Afudê: Morrissey sendo... Morrissey (Foto via The Sun)

O cantor Morrissey apresentou-se nesse domingo em Córdoba, na Argentina e provocou polêmica (bem ao estilo Morrissey) ao dizer que as ilhas Malvinas pertenciam aos argentinos. O lugar pertence atualmente ao Reino Unido e já foi palco de uma guerra entre os dois países em 1982.

Em um show transmitido pela internet, Morrissey afirmou: “Todo mundo sabe que as Ilhas Malvinas pertencem à Argentina, por isso, por favor não culpem o povo britânico, nós sabemos que as ilhas pertencem à vocês”. Claro, foi ovacionado pelo público.

As Malvinas (chamadas de Falklands pelos ingleses) voltaram à tona depois da proposta de um plebiscito que devolveria o controle das ilhas aos argentinos. Astros como Sean Penn e Roger Waters (ex-Pink Floyd) também são críticos à política britânica de permanecer nas ilhas, localizadas próximas ao litoral da Argentina.

Penn chegou a chamar a presença britânica no local de “colonialista e arcaico”. O detalhe final de polêmica deu-se no final, quando a banda mostrou camisas com a frase: “Nós odiamos William e Kate”, em referência aos príncipes britânicos queridinhos da imprensa.

O show repercutiu bastante no Twitter e foi transmitido pelo site de uma emissora de rádio local, usando o Livestream. Morrissey tocou faixas de seus discos solo e músicas dos Smiths. O cantor chega esta semana para shows no Brasil: quarta, em Belo Horizonte, sexta no Rio de Janeiro e domingo em São Paulo.

Foto: Morrissey Brasil / Facebook

Sem mais artigos