma exposição na galeria N1 de Arte. Em 2016, a quarta edição foi na cidade de Caravaggio, na Itália.

Sem mais artigos