Morreu na última sexta (13), o desenhista e quadrinhista brasileiro Alain Voss. Ele faleceu de um AVC em Lisboa, onde morava. Voss teve grande parte do seu trabalho publicado nos anos 1970 e 80. Sua criação mais conhecida é Heilman, que chegou a ser proibida na Alemanha.

Mexendo com temas espinhosos como nazismo, violência e sexo, as principais obras de Voss são raridades em sebos brasileiros. No exterior, ele publicava na revista Metal Hurlant. É de Voss a capa do disco dos Mutantes, Mutantes e Seus Cometas no País dos Baurets, lançado em 1972.

O corpo será cremado nesta segunda (16), em Lisboa.

Sem mais artigos