A obra Farol Vermelho, de Fefa Lins. (Divulgação).

A Casa do Cachorro Preto, em Olinda, realiza a exposição DELAS, no mês de Março. Por ocasião de mês dedicado às mulheres, o espaço será dedicado a 20 artistas dos mais variados estilos. A quarta edição da expo ainda presta homenagem à olindense Tereza Costa Rego.

Entre as artistas que expõem este ano estão Amelia Couto, Barbara Collier, Bia Melo, Carol Huang, Clara Moreira , Clara Nogueira, Clarissa Machado, Conchita, Dani Acioli, Fefa Lins, Gio Simões, Joana Liberal, Juliana Lapa, Kátia Fugita, Laura Costa Rego, Luciene Torres, Nathalia Queiroz, Simone Mendes, Tatiana Móes e Valéria Rey Soto

A exposição pretende provocar reflexões e instigar uma atuação pela igualdade de gêneros. São pinturas, ilustrações, desenhos, gravuras, esculturas, bordados, fotos, instalações e performances. Trabalhos que dialogam com o universo feminino e feminista, sintonizadas com a luta das mulheres por direitos iguais.

“Sermos contemporâneos de Tereza já é um grande privilégio. Tê-la como vizinha de rua, sentir sua presença e a certeza que guardamos muita identidade artística, sempre nos fez acalentar a idéia homenageá-la” diz Sheila Oliveira, organizadora da Mostra.

A participação especial de Tereza Costa Rego traz o seu “bordel imaginário” e o Pecado Original, obras que sintetizam e traduzem a concepção, o conceito e as aspirações da mostra. “A arte de Tereza inspira essa busca permanente por liberdade, a inquietude com o estabelecido previamente, a sensualidade despojada, o vermelho sempre forte, presente, revelador e transformador. Sempre ousada, com grandeza e sem ostentação. Para nós da Casa do Cachorro Preto esse é um daqueles momentos que traduzem nosso sentido de ser e nossa imaginação libertária”, diz Sheila Oliveira, por e-mail.

A exposição Delas abre ao público nesta Quinta-feira, 9 de março, às 19h, e fica em cartaz para visitação até 27 de março, na Casa do Cachorro Preto, de quinta a domingo. As obras estão disponíveis para aquisição. A Casa do Cachorro Preto fica na Rua 13 de Maio, 99, na Cidade Alta.

Sem mais artigos